Motor On Line
Notícias-

Gefferson de Lima e Felipe Lobo estreiam em dupla na Cascavel de Ouro
Reportagem: Grelak Comunicação
Foto: Daniel Gomes
Pilotos de Curitiba e de Florianópolis vão disputar premiação inédita de R$ 150 mil pilotando o VW Gol da RB Motorsport.

O crescimento que a Cascavel de Ouro experimentou no automobilismo brasileiro nas últimas temporadas tem despertado o interesse de um número cada vez maior de pilotos por uma vaga no grid da 32ª edição. Competidores de vários estados farão na corrida de 18 de novembro sua estreia na corrida de longa duração mais tradicional do automobilismo paranaense. A disputa no Autódromo Internacional Zilmar Beux terá R$ 150 mil em premiação.

Uma das duplas que confirmam a primeira participação na Cascavel de Ouro é formada pelo paranaense Gefferson de Lima e pelo catarinense Felipe Lobo. Eles vão revezar, nos treinos e nas três horas de corrida, a pilotagem do VW Gol número 132 da RB Motorsport. A equipe de Curitiba terá dois carros na disputa – o outro, inscrito sob o número 7, será pilotado por Ariel Barranco e seu filho Rafael, que vão disputar a corrida em dupla pela segunda vez.

“A Cascavel de Ouro é a principal corrida de Marcas do Brasil, e por isso é a que atrai pilotos em quantidade e também em qualidade”, aponta Lima, que neste ano disputa o Metropolitano de Marcas de Curitiba e ocupa o quinto lugar na classificação geral, com um segundo e um terceiro lugar conquistados nas duas últimas etapas. No Paranaense, ele está em sexto. “É uma festa anual do automobilismo, felizmente – e finalmente – nossa estreia deu certo”.

“Participar da Cascavel de Ouro sempre foi um sonho para mim, vai ser ótimo dividir a pista com grandes pilotos de renome nacional”, afirma Lobo, que estreou no automobilismo em 2009. “Corri na pista de Cascavel uma única vez, na categoria Turismo, e tive um ótimo desempenho, mesmo com um carro que tinha vindo de uma capotagem nos treinos. Temos um carro rápido, precisamos de um bom acerto para que seja constante na corrida”, diz o piloto.

Piloto desde 2009, Felipe Lobo também consolidou sua atuação atuando nas competições paranaenses das categorias Turismo A, em que conquistou os campeonatos Paranaense e Metropolitano de Curitiba, Marcas B, onde foi vice-campeão metropolitano, e Marcas A, com um título metropolitano. A Sprint Race Brasil também fez parte de sua trajetória: disputou e liderou maior parte da temporada de 2015 formando dupla com Billy Zonta.

Inscrições

Pilotos e equipes podem solicitar a ficha de inscrição da 32ª Cascavel de Ouro por e-mail, com mensagem para cascaveldeouro2018@gmail.com, ou pelo número celular (45) 9 9937-1052. A disputa é aberta a pilotos inscritos carros da categoria Marcas & Pilotos 1.6, configurados pelo regulamento técnico do Campeonato Paranaense. A corrida terá duração de três horas e será transmitida ao vivo para todo o Brasil pelo canal BandSports.

O regulamento desportivo da Cascavel de Ouro estipula em R$ 5 mil a taxa de inscrição por carro, independentemente de serem dois ou três pilotos. Para inscrições efetuadas até 31 de julho há um desconto de 10%, trazendo a taxa a R$ 4,5 mil. Os vencedores da corrida receberão R$ 100 mil. Há prêmios de R$ 20 mil ao segundo lugar, de R$ 12 mil para o terceiro, de R$ 8 mil para o quarto e de R$ 5 mil para o quinto, além de R$ 5 mil pela pole position.

Notícias

Página inicial