Motor On Line
Notícias-

F-3 Argentina: Panasonic Jaguar Racing retorna às pistas na Argentina
Reportagem: Lucas Silva de Alcântara

Com o final das férias de inverno no hemisfério norte, a Panasonic Jaguar Racing está pronta para o clima mais ensolarado e vai até a Argentina para a 3ª Temporada do Campeonato da FIA Fórmula E em Buenos Aires no dia 18 de fevereiro.

A etapa de 2,5 quilômetros no circuito de Puerto Madero é a única pista do calendário da Fórmula E a ter participado das três temporadas, mas proporciona um novo desafio para a Panasonic Jaguar Racing, uma vez que a equipe é estreante nesta temporada.

Competir no calor do sol argentino torna o ePrix de Buenos Aires um teste complicado, exigindo um equilíbrio cuidadoso de ritmo de corrida e gerenciamento térmico, o que leva a algumas das corridas mais emocionantes e imprevisíveis do campeonato.

A equipe britânica está ansiosa para o desafio de correr em uma pista que leva os carros para seus limites e recompensa a comunicação clara entre motorista e engenheiro.

"Esta é a terceira vez que a Fórmula E chega a Buenos Aires e é fácil ver por que as equipes estão ansiosas para vir aqui. Nesta corrida tudo pode acontecer. Com as altas temperaturas os pilotos devem gerenciar o desempenho da bateria cuidadosamente. O circuito é desafiador e a equipe deve ser capaz de reagir à medida que a corrida se desenrola e ajustar a estratégia para caber. Será um grande teste", afirma James Barclay, diretor da equipe Panasonic Jaguar Racing.

“Foi no ano passado que eu assisti o ePrix Buenos Aires como piloto reserva e vi a Fórmula E diante dos meus olhos. A corrida foi muito emocionante e com tantos avanços e desafios técnicos! E o resultado foi uma surpresa. A localização em Puerto Madero também é espetacular", disse o piloto Adam Carroll, #47.

Para Mitch Evans, #20, "o circuito parece incrível. Eu realmente gostei de dirigi-lo no simulador. Claro, a maioria dos outros pilotos tem alguma experiência da pista real, mas estamos muito preparados. Adam me disse tudo sobre a atmosfera incrível. Este promete ser um fim de semana emocionante".

Nos últimos dias, James Barclay contou que o time técnico mergulhou nos dados coletados em Hong Kong e Marraquexe e os pilotos conduziram em alguns simuladores. Ho-Pin Tung, piloto reserva, participou na China, em Shenzhen do “Art of Performance Tour” da Jaguar, Adam Carroll deu algumas voltas no famoso circuito Nutt’s Corner na Irlanda do norte e Mitch Evans este na Academia de Direção no gelo da Jaguar Land Rover em Arjeplog no extremo norte da Suécia. Eles também estiveram no ePrix inaugural da Fórmula E em Vegas e testemunharam o histórico momento quando o veículo conceito Jaguar I-PACE andou pelas ruas pela primeira vez, circulando pelas ruas de Las Vegas com Mitch logo atrás.

Nota para os editores

O programa da Fórmula E da Jaguar criará benefícios tangíveis de Pesquisa & Desenvolvimento para a eletrificação de carros de passeio futuros da Jaguar Land Rover e é projetado em torno do princípio de origem da equipe, #RaceToInnovate.

A corrida de Fórmula E dura 50 minutos e inclui um pit stop obrigatório, em que os pilotos alternam para um segundo carro, adicionando um outro elemento emocionante para a competição. Os pilotos enfrentam desafios únicos na Fórmula E já que têm de gerir o consumo da bateria e a sua regeneração para manter a carga durante toda a corrida.

Os fabricantes podem projetar seu próprio conjunto formado por motor, transmissão e inversor, além da suspensão traseira de seus veículos. Componentes comuns em todas as equipes incluem o chassi de fibra de carbono e bateria para ajudar a controlar os custos. O foco é no desenvolvimento de conjunto de motor para um veículo elétrico.

O I-TYPE da Panasonic Jaguar Racing possui uma MGU (Motor Generated Unit) com uma potência máxima de 200kW e uma velocidade máxima de 140mph. A alimentação é fornecida por meio de uma caixa de transmissão sequencial com paddle-shift.

Além de seu conceito totalmente elétrico, a Fórmula E também é única no mundo do automobilismo por sua escolha de locais. Cada rodada tem lugar em circuitos de rua nos centros das grandes cidades. Todas as atividades do ePrix envolvem treinos livres, treino de qualificação e a própria corrida, tudo no mesmo dia. As quatro últimas etapas da temporada ocorrerão em Nova York e em Montreal, ambas com rodadas duplas, ou seja, dois ePrix no mesmo fim de semana.

Sobre a Jaguar Land Rover

A Jaguar Land Rover é a maior fabricante de automóveis do Reino Unido e possui duas marcas ícônicas da indústria automotiva britânica. A Jaguar, com 80 anos de história, é a marca premium que mais cresce no Brasil e agora conta com uma nova geração completa de produtos composta por veículos esportivos, sedãs e SUV. E a Land Rover, que, desde 1948, é referência mundial em veículos todo terreno. Controlada pelo grupo indiano Tata Motors, a companhia conta com cerca de 40 mil colaboradores em todo o mundo e comercializa seus produtos em 170 países. A produção de veículos é centralizada no Reino Unido, com plantas adicionais na China, Índia, Eslováquia e Brasil, esta última localizada em Itatiaia, RJ. A fábrica brasileira é certificada com o ISO 14001, de acordo com os requisitos do Sistema de Gestão Ambiental e com o ISO 9001 de Qualidade, demonstando que o nível de operações da empresa no Brasil está entre os mais altos, mesmo antes de completar um ano de funcionamento. Presente há mais de 25 anos no país, a Jaguar Land Rover conta com 35 concessionários no País.

Notícias

Página inicial