Motor On Line
Notícias-

Rally: Maciel com capacete Shiro vence na Production Aberta do Sertões
Reportagem: Mércia Suzuki
MSuzuki Comunicação
Além de vencer na categoria, Maciel foi o 2º mais rápido da geral. Já, Bissinho Zavatti fratura osso do pé e está fora da disputa.

E foi dada a largada para o Rally dos Sertões 2019. Nesta 27ª edição a SHIRO Brasil, representada pela TWP, começou com três pilotos campeões da competição: os pilotos da Honda Racing, Tunico Maciel (Campeão na geral em 2018) e Bissinho Zavatti (tetracampeão na categoria Brasil) e Tiago Fantozzi (Campeão na geral em 2001). Todos equipados com o modelo MX917 MxOn. A etapa de abertura da 27ª edição foi disputada, no domingo (25), no estado do Mato Grosso do Sul, entre Campo Grande e Costa Rica. Maciel #1 venceu a Especial na categoria Production Aberta e, ainda foi o 2º mais rápido da geral. O mineiro completou o trecho em 5h16m15s e explicou que teve cautela. “O início do Sertões é sempre muito complicado porque estamos com os nervos à flor da pele. A minha estratégia foi nos primeiros quilômetros conhecer os reais perigos da planilha e entender como a prova ia andar”, afirmou Maciel.

Por outro lado, seu parceiro de equipe, Zavatti, confirmou, após exames, a fratura no osso maléolo do pé esquerdo, logo no início da Especial, e teve de abandonar o rali. Mesmo chateado, o piloto paulista, de Monte Alto, agradeceu a torcida de todos e disse que retorna no ano que vem. A SHIRO Brasil lamenta que esse incidente tenha tirado Zavatti da disputa e deseja o seu pronto restabelecimento e, ainda, afirma que segue acreditando no potencial do campeão.

Já Fantozzi #17 compete pela categoria Super Production, mas nesse ano está em um projeto diferente, no qual ele e o piloto Jorge Negretti filmam os demais competidores de motocicletas para mostrar os perrengues, como tudo acontece de dentro de uma Especial. “Às vezes, vamos largar lá atrás, então este ano não posso estar focado em resultados, mas vamos nos divertir muito também”, explica Fantozzi. Sobre os capacetes da marca elogia “Usei o SHIRO no Sertões do ano passado e posso dizer que é um capacete extremamente leve, me passou muita segurança e tem design arrojado. Por tudo isso, adotei a marca e uso SHIRO em todas as competições que participo”, finaliza o piloto que fechou o primeiro dia na 13a posição na Super Production.

Excelência em capacetes

Fundada há 26 anos por Antonio Tomás, a sede da SHIRO Helmets fica em Múrcia, na Espanha. Atualmente está presente em mais de 70 países. Além de fabricar capacetes de tecnologia inovadora, trabalha com uma linha de acessórios para motociclistas. Aprovada por campeões europeus, a marca patrocina competidores no Campeonato Mundial de Motovelocidade e no Motocross MX2. Assim, utiliza a tecnologia adquirida nas pistas e no off-road nos mais inovadores projetos do mercado. Já a SHIRO Brasil nasceu em 2017 e é comanda por três sócios: Marcos Finato, Théo Lopes e Luciana Barreto. Atualmente os principais modelos comercializados são: SH-881 (City), SH-600 (Strada), SH-336 (Racing) e MX-917 (Off-Road). Desde 2018 apoia pilotos nos campeonatos de Rally Cross Country (Tunico Maciel e Bissinho Zavatti), Enduro de Regularidade (Tunico Maciel e Dário Júlio), Motocross e Arena Cross (Paulo Aberto, Humberto Martin, Rafael Araújo “Bubinha”, Juninho Tayt-Sohn e Fábio Rogério) e SuperBike (Mamute, Rafael Rigueiro, Bruno Cesar Borges, Lincoln Melo e Fabio Puccini). A marca conta com uma equipe de representantes em todo o território nacional e os produtos podem ser encontrados nas melhores lojas do Brasil, tanto físicas como online.

Resultado Etapa 1 – 25 / 8

Motos - Classificação Geral (cinco primeiros)
1 – Ricardo Martins #2 – 5:15:47
2 – Tunico Maciel #1 – 5:16:15 (1º Production Aberta)
3 - Gregorio Caselani #5 - 5:19:35
4 - Jean Azevedo #3 - 5:23:17
5 – Bruno Leles #18 – 5:25:00

Roteiro Rally dos Sertões 2019 – 24 / 8 a 1º / 9

2ª etapa – 26/08
Costa Rica – MS / Barra do Garças – MT
Trecho Cronometrado – 530km
Total: 639km

3ª etapa – 27/08
Barra do Garças – MT / São Miguel do Araguaia – GO
Trecho Cronometrado – 420km
Total: 727km

4ª etapa – 28/08
São Miguel do Araguaia – GO / Porto Nacional – TO
Trecho Cronometrado – 277km
Total: 571km

5ª etapa – 29/08 (Maratona)
Porto Nacional – TO / São Félix do Tocantins – TO
Trecho Cronometrado – 300km
Total: 435km

6ª etapa – 30/08
São Félix do Tocantins – TO / Bom Jesus – PI
Trecho Cronometado – 540km
Total: 542km

7ª etapa – 31/08
Bom Jesus – PI / Crateús – CE
Trecho Cronometrado – 320km
Total: 941km

8ª etapa – 01/09
Crateús – CE / Aquiraz – CE
Trecho Cronometrado – 30km
Total: 405km

Notícias

Página inicial