Motor On Line
Notícias-

Rally: Ello Racing segue com o Projeto Chico Brasil no Sertões 2019
Reportagem: Isis Moretti
Foto: Gabriel Massote
Liberdade de Ideias
A dupla Sálvio Costa e Eduardo Alexandre da Silva tem o compromisso de levar alegria e esperança as comunidades carentes que estão situadas no roteiro do Sertões 2019.

O piloto Sálvio Costa e o navegador Eduardo Alexandre da Silva, da Ello Racing, abandonaram as disputas do 27º Rally dos Sertões, porém, eles mantêm-se firmes e fortes no desempenho do Projeto Chico Brasil – ação social criada pela equipe que, entre Campo Grande (MS) e Aquiraz (CE) distribuirá cerca de 1.600 brinquedos às crianças das comunidades mais carentes das cidades onde o evento montar acampamento.

“Está lindo de viver essa ação! Nossas atividades têm se concentrado basicamente na Vila Sertões, uma vez que o número de visitantes locais é muito alto durante a nossa passagem pelas cidades. Além de proporcionar algo especial para essas crianças, promovemos a solidariedade e damos bons exemplos a elas”, disse o piloto Sálvio. “E para nós é gratificante, temos aprendido bastante com essa troca de culturas e experiências”.

Durante as visitas, a Ello Racing busca contribuir para o acesso tecnológico dessas comunidades e tornar-se uma ferramenta social de conexão. “Somos uma rede colaborativa formada por pessoas que tem como princípio o compartilhamento do conhecimento. Possuímos um projeto com o Instituto Alpha Lumen que, dentre diversas iniciativas, está engajado com o aprimoramento da qualidade de ensino em instituições públicas, e tem um trabalho específico com estudantes talentosos da rede pública de ensino, a fim de promover a difusão da ciência e tecnologia, cultura e arte”, explicou o responsável pela gestão e operação da Chico Brasil e gerente da Chico Hight Intelligence (principal parceira da Ello neste projeto), Douglas Leite.

Da disputa

Enquanto a Ello Racing faz sucesso fora das trilhas, infelizmente, dentro delas o caminho não foi o mesmo. Durante a terceira etapa do Sertões 2019, Sálvio e Eduardo sofreram com a falta de sorte. De acordo com o piloto, havia uma lombada muita alta, a qual fez o Mitsubishi ASX saltar violentamente. “Era um trecho de alta velocidade e estávamos a 160km/h. A batida no chão foi bem forte (e de bico); a estabilidade do carro foi excepcional. Porém, tivemos problemas na estrutura mecânica: quebrou o compressor de ar, as portas não fechavam e a poeira entrava demais; tivemos dificuldades para respirar e passamos mal com a falta de ar e desidratação”, detalhou o navegador. Ainda assim, no resultado do dia, eles ficaram em quinto lugar na categoria T2.

Depois de receber o diagnóstico mecânico do carro e avaliar as características das próximas etapas do Sertões, a dupla entendeu que seria imprudência seguir na competição.

Roteiro Rally dos Sertões 2019
24 de agosto a 1º de setembro

5ª etapa – 29 de agosto
Porto Nacional (TO) a São Félix do Tocantins (TO)
DI – 141,96 km
ESP – 330,34 km
DF – 2,72 km
Total: 475,02 km

6ª etapa – 30 de agosto
São Félix do Tocantins (TO) a Bom Jesus (PI)
DI – 0km
ESP – 535,60 km
DF – 2,25 km
Total: 537,85 km

7ª etapa – 31 de agosto
Bom Jesus (PI) a Crateús (CE)
DI – 2,13 km
ESP – 324,98 km
DF – 628,98 km
Total: 955,80 km

8ª etapa – 01 de setembro
Tauá (PI) a Aquiraz (CE)
DI – 428,27 km
ESP – 18 km
DF – 5,95 km
Total: 452,22 km

Notícias

Página inicial