Motor On Line
Notícias-

Stock Car: Camilo planeja dar passo em direção à liderança em Cascavel
Reportagem: Alexandre Kacelnik
Foto: Carsten Horst

No próximo domingo (dia 20) a Sotck Car vai disputar em Cascavel, Paraná, a nona das doze etapas da temporada 2019. Terceiro colocado no campeonato, Thiago Camilo adoraria repetir sua única vitória em Cascavel, conquistada em 2015, mas sabe que ser o maior pontuador da rodada dupla, como fez em 2017, é o mais importante.

“Esse ano tenho o maior número de vitórias (4) e o maior número de pole positions (5) até agora, mas estou em terceiro no campeonato devido a uma série de circunstâncias. Então o objetivo aqui é voltar para casa mais próximo do Ricardo Maurício, que lidera o campeonato 24 pontos à minha frente”. Em 2017, a primeira corrida foi vencida por Max Wilson e a segunda por Vitor Genz. Thiago Camilo sequer subiu ao pódio, mas com um quarto e um sexto lugares foi o maior pontuador.

Hoje, o piloto do Chevrolet 21 da Ipiranga Racing foi o único a virar abaixo de 1min02seg (marcou 1min01s943 no segundo treino livre). Como sua companheira de equipe, Bia Figueiredo, bateu no primeiro treino livre e seu carro estava sendo consertado, Camilo, que pela manhã andara no segundo grupo e ficara com o segundo tempo, andou no primeiro grupo à tarde. O que acabou sendo uma sorte, porque uma forte chuva fez com que o segundo grupo entrasse na pista uma hora depois do previsto e em condição de pita molhada.

“Os treinos de hoje não dão um parâmetro exato de quem está mais veloz, porque os carros andam em condições diferentes de pneus e pista, mas uma coisa dá pra saber: nosso carro está bom e vamos brigar por mais um Q3 amanhã”, disse Thiago Camilo, único piloto a figurar em todos Q3 (que reúne apenas os seis mais rápidos do Q2) da temporada 2019. O piloto elogiou o circuito de 3.053 metros do Oeste paranaense. “A grande atração de Cascavel é a Curva do Bacião, uma das mais desafiadoras do calendário. Essa curva inclinada e traiçoeira traz a dificuldade de se encontrar um acerto onde o carro seja rápido e não gaste demais os pneus de apoio”, resume.

Bia Figueiredo reforça o discurso do companheiro de equipe. “É realmente uma pista complicada, mas muito veloz, e esse é o desafio que a gente gosta de encarar”. Hoje, o cubo da roda dianteira direita do Chevrolet número 3 da única piloto do grid afrouxou e provocou um acidente que acabou comprometendo o dia. A rodada dupla de Cascavel tem início às 11 horas de domingo e transmissão do SporTV2.

Notícias

Página inicial