Motor On Line
Notícias-

Vitória de Casagrande a Copa Petrobras vê triplo empate marcas e pilotos
Reportagem: Eduardo Antonialli / Cleber Bernuci
Foto: Duda Bairros
Vicar
Paranaense confirmou domínio dos treinos, igualou-se a Camilo como o maior vencedor da história da categoria, e alcança a liderança empatando com Orige e Nonô.

Depois de liderar todos os treinos e marcar a pole position, Gabriel Casagrande tornou-se o primeiro vencedor da história da Copa Petrobras de Marcas no Circuito dos Cristais, em Curvelo (MG). O trabalho do paranaense da C2 Team, no entanto, esteve longe de ser fácil. O piloto caiu para o fim do pelotão na largada, após a primeira curva; foi recuperando posições uma a uma para reassumir a ponta e vencer pela segunda vez na temporada 2016. Carlos Souza e Felipe Tozzo completaram o pódio com Honda Civic e Ford Focus.

Mais do que isso, o resultado da corrida disputada na quente tarde mineira deste sábado (19) promoveu um tríplice empate na liderança do campeonato, com pilotos de marcas diferentes.

A classificação da temporada após a corrida de hoje tem Vicente Orige assumindo a ponta com os mesmos 179 pontos de Casagrande e Nonô Figueiredo. Os pilotos de Honda, Renault e Chevrolet mantêm campanhas marcadas pela regularidade, e o catarinense da JLM Sport leva vantagem no critério de desempate por ter duas vitórias na temporada - assim como Casagrande, mas perde no número de segundos lugares. Nonô, com uma só vitória até agora, aparece em terceiro.

A disputa segue equilibradíssima, ao passo que oito pilotos estão separados por apenas 48 pontos, sendo que a cada rodada dupla são 46 em jogo - os cinco primeiros estão separados por apenas oito pontos.

A corrida da tarde de hoje foi extremamente disputada e movimentada. Casagrande saiu na ponta, mas após a primeira curva perdeu espaço e caiu várias posições. "A largada foi normal, mas na segunda curva eu tive um deslize: o carro saiu de traseira - e no Marcas perde-se muito tempo quando isso acontece -, e quando tentei voltar o (Felipe) Tozzo já estava do meu lado e quase me jogou no muro", lembrou o paranaense, que agora soma nove vitórias na categoria e iguala o recorde de Thiago Camilo, primeiro campeão da história da categoria.

"Pelo menos não aconteceu nada demais com o carro e pude prosseguir recuperando posições. Quando eu estava assumindo a liderança eu e o Tozzo tivemos outro toque, e acho até que ele foi um pouco displicente na manobra, porque eu já estava do lado dele. Graças a Deus não aconteceu nada com nenhum dos dois carros. Tentei ganhar a ponta de novo e consegui. Consegui aproveitar os erros dos outros para ganhar posições, então estou feliz, porque o trabalho foi muito bem feito", prosseguiu.

Apesar dos dois toques entre o Renault Fluence e o Ford Focus, nenhum dos dois pilotos alimentam ressentimentos. "Os carros estão sempre muito próximos, e largada é um momento complicado. No entanto, estes toques quase sempre acontecem. A gente não pode ser maldoso, e isso faz parte da disputa. O que acontece na pista fica na pista; no mais a gente sempre teve uma amizade muito boa", reforçou Tozzo.

Carlos Souza chegou a sonhar com sua segunda vitória na temporada, mas preferiu administrar o ritmo e os problemas que começaram a aparecer em seu Honda Civic para garantir uma posição no pódio. "Sexta-feira com muita chuva, e até então eu não consegui andar nenhuma volta em pista seca. Só consegui hoje pela manhã. No geral, acho que fomos bem, porque o Casagrande está mais rápido. Aproveitei a oportunidade de tomar a ponta, mas foi difícil de segurar. Ele passou, abriu, e meu carro começou a falhar. Então foi questão de administrar, porque dentro do carro estava muito quente", descreveu.

A bateria complementar da sétima e penúltima etapa da Copa Petrobras de Marcas acontece neste domingo às 8h55 com os oito primeiros colocados da prova de hoje largando em ordem invertida.

Resultado Corrida 1*:

1-) 83 Gabriel Casagrande (C2 Team/Renault Fluence) - 13 voltas em 28min42s867 (média de 120,0 km/h)
2-) 28 Carlos Souza (JLM Sport/Honda Civic) - a 3s009
3-) 57 Felipe Tozzo (Friato Racing/Team Ford Focus) - a 5s035
4-) 43 Vicente Orige (JLM Sport/Honda Civic) - a 5s699
5-) 0 Gustavo Martins (JLM Racing/Honda Civic) - a 6s215
6-) 33 P.Choate/L.Razia (RZ Motorsport/Toyota Corolla) - a 9s438
7-) 11 Nonô Figueiredo (Onze Motorsports/Chevrolet Cruze) - a 10s946
8-) 21 Guilherme Salas (Greco/Renault Fluence) - a 12s282
9-) 89 M.Meuenschwalder/F.Rabello Chevrolet Cruze 2:07.759 12.992
10-) 55 Beto Monteiro (Chevrolet Cruze) - a 1 volta
11-) 1 Thiago Marques (RZ Motorsport/Toyota Corolla) - a 1 volta
12-) 88 Thiago Klein (Paraguay Racing/Toyota Corolla) - a 1 volta
13-) 74 Odair dos Santos (Paraguay Racing/Toyota Corolla) - a 4 voltas
Não Completou
14-) 66 Enrico Bucci (Friato Racing Team/Ford Focus) - a 6 voltas
15-) 12 Marcio Basso (Onze Motorsports/Chevrolet Cruze) - a 7 voltas
16-) 17 Daniel Kaefer (JLM Racing/Honda Civic) - desclassificado
Melhor Volta: Gabriel Casagrande, 2min05s930 (126,3 km/h)
*Resultados sujeitos a verificações técnicas e desportivas

Classificação do Campeonato (Top-10):

1-) Vicente Orige (HONDA CIVIC) - 179 pontos
2-) Gabriel Casagrande (RENAULT FLUENCE) - 179
3-) Nonô Figueiredo (CHEVROLET CRUZE) - 179
4-) Gustavo Martins (HONDA CIVIC) - 172
5-) Thiago Marques (TOYOTA COROLLA) - 167
6-) Carlos Souza (HONDA CIVIC) - 139
7-) Guilherme Salas (RENAULT FLUENCE) - 137
8-) Daniel Kaefer (HONDA CIVIC) - 131
9-) Willian Starostik (RENAULT FLUENCE) - 97
10-) Luiz Razia (TOYOTA COROLLA) - 83

Venda de Ingressos

Os fãs do automobilismo que comparecerem ao Circuito dos Cristais, terão direito a estacionamento gratuito na compra do ingresso, que já estão a venda tanto pela internet, no site www.t4f.com.br, quanto nos pontos de venda físicos (Posto Petrobras - listados abaixo - e Loja FNAC em Belo Horizonte). No final de semana do evento, também será possível comprar as entradas diretamente na bilheteria do autódromo de Curvelo, com pagamento somente em dinheiro.

Estudantes, idosos, maiores de 60 anos e aposentados têm direito à meia-entrada de arquibancada mediante apresentação de documento tanto na compra como no acesso ao evento. A entrada é proibida para menores de cinco anos de idade - os de cinco a 14 anos devem estar acompanhados dos pais ou representantes legais maiores de idade de deverão portar documento original com foto ou certidão de nascimento original.

Setores disponíveis:

- Arquibancada (Setor 1 e Setor 3): R$ 50,00 somente no sábado, R$ 150,00 para sábado e domingo e R$ 130,00 só para o domingo;
- Arquibancada (Setor 2): R$ 190,00 para sábado e domingo (com direito à visitação aos boes no domingo e ao Kit Torcedor - sacola, cordão, boné e copo);
- Paddock (Setor 2): R$ 390,00 para sábado e domingo (Área premium do autódromo, com alimentação e bebida à vontade e acesso à visitação aos boxes no domingo).

Pontos de venda de ingressos nos postos Petrobras de Curvelo e região:

Curvelo - Posto AP Viana
Av. Antônio Olinto, 475 - Centro
Curvelo - Posto Minas Central
Rua Desembargador Barta, 10 - Centro
Diamantina - Novo Posto Diamante
Largo Dom João, 92
Sete Lagoas - Posto PJ
Av. Mal. Castelo Branco, 1300
Sete Lagoas - Posto Canaan
Rua Jovelino Lanza, 56

Programação do evento

Sábado, 19 de novembro
08h30 - 08h40 - Shakedown Copa Petrobras
08h50 - 09h00 - Shakedown Brasileiro de Turismo
09h10 - 09h50 - 2o Treino (Grupo 1) Stock Car
09h55 - 10h35 - 2o Treino (Grupo 2) Stock Car
10h50 - 11h00 - Classificação Copa Petrobras
11h15 - 11h25 - Classificação Brasileiro de Turismo
12h30 - 13h50 - Classificação Stock Car
14h25 - Largada (Corrida 1) Copa Petrobras
15h50 - Largada (Corrida 1) Brasileiro de Turismo

Domingo, 20 de novembro
08h55 - Largada (Corrida 2) Copa Petrobras
10h20 - Largada (Corrida 2) Brasileiro de Turismo
11h10 - 12h10 - Visitação aos Boxes e Volta Rápida
13h00 - Largada (Corrida 1) Stock Car
14h10 - Largada (Corrida 2) Stock Car

Notícias

Página inicial