Motor On Line
Notícias-

Panasonic Jaguar Racing seu próprio powertrain para próxima Fórmula E
Reportagem: Amanda Pícaro Manara
Jaguar Land Rover
O desenvolvimento faz parte da missão da equipe – “Race to Innovate” –, para aprimorar as tecnologias que serão levadas aos carros elétricos de produção da Jaguar.

A Panasonic Jaguar Racing apresentou hoje a segunda geração do Jaguar I-TYPE 3, seu carro de corrida da Fórmula E, no Design Museum, em Londres. O novo design ousado expande os limites da inovação e da tecnologia, representando o futuro das corridas de carros elétricos.

Hoje, a equipe britânica confirmou que o brasileiro Nelson Piquet Jr e o neozelandês Mitch Evans representarão novamente a Panasonic Jaguar Racing na quinta temporada do campeonato ABB FIA Formula E. Na última temporada, Piquet Jr e Evans contribuíram para a temporada de maior sucesso da Panasonic Jaguar Racing, pois mais do que quadruplicaram os pontos da equipe em relação à terceira temporada. A competição está com nível mais alto do que antes, com a décima primeira equipe se juntando ao grid na corrida de abertura na Arábia Saudita, em 15 de dezembro. Nesta temporada, a Jaguar pretende competir como uma equipe de ponta, com pódios regulares.

A Panasonic Jaguar Racing desenvolveu todo o seu powertrain internamente, reforçando a missão da equipe "Race to Innovate". Estes componentes personalizados da Jaguar consistem na unidade de geração do motor (MGU), inversor de módulo de carboneto de silício, transmissão, sistema de arrefecimento, suspensão, unidade de controle do motor (MCU) e novo software de controle do powertrain. A avançada MGU dispara mais de 30.000 RPM, mais que o dobro da taxa de um carro 2018 de Fórmula 1, permitindo que o Jaguar I-TYPE 3 acelere de 0 a 100 km/h em 3,2 segundos.

Com maior eficiência e peso comparável ao I-TYPE 2, o novo powertrain é 25% mais eficiente e produz até 250kW (335 cv). O Jaguar I-TYPE 3 tem mais de 800 peças novas em comparação com o I-TYPE 2. Nas duas últimas temporadas, o I-TYPE 2 e o I-TYPE 3 somaram mais de mil novas peças, demonstrando o consistente programa de desenvolvimento contínuo que está tornando a equipe mais competitiva.

A tecnologia aprimorada de baterias permite que a Jaguar e todas as outras equipes da ABB FIA Fórmula E cancelem a troca obrigatória dos carros de corrida. Nesta temporada, a Fórmula E apresentará um hyperboost para todas as equipes, que permitirá aos pilotos competir por um período de tempo em um nível de potência mais alto (de 225 kW), ativado enquanto dirigem por uma zona de ativação claramente marcada. Quando os motoristas usam o hyperboost, seus LED Halos (um novo recurso de segurança exigido pela FIA) serão iluminados em outra cor para os fãs e espectadores identificarem quais competidores estão usando o nível de potência mais alto.

James Barclay, diretor da Equipe Panasonic Jaguar Racing, disse: “A Panasonic Jaguar Racing fez um grande progresso durante o nosso curto período de tempo na Fórmula E. Esperamos que a introdução da geração 2 dos carros de corrida e a revisão dos regulamentos esportivos resultem numa temporada de corrida muito próxima. Isso efetivamente significa que todas as equipes começaram do mesmo ponto e ao mesmo tempo. Acreditamos que somos a primeira equipe a desenvolver todo nosso powertrain internamente, o que nos dá o controle final em termos de design e desenvolvimento e esperamos que isso nos coloque em uma vantagem competitiva. A tecnologia está se movendo a um ritmo incrivelmente rápido, e o novo I-TYPE 3 será uma importante plataforma de teste para ajudar a desenvolver e impulsionar o desempenho de nossos futuros veículos elétricos com bateria.

“É fantástico ter Nelson e Mitch a bordo novamente e garantir a consistência na nossa formação de pilotos. A combinação do conhecimento, a experiência e a velocidade de ambos os pilotos nos ajudarão a atingir nosso objetivo de pontuar em todas as corridas e lutar por pódios”.

Nelson Piquet Jr, piloto da Panasonic Jaguar Racing, disse: “Tendo estado no campeonato desde o primeiro dia, eu me desenvolvi como piloto com a tecnologia e a evolução da Fórmula E, e é incrível ver o quão rápido as coisas mudaram. O Jaguar I-TYPE 3 é uma nova fera, com seus próprios desafios e complexidades. O novo chassi é maior e mais rápido do que os nossos carros de corrida anteriores, por isso será muito interessante ver como isso irá impactar nas corridas em torno dos desafiadores circuitos de rua”.

Mitch Evans, piloto da Panasonic Jaguar Racing, disse: “A última temporada foi a melhor até agora e eu marquei alguns recordes pessoais, incluindo nosso primeiro pódio em Hong Kong e a pole position em Zurique. A equipe trabalhou muito para garantir que o Jaguar I-TYPE 3 seja competitivo. Queremos brigar na frente do grid em todas as corridas. Nós mostramos sinais desta última temporada e temos maiores expectativas para a 5ª temporada.”

A quinta temporada marca o próximo capítulo da jornada de eletrificação da Jaguar Racing, enquanto se prepara para a estreia do campeonato Jaguar I-PACE eTROPHY no final deste ano. A primeira série de corridas baseada em carros de produção totalmente elétricos será a competição oficial de apoio ao campeonato ABB FIA Fórmula E e consistirá em até vinte carros de corrida Jaguar I-PACE eTROPHY alinhados no grid, nas diversas cidades globais que recebem as etapas da Fórmula E.

Sobre a Jaguar Land Rover

A Jaguar Land Rover é a maior fabricante de automóveis do Reino Unido e possui duas marcas icônicas da indústria automotiva britânica: a Jaguar, com mais de 80 anos de história, é a marca premium que mais cresce no Brasil e agora conta com uma nova geração completa de produtos composta por veículos esportivos, sedãs e SUVs e a Land Rover, que, desde 1948, é referência mundial em veículos todo terreno. Controlada pelo grupo indiano Tata Motors, a companhia conta com cerca de 42 mil colaboradores em todo o mundo e comercializa seus produtos em 130 países. A produção de veículos é centralizada no Reino Unido, com plantas adicionais na China, na Índia, na Eslováquia e no Brasil, localizada em Itatiaia, RJ. A partir de 2020, todo novo veículo da Jaguar Land Rover será eletrificado, oferecendo aos consumidores ainda mais opções. Serão introduzidos veículos elétricos, híbridos e híbridos plug-in, complementando a gama de modelos atuais equipados com os motores Ingenium diesel e gasolina. Presente há mais de 25 anos no país, a Jaguar Land Rover conta com 39 concessionários no Brasil.

Notícias

Página inicial