Motor On Line
Notícias-

Kart: vencedores Seletiva Petrobras terão treinamento físico com Pereira
Reportagem: Fernanda Gonçalves / Beatriz de Paula
Foto: Fábio Oliveira
FGCom
À frente da V10 Treinamento Esportivo, o professor de Educação Física, especializado em Fisiologia do Exercício, atua com pilotos desde 1991.

Como parte da premiação, os vencedores da 18ª edição da Seletiva de Kart Petrobras terão entre suas ações um dia totalmente dedicado à preparação física, uma parte fundamental para uma boa performance nas pistas. Este ano, o responsável pela atividade será o professor de Educação Física, especializado em Fisiologia do Exercício, Vanderlei Pereira, da V10 Treinamento Esportivo.

Vander, como é conhecido pelos pilotos, atua no automobilismo desde 1991. É preparador físico de feras como Rubens Barrichello e Felipe Massa. Também já trabalhou na preparação de vários pilotos brasileiros renomados como Ricardo Zonta, Luciano Burti, Lucas di Grassi e Tony Kanaan.

A ação acontecerá no dia 2 de dezembro na V10 Treinamento Esportivo, em Moema, São Paulo. "A preparação de um piloto abrange uma série de coisas e acho muito importante esta iniciativa da Seletiva de Kart Petrobras em mostrar um pouco de cada área para os pilotos. É uma iniciativa única, séria e fiquei feliz com o convite da organização", comentou Vander.

"Treinei alguns pilotos do kart à Fórmula 1, como o Luciano Burti e o Lucas di Grassi. Trabalhei mais de 15 anos com o Barrichello e todos estes anos do Massa na F-1. São muitas coisas que englobam a chegada de um piloto até a Fórmula 1. Qualquer decisão precisa ser bem programada, são muitas dificuldades e um piloto precisa ter ideia de tudo o que vai enfrentar e o que precisa trabalhar", continuou.

"Nesta atividade com os pilotos da Seletiva, vamos mostrar como é um teste físico de um piloto de ponta, vamos avaliar a condição física de cada um deles e faremos uma sessão de treinos juntos", explicou Vander.

"A preparação de um piloto é diferente de qualquer outro atleta, porque ele faz ‘parte’ do carro, de uma máquina rápida e que precisa desacelerar rápido também para mudar de direção. E a única ‘peça’ solta nisso tudo é o piloto. Mesmo com o cinto, ele sofre muito com a aceleração e desaceleração. É preciso força e resistência ao mesmo tempo, além de outros fatores que também influenciam, como as diferentes pistas, temperatura, desgaste do carro durante a prova, então são muitos fatores que refletem na performance geral", completou.

Binho Carcasci, organizador da Seletiva de Kart Petrobras e idealizador do programa de orientação, também comentou sobre a participação de Vanderlei Pereira nesta ação. "Agradeço muito ao Vander por ter aceitado o nosso convite e tenho certeza de que toda a sua experiência com pilotos de sucesso nas pistas vai ajudar muito estes jovens kartistas a terem uma ideia melhor das exigências que terão nesta parte física e que também cresce a cada degrau da carreira", lembrou Carcasci.

A final da Seletiva de Kart Petrobras 2016 acontecerá nos dias 29 e 30 no kartódromo da Granja Viana, em Cotia (SP). Os pilotos que estarão na briga pelo título são: os mineiros Gabriel Paturle, Matheus Tonussi e Gustavo Zwetkoff, os gaúchos Pedro Goulart, Arthur Leist e Bruno Bertoncello, os paulistas Marcel Coletta, Victor Schoma, Luiz Filipe Matheus e Gabriel Sereia, o brasiliense Lucas Okada e o paranaense João Victor Zanetti.

Os finalistas concorrerão a maior premiação da modalidade no país. Além do prêmio de 70 mil reais para o campeão e 6 mil para o vice-campeão, três vencedores participarão de um programa de orientação que inclui um teste com simulador de F-1 na Europa, um teste com uma equipe do automobilismo de base europeu, com a orientação de um coaching, acompanhamento físico e psicológico, palestra sobre marketing e media training.

Os pilotos classificados:

Gabriel Paturle (MG), 16 anos
Matheus Tonussi (MG), 15 anos
Gustavo Zwetkoff (MG), 16 anos
Pedro Goulart (RS), 16 anos
Marcel Coletta (SP), 15 anos
Arthur Leist (RS), 15 anos
Gabriel Sereia (SP), 17 anos *
Bruno Bertoncello (RS), 18 anos *
Lucas Okada (DF), 16 anos
Victor Schoma (SP), 15 anos
João Victor Zanetti (PR), 16 anos
Luiz Filipe Matheus (SP), 17 anos *

* Já foram finalistas da Seletiva em outras edições. Os demais são estreantes

Seletiva de Kart Petrobras

Criada em 1999, com o patrocínio da Petrobras, a Seletiva tem, em média, aproximadamente 110 pilotos tentando a vaga na final. Em 17 anos, mais de 200 já estiveram na briga pelo título.

Considerada uma referência entre os kartistas do Brasil, a Seletiva de Kart Petrobras é reconhecida (desde 2001) como evento oficial da Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA) e da Comissão Nacional de Kart (CNK).

Além da maior premiação em dinheiro do kartismo nacional, a Seletiva de Kart Petrobras contempla três competidores com a participação em um programa de orientação de pilotos, que inclui um teste com simulador de F-1 na Europa, um teste com uma equipe do automobilismo de base europeu, acompanhamento físico e psicológico, palestra sobre marketing e media training. A premiação total - somando todas as ações - chega a aproximadamente 300 mil reais. O campeão recebe 70 mil reais em dinheiro e o vice-campeão 6 mil.

Os finalistas disputam o título com chassis fornecidos pela fabricante Bravar.

Notícias

Página inicial