Motor On Line
Notícias-

Sprint Race faz homenagem para piloto curitibano Billy Zonta Gabardo
Reportagem: MS2 Comunicação
Foto: Divulgação
Categoria terá sua primeira etapa neste domingo no Autódromo Internacional de Curitiba.

O piloto curitibano Billy Zonta Gabardo, que faleceu precocemente aos 26 anos, no dia 1º de março, após lutar bravamente contra um câncer raro por seis anos, será homenageado na abertura da Sprint Race 2017, neste domingo, dia 9 de abril, no Autódromo Internacional de Curitiba no Circuito Oval, às 12h. Billy disputava o campeonato em 2015 e estava na liderança quando precisou se afastar para fazer um tratamento, faltando duas provas para o final. Mesmo assim, ficou em terceiro lugar no campeonato.

Como forma de homenagear o piloto, o evento convidou a família de Billy para fazer a entrega dos troféus, que terão o semblante dele. Seus pais também vão receber um troféu com uma homenagem ao filho. A equipe toda também fará parte da homenagem ao vestir um uniforme especial ao piloto.

Thiago Marques, organizador da Sprint Race conta que em uma das conversas que teve com Billy no passado prometeu que caso ele se recuperasse, deixaria um carro separado para que fizesse a última etapa da temporada. "Caso isso não fosse possível, ele nos daria a honra de dar a bandeirada final do campeonato. Infelizmente nenhuma das duas opções foram viáveis, então estendi o convite a seus pais darem a bandeirada nessa etapa".

Sempre apaixonado pela velocidade, Billy começou correndo de kart. Ele foi campeão paranaense da categoria Marcas em 2014 e, atualmente, corria na Sprint Race e sonhava com a Stock Car. "Ele dizia que seu escritório era o carro, no meio dos motores e adorava estar no autódromo. Esta paixão lhe rendeu muitas amizades, alegrias e vitórias. Agradeço a todos que estão participando de alguma forma desta homenagem e tenho a certeza de que com a fé que ele tinha, está podendo assistir a tudo isso e sentir o amor e o carinho de todos" diz a mãe, Sandra Zonta Gabardo.

Ela acrescenta que, apesar de jovem, Billy deixou um legado com muitos bons exemplos a serem seguidos. "Sempre muito humilde, ele é exemplo de fé, perseverança e determinação. O Billy é o nosso anjo guerreiro e foi emprestado à Terra por um tempo e agora está no lugar mais alto do pódio, ao lado do maior chefe de equipe, que é Deus, nosso criador".

Além da sua paixão pelo automobilismo, Billy também gostava de motos e fazia parte de um moto clube de Harley-Davidson, que vai puxar a fila na volta de apresentação da corrida de domingo.

Notícias

Página inicial