Motor On Line
Notícias-

Kart: batidas marcaram 1ª rodada do Florida Winter Tour para João Matos
Reportagem: Flávio Quick / Fabiola Cadar
Foto: Divulgação
Quick Comunicação
Piloto de Belo Horizonte se destacou nos treinos e foi caçado durante as baterias.

O Florida Winter Tour passou no último fim de semana (13 à 15 de janeiro) pelo Kartódromo de Homestead, na Florida, nos Estados Unidos. Lá, mais de 200 pilotos buscaram as vitórias na primeira etapa da competição que reuniu pilotos de várias partes do mundo no primeiro evento oficial da temporada do automobilismo.

O piloto mineiro João Matos (KGS Computers | Tecsul | Mikronix | Gift | Academia Turner Prime), de Belo Horizonte, após uma boa apresentação em sua estreia no exterior, no SKUSA, no último mês de novembro, voltou animado para as terras do tio Sam em busca de mais uma participação.

Com suporte técnico da equipe NF Piquet Sports, que equipou seu kart Kosmic com motores italianos Vortx ROK, o piloto teve cinco dias de intensas atividades nos arredores da cidade de Miami.

Na quinta e na sexta-feira aconteceram as tomadas de tempos e, diante de fortes dores nas costelas, ocasionadas pela necessidade de uso constante das zebras do circuito. O piloto andou apenas o necessário para os ajustes de seu kart. Mesmo assim, na tomada de tempos da sexta-feira, dentre seus outros dois companheiros de equipe, ele foi o mais veloz figurando ao final desta sessão na 20ª posição entre os mais de 40 concorrentes em sua classe. "Infelizmente eu poderia ter ido bem melhor. Esperávamos estar entre os 10 primeiros, mas, com quatro voltas eu tive um problema no freio do meu kart e, com isso, fui obrigado a parar", comentou o piloto.

Sem desanimar ele seguiu para as baterias classificatórias, partindo sempre da quinta fila do grid. Na primeira bateria Matos recebu uma forte batida e caiu para último logo na primeira curva. Seu kart estava muito bom e, com isso, ele consegui recuperar algumas posições e terminou no 14º lugar.

A segunda bateria já foi no sábado. João largou muito bem, pulou para o quinto lugar e seguia no primeiro pelotão quando, numa disputa por posições à sua frente, um dos karts rodou fechando completamente a pista e João bateu muito forte no concorrente. Com o kart todo empenado Matos abandonou a corrida e, pior do que isso, já sabia que não teria tempo suficiente para "gabaritar" para a próxima corrida. Sendo assim, a terceira classificatória foi uma lástima e o piloto da NF Piquet Sports, com o kart com mais de 10 cm de diferença de um lado para o outro, finalizou lá atrás.

Na pré-final, partindo da 37ª posição, João mostrou muita garra e capacidade de reação. Ele passou vários concorrentes e, mesmo sendo tocado mais uma vez, conseguiu terminar em 27º. Na final, envolto às brigas do meio do pelotão, o piloto até ganhou alguns lugares no começo da prova. Porém, a oito voltas para o fim, seu kart ficou praticamente sem freios e, com isso, ele teve de levar o kart, no braço, até a bandeirada final.

"Estou chateado. A equipe trabalhou duro e me deu um kart muito legal. Infelizmente as batidas me atrapalharam muito. De minha parte, também, assumo que preciso melhorar. Não consegui me adaptar direito ao freio do Kosmic e, por isso, na tomada e na Final fiquei sem freios. De todo jeito, neste fim de semana vou treinar em Palm Beach e, com a ajuda do Nicastro e demais membros da equipe eu tenho certeza que poderemos reverter isso", comentou o piloto de 12 anos.

Notícias

Página inicial