Motor On Line
Notícias-

Motocross: dia de adrenalina em Atibaia e dois pilotos fora da competição
Reportagem: Manuella Tavares
222 Comunicação
Jonilson “Kiko” Silva e Diego Djamdjian não participarão da prova; Tatá Pelegrino e Robertt Fire são os alternates.

Num esporte radical como o Motocross Estilo Livre as quedas não são tão raras. Hoje, durante os treinos da manhã, quem levou o susto foi Jonilson “Kiko” Silva. O atleta, que passa bem e já recebeu alta médica, sofreu uma lesão no cóccix e será substituído por Robertt Fire. Já o piloto Diego Djamdjian vai ficar de fora da competição por conta de uma fratura no pé, neste caso, quem ficou com a vaga foi Tatá Pelegrino.

Amanhã, sábado, ocorrem as classificatórias para a grande final do domingo, que terá transmissão ao vivo pelo Esporte Espetacular, a partir, das 10h. Esta edição do Duelo de Motos, maior competição de Motocross Estilo Livre do País, será numa pista montada especialmente para o evento em Atibaia e tem entrada franca para o público.

Com a saída de Kiko e Diego, a competição seguirá com o atual campeão do Duelo, Fred Kyrillos (São Paulo / SP); Gilmar Pereira Flores - Joaninha (Sinop, MT); Marcelo Simões (Herculândia / SP); Nicolas Ferreira (Sinop / MT); Claudio Rocha (Fortaleza / CE); Tatá Pelegrino (Atibaia / SP), Robert Fire (Sinop / MT) e ainda conta com a presença de Brian Mc Carty, atleta americano.

Alternates

A necessidade de piloto alternates (aquele que substituem outro atleta em caso de lesão ou desistência) se dá pelo fato de que a competição é em formato de duelo. Diferentemente das competições tradicionais, em chave aberta, nesta prova, as competições acontecem num sistema “homem a homem”, no qual dois pilotos se enfrentam diretamente.

O Desafio

Para garantir uma boa pontuação, os atletas precisam elaborar uma rotina de manobras desafiadoras, isto é, os árbitros levam em conta o seu grau de dificuldade, a extensão de seus movimentos e a forma como eles serão distribuídos ao longo dos obstáculos durante o tempo disponível para cada apresentação.

O Julgamento

O consultor técnico e Head Judge, Guilherme Gaino, explica que esses detalhes serão avaliados por um grupo de especialistas na modalidade e que todos os aspectos apresentados serão considerados na nota final de cada participante. “O quadro de juízes é composto por profissionais do meio e pilotos veteranos, com anos de experiência no esporte e hoje já afastados das competições. ”

O consultor também esclarece que os tipos de manobras, seu grau de dificuldade e a maneira como elas são executadas compõem grande parte da nota, mas a avaliação vai além disso. “Detalhes como o controle do piloto sobre a motocicleta, seu posicionamento e a maneira como ele inicia e finaliza um salto são pontos extremamente relevantes e que, considerando o alto nível técnico de todos os participantes, podem garantir um lugar no duelo final, ou não. ”, explica.

Serviço | 5ª Edição do Duelo de Motos

2 de Fevereiro: Classificatórias - Das 9h às 13h30
3 de Fevereiro: Grande Final | Transmissão Ao Vivo - TV Globo - A partir das 9h
Endereço: Centro de Convenções e Eventos Victor Brecheret (Alameda Professor Lucas Nogueira Garcez, 511 - Vila Thais)
Entrada Franca

Notícias

Página inicial