Motor On Line
Notícias-

Stock Car: KTF Sports teve fim de semana positivo
Reportagem: Flávio Quick
Foto: Rodrigo Guimarães
Quick Comunicação
Guilherme Salas e Diego Nunes tiveram grandes atuações em Goiânia.

Terminou neste domingo (24) a 11ª e penúltima etapa da Stock Car. A principal competição do automobilismo brasileiro reuniu seus 29 pilotos no Autódromo Ayrton Senna, em Goiânia. Seguindo a onda de bons resultados iniciada na última rodada a equipe KTS Sports (Americanet | Harald | Cifarma) conseguiu concretizar dois Top10 com o piloto Guilherme Salas e, mais do que isso, teve dois dos carros mais rápidos da pista no fim de semana.

Após registrar os dois tempos mais rápidos da pista na sexta-feira, durante os treinos, os pilotos da KTF seguiram para o terceiro treino, já na manhã de sábado, muito animados para a busca do melhor ajuste para a tomada de tempos. Com tudo preparado para a classificação as condições climáticas mudaram radicalmente e uma forte chuva caiu sobre o autódromo minutos antes da tomada de tempos mudando, assim, toda a programação das equipes.

Nunes, que tinha sido o mais veloz na sexta-feira, acabou sendo prejudicado por seu momento de entrada na pista e, com isso, não teve condições de concluir uma volta ideal. Assim, com a marca de 1m32s818 ele ficou com apenas com a 24ª posição do grid. Salas, por sua vez, teve um pouco mais de com o clima e, com a pista um pouco mais seca, seguiu para o Q2 e, com a marca de 1m31s008 se garantiu na quinta fila do grid, na décima colocação.

Após uma série de homenagens para o piloto Tuka Rocha, falecido no último domingo em virtude de um acidente aéreo, a primeira corrida foi autorizada as 11 da manhã. Após boa largada Salas conseguiu ganhar duas posições, seguindo para o sétimo lugar enquanto que Diego, escapou dos enroscos da primeira curva ganhando duas posições. Em uma corrida muito acirrada ambos os pilotos adotaram estratégias diferentes. Nunes foi para cima em busca de recuperação enquanto que salas, no primeiro pelotão, procurou se manter no TOP10 até a janela de pit-stops. Na 12ª volta as paradas começaram a acontecer e, em duas paradas bem rápidas a KTF recolocou seus pilotos na pista em boas condições de disputa. Com concentração máxima os dois pilotos seguiram competitivos e, ao final dos 40 minutos, Salas recebeu a bandeirada na oitava colocação enquanto que Nunes, após ganhar 12 posições, chegou no 12º lugar.

Pela regra da inversão do grid para a segunda corrida Salas alinhou o carro #85 na terceira colocação enquanto que Nunes partiu de 12º, na sexta fila. Após a largada autorizada Nunes conseguiu encontrar um espaço entre os concorrentes e, ao final da primeira volta, já aparecia na sexta colocação. Salas, para evitar um toque, acabou perdendo uma posição caindo para o quinto lugar. Com os dois carros no Top6 os engenheiros da KTF já faziam suas estratégias para tentar a busca pelo pódio, porém, ainda na segunda volta, Nunes foi tocado por um concorrente rodando na pista e caindo para o 25º lugar. O piloto do carro #70 seguiu na pista, no fim do pelotão, enquanto que Guilherme continuava na briga pelos primeiros lugares. Com os pneus já bastante desgastados Salas perdeu algumas posições e, após a rodada de pit-stops, retornou ao traçado na décima colocação. Nunes também fez um bom pit-stop retornando em 20º. A prova seguiu em ritmo acelerado e com carros bastante rápidos os dois pilotos da KTF seguiram recuperando posições. Salas ganhou mais um posto e recebeu a bandeirada final na nona colocação enquanto que Nunes, por sua vez, buscou mais sete posições, concluindo a prova em 17º.

“Estamos muito satisfeitos com o desenvolvimento que conseguimos nos dois carros, desde a última etapa no Velocittà. Aqui em Goiânia, na sexta-feira já conseguimos colocar em prática todo o nosso desenvolvimento mostrando realmente grande velocidade. Infelizmente a chuva antes da tomada nos tomou a possibilidade de partirmos com os dois carros entre os primeiros. Nas provas, de forma muito positiva, os dois pilotos conseguiram uma excelente comunicação com os engenheiros, seguiram bem as estratégias e, com isso, conseguimos pontuar com o Gui nas duas corridas entre os 10 primeiros e, não fosse o toque, teríamos a mesma condição com o Diego, que na primeira prova marcou nove pontos e, na segunda, quatro. Ao todo a KTF marcou 34 pontos e, mais do que isso, saímos daqui com a certeza de que temos dois carros muito competitivos para Interlagos, no encerramento da temporada”, comentou Guilherme Ferro, diretor de engenharia da KTF.

A 12ª e última rodada da Stock Car será realizada no Autódromo de Interlagos, em São Paulo, entre os dias 13 e 15 de dezembro.

Notícias

Página inicial