Motor On Line
Notícias-

F-4 Alemã: Felipe Drugovich saldo positivo ao fim da temporada de estreia
Reportagem: Erno Drehmer
Foto: Divulgação
KGCom
Brasileiro disputou a Fórmula 4 Alemã ao lado de Mick Schumacher, filho do heptacampeão da Fórmula 1, Michael Schumacher.

Quarto colocado entre 16 estreantes. 13º entre quase 40 pilotos. Vitórias e vários pódios. Desta forma, muito positiva, encerrou-se a temporada de estreia de Felipe Drugovich (Diesel Technic | Drugovich | Mahle | Noma) no automobilismo. Depois de vários anos competindo no kartismo brasileiro e europeu, o paranaense de 16 anos viveu pela primeira vez as emoções de uma categoria de monopostos, a Fórmula 4 Alemã, onde também competia o alemão Mick Schumacher, filho do heptacampeão da Fórmula 1, Michael Schumacher.

Drugovich, que competiu pela austríaca Neuhauser Racing, participou de oito rodadas triplas, realizadas em "templos" do automobilismo, como Nürburgring e Hockenheim, na Alemanha; Zandvoort, na Holanda; e Red Bull Ring, na Áustria.

"Foi uma temporada principalmente de muito aprendizado", resume Felipe Drugovich. "E, além de ter aprendido muito, consegui traduzir isso em bons resultados, pódio na geral e algumas vitórias entre os estreantes, mesmo que o objetivo não tenha sido esse", ressalta.

Dentre os principais resultados obtidos pelo representante de Maringá (PR) na Fórmula 4 Alemã estão o 4º lugar em Oschersleben (quando venceu entre os "rookies"), um 5º lugar em Lausiztring (outra vitória entre os "rookies") e um 3º e um 4º lugar em Zandvoort. Na pista holandesa, o 3º lugar, obtido sob chuva, significou a conquista de seu primeiro pódio geral, em meio a cerca de 40 concorrentes.

"No primeiro ano de Fórmula, aprendemos tanta coisa que é difícil até lembrar de tudo. Guiar até que não é tão diferente do kart. O mais difícil, no meu entender, é tomar decisões recebendo muito mais informações do que no kart, por exemplo", explica Drugovich.

Na próxima temporada Felipe Drugovich (Diesel Technic | Drugovich | Mahle | Noma), deverá permanecer na Fórmula 4 Alemã. É quando os objetivos deverão ser maiores. "Acho que já tenho condições de estabelecer como objetivo principal lutar por posições no Top 5", resume o piloto, que ao mesmo tempo deverá ter os primeiros contatos com outras categorias pensando em 2018.

Felipe Drugovich reside na Itália e deverá voltar ao Brasil apenas próximo ao Natal, que é quando terá duas semanas de férias na escola em que estuda. Neste período em que ficará na Europa, dentre atividades estarão também a preparação para sua próxima temporada no automobilismo internacional.

Notícias

Página inicial