Motor On Line
Notícias-

Ford estuda na Europa o perfil de uso dos futuros carros autônomos
Reportagem: Imprensa Ford

A Ford anunciou que vai iniciar os testes com carros autônomos em estradas reais europeias em 2017, dentro de um plano integrado de serviço compartilhado similar ao da empresa nos Estados Unidos. Como os traçados das vias e as normas e sinais de trânsito na Europa variam em cada país, a empresa realizou uma pesquisa para entender como as pessoas pretendem aproveitar o tempo livre nesses futuros veículos, que dispensam o motorista.

O objetivo do estudo foi estudar também o comportamento dos motoristas daquele continente, que estão acostumados, por exemplo, a compartilhar vias congestionadas com ciclistas. As entrevistas foram feitas com 5.000 adultos e, como resultado, 80% afirmaram que programam relaxar e apreciar a paisagem, 72% conversar no telefone ou navegar na internet e 64% fazer um lanche. Livros e filmes vêm logo atrás. Entre as mães que costumam levar os filhos na escola, 16% dizem que deixariam as crianças viajar sozinhas.

Em média, os motoristas europeus gastam até dez dias por ano em seus carros. Nas maiores cidades, as pessoas acham o trajeto mais estressante que o próprio trabalho. Os veículos autônomos têm a preferência sobre os carros tradicionais quando se trata de sair para beber e se deslocar para o trabalho – e quase metade dos entrevistados considera que os carros sem motorista seriam mais seguros.

“Os carros autônomos vão revolucionar a forma como nós viajamos e como nós vivemos. Nossa pesquisa mostrou que as pessoas estão realmente começando a pensar nas mudanças que os veículos autônomos podem representar para o seu dia a dia. Muitos de nós não temos tempo para nós mesmos e para as pessoas próximas diante de tantos compromissos", diz Thomas Lukaszewicz, gerente de Direção Automatizada da Ford Europa.

Notícias

Página inicial