Fórmula Truck -
 

Felipe Giaffone
é tetracampeão


Reportagem: Milton Alves
Fotos: Luciana Flores

Resultado o levou a ser o segundo piloto com 4 títulos na história da mais popular categoria da América do Sul.

Foi o final de semana dos sonhos de Felipe Giaffone. Além de, no Autódromo Ayrton Senna, em Londrina, garantir um 2º lugar no final da 10ª e última etapa da temporada da Fórmula Truck, ele fez a pole, igualou o recorde de Wellington Cirino (29) e se sagrou tetracampeão da mais popular categoria da América do Sul. Filho de Zeca Giaffone e sobrinho de Affonso Giaffone, duas lendas do automobilismo brasileiro, Felipe levou o caminhão Volkswagen a mais uma conquista nacional, a terceira consecutiva da fábrica. Com a mesma marca ele tinha se sagrado vencedor em 2007, 2009 e 2011. O vice-campeonato ficou mesmo com Paulo Salustiano, que fez o que pôde, venceu a segunda fase, mas não conseguiu tirar a vantagem de 29 pontos do atual campeão.

A primeira corrida da história da Fórmula Truck num sábado (homenagem ao aniversário de Londrina) foi repleta de emoção também devido à intensa chuva que assolou a cidade desde assolou a cidade desde as primeiras horas da manhã. Além da disputa entre Giaffone e Salustiano pelo título, Diogo Pachenki também lutava pelo vice-campeonato. Mas logo no começo da corrida Pachenki teve problemas na direção hidráulica do seu caminhão Mercedes-Benz e abandonou, o que, antecipadamente, garantiu o 2º lugar, na classificação geral, a Salustiano. Quem também comemorou logo em seguida foi Giaffone, que cruzou na frente da primeira fase, marcou 25 pontos e assegurou, matematicamente, sua quarta conquista. Ao cruzar a linha de chegada ele já fez a festa.

Na segunda fase, logo na relargada, Salustiano ultrapassou Felipe e se manteve na frente até o final. No segundo pelotão, muitas e intensas disputas por posições, com destaque para Raijan Mascarello, Adalberto Jardim e Roberval Andrade entre outros pilotos.

A equipe Copacol comemorou o 3º lugar de Diogo Pachenki no campeonato.

Os comissários desportivos da Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA) decidiram punir Paulo Salustiano por ultrapassagem ilegal na relargada da corrida deste sábado. Ele recebeu 20 segundos no tempo da corrida e caiu do 1º para o 7º lugar. Com isso, Felipe Giaffone, que tinha terminado em 2º, ganhou uma posição. Ele alcançou 27 vitórias na carreira e igualou a marca de Renato Martins, seu chefe de equipe.

Resultado da primeira fase da corrida (dez primeiros)
P Piloto Caminhão
Felipe Giaffone (SP) MAN
Paulo Salustiano (SP) Mercedes-Benz
Wellington Cirino (PR) Mercedes-Benz
David Muffato (PR) MAN
Adalberto Jardim (SP) MAN
Raijan Mascarello (MT) Mercedes-Benz
Roberval Andrade (SP) Iveco
André Marques (SP) MAN
Beto Monteiro (PE) Iveco
10º Djalma Fogaça (SP) Ford
 
Resultado da segunda fase da corrida (dez primeiros)
P Piloto Caminhão
Felipe Giaffone (SP) MAN
Wellington Cirino (PR) Mercedes-Benz
David Muffato (PR) MAN
Adalberto Jardim (SP) MAN
Roberval Andrade (SP) Iveco
André Marques (SP) MAN
Paulo Salustiano (SP) Mercedes-Benz
Beto Monteiro (PE) Iveco
Raijan Mascarello (MT) Mercedes-Benz
10º Luiz Lopes (SP) Iveco

Grid de largada

Menu F-Truck

Página inicial