Motor On Line
Notícias-

Kart: André Relvas vence F-4 com os pneus novos
Reportagem: João Alberto Otazú
Foto: Divulgação
Mastermídia
André Relvas / Luiz Rechel assumem liderança do turno.

A 28ª etapa do campeonato de F-4 da Associação de Kart Amador de São Paulo (Akasp) teve a vitória de Andrés Relvas. Na última quarta-feira (11/9) ele largou da sexta posição e partiu para receber a bandeirada com apenas 0s401 de vantagem sobre Bruno Biondo, depois de 30 voltas em 25min43s009 no Kartódromo Granja Viana (Cotia/SP). Com a segunda vitória nas últimas três corridas, Relvas e seu parceiro Luiz Reche assumiram a liderança do quarto turno.

Nesta quarta etapa do quarto turno todos os pilotos largaram com os seus Mega / Honda equipados pneus MG HZ Vermelho novos. Carlos Santana pulou na frente e liderou a primeira volta, mas teve que se recolher aos boxes com falha no carburador. Na segunda passagem Heraldo Brasil era o líder, mas na seguinte Bruno Biondo já apareceu na ponta. Escalando as primeiras posições a partir do sexto posto, André Relvas assumiu a liderança na sexta volta para liderar até o fim, sempre assediado por Biondo.

Nas demais posições as disputas estavam interessantes, até que Hélio Bianchi se firmou no terceiro posto na nona volta, com Arnaldo Bianco no seu encalço o tempo todo. Na quinta posição chegou Dilson ‘Sadan’ Sucupira, que evoluiu a partir do meio da competição. Esta etapa marcou a estreia de Rogério ‘Cebola’ - único a correr com pneus usados -, que em breve deve competir no certame.

A 29ª etapa será disputada no próximo dia 16 de setembro, novamente no Kartódromo Granja Viana.

Resultado da quarta etapa do quarto turno da F-4 da Akasp:

1) André Relvas, 30 voltas em 25min43s009;
2) Bruno Biondo, a 0s401;
3) Hélio Bianchi, a 21s589;
4) Arnaldo Biondo, a 23s753;
5) Dilson ‘Sadan’ Sucupira, a 26s520;
6) Heraldo Brasil, a 46s365;
7) Otávio Lotfi, a 1min35s673;
8) Alexandre Albino, a 1 volta;
9) Walter Vignati, a 1 volta;
10) Rogério Cebola, a 1 volta.

Pontuação do quarto turno da F-4 da Akasp depois de quatro provas e um descarte:

1) André Relvas/Luiz Rechel, 70;
2) Bruno Biondo/Emílio de Bisceglie, 62;
3) Hélio Bianchi/Alberto Otazú, 59;
4) Arnaldo Biondo/Bruno Biondo, 57;
5) Giovani Bondança/Eder Ayres, 53;
6) Carlos Santana, 50;
7) Otávio Lotfi, 48;
8) Heraldo Brasil/Saint Clair, 48;
9) Sérgio Gonçalves/Dilson ‘Sadan’ Sucupira, 46;
10) Alexandre Albino, 42.

Notícias

Página inicial