Motor On Line
Notícias-

Etapas do Paranaense e do Metropolitano foram sucesso
Reportagem: Bispo Neto
Foto: Rogenes Santana
MRT

Num fim de semana (8, 9 e 10/7) quente em Londrina (PR), foram realizadas a 5.ª etapa do Metropolitano de Curitiba e a 2.ª etapa do Paranaense de Velocidade no Asfalto 2016, no Autódromo Internacional Ayrton Senna. Com disputas nas categorias Marcas “A”, “B” e “L”, Turismo 1.6 “A” e “B”, Marcas “L” e Speed Fusca, Turismo 5000 e Fórmula Premium, o evento teve promoção e organização da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA).

Durante os treinos classificatórios que definiram os grids de largada no sábado (9/7), os três primeiros por categoria foram:

Marcas “A”:
1.º) Davi Dal Pizzol / Gustavo Magnabosco (SC), 1min29s645;
2.º) Thiago Klein (PAR), 1min29s680; e
3.º) Valmor Emílio / Ariel Barranco (PR), 1min29s699.

Marcas “B”:
1.º) Stive Tokarski (PR), 1min29s747;
2.º) João Naumes / Alisson Nurnberg (PR), 1min30s982; e
3.º) Eduardo Pavelski (PR), 1min31s069.

Marcas “AL”:
1.º) Ricardo Augusto (PR), 1min30s761;
2.º) Márcio Yamagava (PR), 1min30s780; e
3.º) João Guilherme / Luiz Henrique (PR), 1min31s125.

Turismo 1.6 “A”:
1.º) Wilians Peres (PR), 1min32s136;
2.º) Roberto Baú / Rodrigo Kostin (PR), 1min32s427; e
3.º) Carlos Vaz / Marcelo Cordeiro (PR), 1min33s057.

Turismo 1.6 “B”:
1.º) Rafael Barranco (PR), 1min32s814;
2.º) José Pederneiras (PR), 1min35s587; e
3.º) Milton Borges / Rodrigo Geronazzo (PR), 1min36s838.

Marcas “L”:
1.º) M. Romera / W. Berveglieri (PR), 1min32s650;
2.º) G. Imagava / L. Inoue (PR) 1min33s025; e
3.º) Adriano / Caio Botelho (PR), 1min33s677.

Speed Fusca:
1.º) G. Pinheiro Jr / G. Garcia (PR), 1min32s489;
2.º) Estevam Manhani Netto (PR), 1min32s534; e
3.º) G. Gonçalves / A. Bonilha (PR), 1min1min34s874.

Turismo 5000:
1.º) Richard Heidrich (SC), 1min25s032;
2.º) Armin Kliewer (PR), 1min25s086; e
3.º) Marco Antonio Garcia (PR), 1min25s109.

Fórmula Premium:
1.º) Luís Zimermann (PR), 1min31s050;
2.º) Edson da Silva (PR), 1min31s219; e
3.º) Marco Dias (PR), 1min31s375.

Marcas

A primeira corrida das categorias Marcas “A”, “B” e “AL”, teve início às 13h50 do sábado, com 18 participantes, que realizaram uma prova muito disputada. Na primeira volta, a liderança na Geral era de Gustavo Magnabosco, seguido de Thiago Klein, Valmor Emílio, Stive Tokarski e Ruslan Carta Filho. O Safety Car já teve que intervir, para a retirada dos carros de Paulo Bento e Alexandre Frankenberger que se acidentaram no “Bacião”. Na relargada as posições permaneceram inalteradas até a terceira volta, quando Stive Tokarski superou Thiago Klein, assumindo o segundo lugar. Depois de 21 voltas, a vitória na Geral foi de Gustavo Magnabosco, com tempo total de 33min25s008, seguido de Stive Tokarski, a 3s680, Valmor Emílio Weiss, a 8s203, Ruslan Carta Filho, a 10s270, Rafael Bastos, a 20s006, e Richard Heidrich, a 20s840.

Abrindo as disputas no domingo (10/7), as categorias Marcas foram para a pista às 10h20, para a segunda corrida. O pole Davi Dal Pizzol manteve a liderança na largada, seguido de Stive Tokarski, Ariel Barranco, Ruslan Carta Filho, Rafael Bastos e Marcel Sedano. Na sétima volta Ariel Barranco assumiu o segundo lugar, com a quebra de Stive Tokarski. A disputa foi boa entre Pizzol, Barranco, Sedano e Klein pela liderança da prova. Na 15.ª volta Thiago Klein assumiu a liderança, com os carros de Pizzol e Barranco se tocando no “Bacião” saindo da pista. Após 22 voltas, Thiago Klein venceu na Geral, com tempo total de 33min27s858, tendo Marcel Sedano em segundo, a 4s437, Alexandre Frankenberger em terceiro, a 17s525, Ricardo Augusto em quarto, a 25s023, Richard Heidrich em quinto, a 27s472, e, João Naumes em sexto, a 29s721. Thiago Klein marcou a volta mais rápida das provas disputadas, na 10.ª passagem da segunda prova, com o tempo de 1min30s245, à média de 121,868 km/h.

Pontuação:

Marcas “A”:
1.º) Davi Dal Pizzol / Gustavo Magnabosco (SC), 28 pontos;
2.º) Marcel Sedano (PR), 21; e
3.º) Thiago Klein (PR), 20.

Marcas “B”:
1.º) João Naumes / Alisson Nurnberg (PR), 32;
2.º) Eduardo Pavelski (PR), 25; e
3.º) Stive Tokarski (PR), 20.

Marcas “AL”:
1.º) Ricardo Augusto (PR), 32;
2.º) João Guilherme (PR), 27; e
3.º) G. Souza / A. Jacob (PR), 25.

Marcas PR:
1.º) Davi Dal Pizzol / Gustavo Magnabosco (SC), 21;
2.º) Thiago Klein (PR), 20; e
3.º) Marcel Sedano (PR), 19.

Turismo 1.6

As categorias Tursimo 1.6, com 23 participantes, foram para a primeira corrida dividida em três (A, B, S e Marcas “L”). Na largada Wilians Peres manteve a liderança, seguido de perto de Beto Baú, G. Garcia, Estevam Netto, Rafael Barranco e M. Romera. O Safety Car entrou na terceira volta para a retirada de carros acidentados. Na relargada Wilians Peres manteve a ponta novamente, acompanhado de perto por Beto Baú até a bandeirada final. Ao fim de 19 voltas a vitória na Geral foi de Wilians Peres, com tempo total de 30min32s040, vindo a seguir de Beto Baú, a 2s407, G. Garcia, a 8s955, Estevam Netto, a 10s942, Rafael Barranco, a 13s108, e, Marcelo Cordeiro, a 15s714.

No domingo, a segunda corrida da Turismo 1.6 aconteceu às 11h20, também muito disputada, com mais uma boa apresentação de Wilians Peres. Rodrigo Kostin fez pressão no início da prova, mas o carro quebrou e abandonou a corrida com duas voltas. Rafael Barranco assumiu o segundo lugar na oitava volta. Destaque para os Speed Fusca, que sempre andam muito forte em Londrina. Depois de 20 voltas, a vitória na Geral foi novamente de Wilians Peres, com tempo de 33min46s624, seguido de Rafael Barranco em segundo, a 0s918, G. Pinheiro em terceiro, a 12s148, Estevam Manhani Neto em quarto, a 12s895, Antonio Manhani Filho em quinto, a 25s160, e, Anderson Garcia em sexto, a38s550. A volta mais rápida das provas disputadas foi de Wilians Peres, na 14.ª passagem da segunda corrida, com o tempo de 1min32s169, à média de 119,324 km/h.

Pontuação:

Turismo 1.6 “A”:
1.º) Wilians Peres (PR), 40 pontos;
2.º) Carlos Vaz (PR), 27; e
3.º) Elberto Alves (SC), 20.

Turismo 1.6 “B”:
1.º) Rafael Barranco (PR), 40;
2.º) Milton Borges / Rafael Genorazzo (PR), 27; e
3.º) José Pederneiras (PR), 27.

Marcas “L”:
1.º) Anderson Garcia (PR), 26;
2.º) Gabriel Imagava / Lucas Inoue (PR), 25; e
3.º) Dário Bernal (PR), 20.

Speed Fusca:
1.º) G. Pinheiro / G. Garcia (PR), 40;
2.º) Estevam Manhani Netto (PR), 30; e
3.º) Antonio Manhani Filho (PR), 24.

Paranaense:
1.º) Wilians Peres (PR), 40;
2.º) Rafael Barranco (PR), 27; e
3.º) Carlos Vaz / Marcelo Cordeiro (PR), 20.

Turismo 5000

Reunindo cinco carros em seu grid, a categoria Turismo 5000 foi para a pista às 15h50, para a sua primeira corrida de 20 minutos mais duas voltas. Na largada, o pole position Richard Heidrich manteve a liderança, seguido de perto por Armin Kliewer, Marco Antonio Garcia, Odair Costa Júnior e Rubens Kliewer. Na primeira volta Marco Garcia perdeu o terceiro lugar para Odair Costa Jr. Na sexta volta Armin Kliewer assumiu a liderança para não mais perdê-la. Depois de 16 voltas, vitória de Armin Kliewer, com tempo total de 23min03s996, com Richard Heidrich em segundo, a 1s289, Odair Costa Jr em terceiro, a 5s962, Marco Garcia em quarto, a 6s273, e, Rubens Kliewer em quinto, a 10s309.

Na segunda corrida, largando com o grid invertido, do resultado da prova anterior, Rubens Kliewer foi o pole position e manteve a liderança até a terceira volta, quando foi superado por Richard Heidrich. Um acidente entre Marco Garcia e Odair Costa na primeira volta forçou a entrada do safety car por duas voltas. Na nona volta Armin Kliewer assumiu a liderança para não mais perde-la. Após 14 voltas, nova vitória de Armin Kliewer, com tempo de 24min01s282, tendo Richard Heidrich em segundo, a 1s338, Marco Garcia em terceiro, a 1s630, e, Rubens Kliewer em quarto, a 3s647. Richard Heidrich marcou a volta mais rápida das provas disputadas, na 11.ª passagem da primeira corrida, com tempo de 1min25s647, à média de 128,411 km/h.

Pontuação:

Turismo 5000:
1.º) Armin Kliewer (PR), 40 pontos;
2.º) Richard Heidrich (SC), 30;
3.º) Marco Garcia (PR), 22;
4.º) Rubens Kliewer (PR), 18; e
5.º) Odair Costa (SC), 12.

Fórmula Premium

Dos quatro participantes da Fórmula Premium, dois não conseguiram disputar a primeira corrida. Com o grid formado, o carro de Luís Zimermann apagou e foi rebocado para os boxes. Na relargada, Marco Dias ficou no “Bacião”, abandonando a corrida e Airton dos Santos rodou e bateu na entrada da reta e também abandonou. Com a volta de Luís Zimermann ainda na primeira volta, a liderança foi folgada para Edson da Silva, que venceu após 11 voltas, com tempo de 21min29s782, seguido de Luís Zimermann, à 2min17s062.

Com todos os problemas de sábado resolvidos, os pilotos da Fórmula Premium foram para a segunda corrida às 14 horas, encerrando o fim de semana de velocidade em Londrina. Edson da Silva largou na pole position, mas com problemas, não conseguiu manter-se à frente, sendo superado por todos os adversários durante a prova. Depois de 15 voltas, vitória de Luís Zimermann com tempo de 23min15s006, tendo Marco Dias em segundo, a 31s429, Airton dos Santos em terceiro, a 1min25s616, e, Edson da Silva em quarto, a 1min28s545. A volta mais rápida das provas disputadas foi de Edson da Silva, na 10.ª passagem da primeira corrida, com tempo de 1min30s701, à média de 121,256 km/h.

Pontuação:

Fórmula Premium:
1.º) Luís Zimermann (PR), 35 pontos;
2.º) Edson da Silva (PR), 30;
3.º) Marco Dias (PR), 27; e
4.º) Airton dos Santos (PR), 24.

A sexta etapa do Campeonato Metropolitano de Curitiba de Velocidade no Asfalto 2016 está marcada para os dias 13 e 14 de agosto, no Autódromo Internacional de Curitiba (AIC), situado em Pinhais (PR).

Notícias

Página inicial