Motor On Line
Notícias-

Kart: Shell Racing disputa 2¬ fase do 53║ Brasileiro em busca de mais tÝtulos
Reportagem: Luis Ferrari
Foto: Jackson de Souza
Gabriel Crepaldi espera repetir o feito da primeira fase e conquistar mais um tÝtulo enquanto Felipe Baptista compete em duas categorias.

Representada por Gabriel Crepaldi e Felipe Baptista, a Academia Shell Racing volta às pistas para a disputa da segunda fase do 53º Campeonato Brasileiro de Kart, no Kartódromo Internacional da Granja Viana (SP), a partir desta terça-feira (17).

Após conquistar o primeiro título brasileiro da carreira, o piloto da Academia Shell Gabriel Crepaldi, vem empolgado pra a disputa da próxima fase da competição. Campeão Brasileiro na categoria Júnior, na semana passada, o piloto de Birigui de 14 anos, compete agora pela categoria CODASUR Júnior. Ele espera sair novamente campeão e assim garantir o direito de correr o Campeonato Mundial em setembro na Suécia, com tudo bancado pela Confederação Brasileira de Automobilismo.

Já Felipe Baptista terá duas chances de faturar o título que escapou na primeira fase. O competidor de 15 anos disputará as categorias OK e Graduados. Destaque durante toda a primeira fase, Baptista viu o sonho do título Brasileiro acabar logo na segunda curva da bateria final, ao ser tocado por um adversário e abandonar a prova enquanto liderava depois de largar na pole.

A segunda fase do Campeonato Brasileiro de Kart acontece entre os dias 16 e 21 de julho. O canal SporTV transmitirá, ao vivo, as disputas das baterias finais da competição.

O que eles disseram:

“Minha expectativa para a segunda fase do Campeonato Brasileiro é alta. Acredito que estamos bem preparados com os novos motores CODASUR, pois tivemos ótimos resultados no Open. Espero repetir o resultado da primeira fase e sair campeão novamente”.

Gabriel Crepaldi

“A expectativa é sempre alta. Dessa vez vou competir em duas categorias e espero ir bem nas duas. Na Graduados nós já mostramos que somos rápidos durante todo o ano e quero manter isso. Já na OK, que é o motor usado no mundial, será uma experiência nova, mas espero me sair bem. Acredito que vou conseguir brigar pelo titulo e não ser tirado da corrida novamente. Vamos com tudo em busca da vitória”.

Felipe Baptista

Sobre a Raízen:

A Raízen, licenciada da marca Shell no Brasil, se destaca como uma das empresas de energia mais competitivas do mundo e uma das maiores em faturamento no Brasil, atuando em todas as etapas do processo: cultivo da cana, produção de açúcar, etanol e energia, comercialização, logística interna e de exportação, distribuição e varejo de combustíveis. A companhia conta com cerca de 30 mil funcionários, que trabalham todos os dias para gerar soluções sustentáveis que contribuam para o desenvolvimento do país, como a produção de bioeletricidade e etanol de segunda geração a partir dos coprodutos da cana-de-açúcar. Com 26 unidades produtoras, a Raízen produz cerca de 2,0 bilhões de litros de etanol por ano, 4,2 milhões de toneladas de açúcar e tem capacidade para gerar cerca de 940 MW de energia elétrica a partir do bagaço da cana-de-açúcar. A empresa também está presente em 66 bases de abastecimento em aeroportos, 67 terminais de distribuição de combustível e comercializa aproximadamente 25 bilhões de litros de combustíveis para os segmentos de transporte, indústria e varejo. Conta com uma rede formada por mais de 6.000 postos de serviço com a marca Shell, responsáveis pela comercialização de combustíveis e mais de 950 lojas de conveniência Shell Select. Além disso, a companhia mantém a Fundação Raízen, que busca estar próxima da comunidade, oferecendo qualificação profissional, educação e cidadania. Criada há mais de 14 anos, a Fundação Raízen possui seis núcleos no interior do estado de São Paulo e um em Goiás e já beneficiou mais de 13 mil alunos e mais de 4 milhões de pessoas com ações realizadas desde 2012.

Notícias

Página inicial