Motor On Line
Notícias-

Kart: Henrique Magioni terminou Brasileiro no top 6
Reportagem: Flávio Quick / Fabíola Cadar
Foto: Flávio Quick
Quick Comunicação
Em participação emocionante piloto de Belo Horizonte esteve sempre entre os mais rápidos.

Terminou neste sábado (16) a disputa da 51ª edição do Campeonato Brasileiro de Kart para as categorias que compunham a primeira fase do evento. Em uma destacada participação na categoria Cadete o piloto mineiro Henrique Magioni (Instituto Nascer | Center Kart | Happy News | GC Cardio e Fitness) representou com maestria o estado de Minas Gerais e encerrou o campeonato em um comemorado sexto lugar.

Henrique chegou à Paraíba ainda na semana anterior, quando participou das disputas da Copa Paladino, evento que serviu como preparação para o Nacional. Como sempre contando com o suporte técnico da equipe Center Kart Competições, Magioni teve uma participação muito proveitosa desde os primeiros treinos do Brasileiro.

Contando com um equipamento baseado nos chassis Techspeed e motores Honda, que são sorteados entre os concorrentes, o piloto de 10 anos mostrou que a experiência que adquiriu em seu primeiro ano de kart foi extremamente válida. A cada vez que entrava na pista o piloto era mais rápido e, sobretudo, mostrava constância maturidade para assimilar as informações que recebia dos técnicos do time.

O primeiro momento decisivo da competição foi a tomada de tempos, realizada na manhã de quinta-feira (14). Henrique, com todo o aprendizado acumulado na Copa Paladino e nos dois dias de treinos conseguiu registrar voltas bastante rápidas e, com uma volta marcada em 1m01s509 ficou com a quarta posição geral diante de um grid com 25 competidores.

A programação de corridas foi composta por duas corridas classificatórias, uma Pré-Final e a última e decisiva Final. Com um 15º e um sétimo lugar nas classificatórias Henrique seguiu para a Pré na 10ª posição do grid. Nesta prova, disputada no fim da manhã de sábado, Henrique foi muito combativo, porém, em meio a toques e muitas trocas de posição, finalizou a bateria no 14º lugar.

O sábado ficou destinado, exclusivamente, para as corridas finais. Henrique, partindo da sétima fila, fez uma largada conservadora e acabou caindo duas posições. Daí por diante, porém, o piloto de Belo Horizonte fez uma corrida espetacular. Com garra e muita determinação o piloto fez inúmeras ultrapassagens. Mostrou consistência e arrojo para superar nada menos que dez concorrentes e receber a bandeirada final na sexta posição.

"Foi uma sensação fantástica. O Henrique pilotou como se fosse um garoto com anos de experiência. Soube se defender bem, atacou quando foi possível e nos momentos de decisão teve o arrojo necessário. Muito mais que a posição em si, que foi fantástica, ficamos todos muito felizes com o crescimento e a maturidade que ele mostrou tanto na pista como fora dela, no trato com os mecânicos e demais pessoas da competição. Hoje o Henrique é o sexto melhor do Brasil na categoria dele", comentou entre sorrisos o médico Hemmerson Magioni, pai do piloto.

Notícias

Página inicial