Motor On Line
Notícias-

No Brasileiro de Turismo nem tudo é o que parece ser...
Reportagem: Bruno Vicaria
Foto: Fernanda Freixosa
Uma quinta posição para começar bem os 46 anos foi perdida por conta de 20 segundinhos. Na verdade, uns três. Uma caca.

Aniversariante do fim de semana, Mauri Zaccarelli começou o novo ciclo de sua vida já vendo que se ela fosse fácil não seria divertida. O veterano do Campeonato Brasileiro de Turismo festejou por pouco tempo o quinto posto na corrida principal do fim de semana em Cascavel, o que seria seu melhor desempenho em 2016.

Segundos, aliás, que definiram toda a fatura.

Foram três segundos para ser informado que o safety car havia sido acionado na metade final da prova. Esses três segundos foram suficientes para Mauri passar Pietro Rimbano na condição de prova neutralizada, assim como Dennis Derani, que ultrapassou os dois concorrentes.

Por conta desses três segundos, ele tomou mais vinte e perdeu seu melhor resultado nesta temporada até o momento. "Foi uma questão de timing, infelizmente. Antes que venham fazer piadinhas não é a idade que está me deixando surdo! Brincadeiras à parte foi uma pena, pois fiquei muito feliz com meu desempenho", analisa o piloto da Nascar, que caiu para oitavo com a punição.

"Pior que perder o resultado só esses cinco graus. Nunca corri com tanto frio assim. Ainda bem que vou ganhar muitos abraços de aniversário, assim não vou congelar tanto", completa o piloto, que comemorou a data com esposa, filha e amigos em Cascavel.

O próximo encontro do Campeonato Brasileiro de Turismo acontece daqui quase dois meses nos dias 10 e 11 de setembro no Autódromo de Interlagos.

Notícias

Página inicial