Motor On Line
Notícias-

Kart: Goulart comemora título campeão Brasileiro e prêmio na F-3 Brasil
Reportagem: Erno Drehmer
Foto: Ricardo Oliveira
KGCom
Piloto gaúcho disputará temporada completa na principal divisão da F3 Brasil em 2017 pela RR Racing, prêmio oferecido pela CBA.

Os dois primeiros dias foram para trabalhar no acerto do equipamento, e neles os resultados não eram o objetivo principal. Eles começaram a chegar no terceiro dia: terceiro lugar no aquecimento e quarta posição na tomada de tempos. Os primeiros indícios de que algo grande estava por vir vieram naquele mesmo dia, com uma vitória na primeira prova classificatória.

Na sexta-feira, dia em que foram disputadas a segunda classificatória e a Pré-Final, Pedro Goulart (ECS Racing) teve mais motivos para chegar confiante à grande Final, pois conquistara um 5º lugar e, depois, a segunda posição, de onde largaria para a prova decisiva, com 22 pilotos no grid.

E assim chegou o último dia da 51ª edição do Campeonato Brasileiro de Kart, no Circuito Paladino, na Paraíba, dia em que seriam conhecidos os novos campeões de oito categorias, dentre elas a Sudam, onde o piloto de Porto Alegre (RS) se postava naturalmente como um dos principais favoritos.

"Calçado" em um equipamento competitivo, em que utilizava um chassi fabricado pela Kart Mini e motores sorteados fornecidos pela RBC Preparações, Pedro Goulart partiu para a decisão largando em 2º. Logo na largada, porém, ele perdeu quatro posições e caiu para sexto.

Sem se impressionar com o momento, Goulart tratou de se recuperar e logo assumia a quarta posição. Na frente, a forte disputa logo resultaria em um incidente entre Marcel Della Coletta e Olin Galli, que resultaria no abandono de Galli. Pedro Goulart se aproximou e, em uma ultrapassagem que demorou um pouco mais do que deveria, passou a figurar em segundo.

A pequena demora proporcionou ao líder uma boa oportunidade para abrir uma vantagem que Pedro Goulart não conseguiu descontar nas poucas voltas que restavam para o final, finalizando então em segundo, com o título de vice-campeão. Entretanto, poucas horas depois, os Comissários Desportivos anunciaram a decisão de punir o vencedor da prova em função do incidente entre ele e Olin Galli.

Com a decisão, Pedro Goulart era declarado Campeão Brasileiro de Kart na categoria Sudam, a mais importante e mais rápida da competição em sua primeira fase. Porém, mais importante de tudo, o gaúcho comemorava a conquista de uma das maiores premiações da história do kartismo nacional: uma temporada completa na divisão principal da Fórmula 3 Brasil, na equipe RR Racing, oferecida pela Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA).

"É uma emoção que não consigo explicar direito", conta Pedro Goulart (ECS Racing), comemorando o resultado mais importante de sua carreira. "Trabalhamos bastante nos treinos e a recompensa foi chegando aos poucos, até culminar com o título em uma categoria que tem nomes do tamanho do André Nicastro, um dos maiores vencedores do nosso kartismo", completou.

O Campeonato Brasileiro de Kart continua a partir desta segunda-feira (18), com sua segunda fase, quando Pedro Goulart competirá mais uma vez, agora pela categoria Graduados. "O foco agora é lutar por mais um título esta semana e espero que tudo dê certo novamente", aposta. "E, no ano que vem, foco total na Fórmula 3 Brasil, que tenho certeza que será uma experiência inesquecível, aliás meu principal objetivo ao vir para a disputa do Brasileiro. Quero agradecer muito ao meu preparador Laco, que está comigo desde o início da minha carreira e que me ensinou muito, ao Gegê, à Kart Mini e à MG Pneus, e também à CBA e à RR Racing pelo prêmio que ofereceram", encerrou o novo campeão brasileiro de kart.

Notícias

Página inicial