Motor On Line
Notícias-

Cacá faz a pole e Pedro Piquet 2º tempo para o grid da Porsche GT3 Cup
Reportagem: Luís Ferrari
Foto: Luca Bassani
Na Challenge, William Freire foi o mais rápido, seguido por Renan Guerra.

Numa corrida de endurance, a posição de largada não importa tanto quanto nas jornadas de sprint. Mas os treinos qualificatórios da abertura do campeonato Sul-Americano da Porsche GT3 Cup Challenge nesta tarde em Interlagos serviram de exemplo de quanto os carros estarão próximos na primeira jornada de 300 km do ano. Na classe Cup, 13 dos 18 carros do grid cravaram marcas com intervalo inferior a um segundo. Na Challenge, eram seis dos 11 inscritos dentro do mesmo segundo.

Nesse cenário acirrado, os quatro competidores que saíram mais contentes foram Cacá Bueno, Claudio Dahruj, William Freire e Ramon Alcaraz.

O pentacampeão da Stock Car matou saudade das corridas de Gran Turismo em grande estilo e registrou a melhor volta do quali, para colocar o carro #0 na pole em sua primeira participação na Porsche GT3 Cup Challenge –ele já havia competido com Porsches de corrida na Supercup, em etapas preliminares de GPs de F1 há dez anos. Em sua melhor passagem, ele registrou 1min37s421 –a melhor marca da categoria em Interlagos desde a adoção do lastro de êxito no ano passado.

Assim como o experiente piloto da Stock Car, Pedro Piquet foi escalado para as duas sessões de treino com o carro #5, que compartilha com o irmão Nelsinho na primeira prova dos dois juntos no mesmo carro de corrida. O bicampeão da F3 Brasil chegou a ocupar provisoriamente a posição de honra no minuto final, antes de ter a marca superada por 0s081.

Na segunda fila vão alinhar Allam Khodair-Marcelo Hahn em terceiro com o carro #16 e a dupla Beto Leite-Beto Valério com o carro #4.

Pole na Challenge na corrida de 300 km do ano passado, Alan Hellmeister liderou o início do quali com o tempo de 1min37s840. Na segunda sessão de 10 minutos, ele deu lugar a Ricardo Zonta no carro #6, que vai abrir a terceira fila. Em sexto lugar vai alinhar a dupla Beto Gresse-Miguel Paludo.

O quali da Challenge também teve alternância na primeira posição. Renan Guerra, que compete em dupla com o jovem Christian Hahn, cravou a melhor volta da primeira sessão. Tentou repetir a dose na segunda, mas quando os carros já aceleravam com faróis acesos no final da tarde, William Freire, parceiro de Ramon Alcaraz no carro #50, buscou o tempo decisivo. Os carros da geração “997-II” vão alinhar a partir da 19a posição no grid.

A segunda fila da Challenge será aberta por tripulação de titulares da categoria: Cristiano Piquet e Otávio Mesquita. Ao lado deles largam Eloi Khouri e Marco Cozzi.

Apesar da competitividade acirrada e da altíssima velocidade mostrada por tantos profissionais debutantes no evento, mais uma vez, a Porsche GT3 Cup Challenge testemunhou exemplos de camaradagem que notabilizaram o evento ao longo de seus 12 anos. Impossibilitado de competir na última hora em parceria com seu sobrinho Lucas Foresti, Constantino Jr, o recordista em vitórias da categoria foi substituído justamente pelo piloto com quem protagonizou a maior rivalidade na história recente da categoria: o tricampeão Ricardo Rosset. Eles saem em nono lugar no geral.

A corrida terá duração de 300 km ou 2h30min. Cada competidor é obrigado por regulamento a conduzir durante dois stints. Eles são também os encarregados de traçar as estratégias, para revezamento no carro, troca de pneus e reabastecimento.

A largada está marcada para 15h deste sábado. O canal da categoria no Youtube e o site oficial da Porsche GT3 Cup Challenge transmitem a prova ao vivo. Na TV, a etapa será exibida após o período olímpico. A Band mostra a primeira jornada de endurance no dia 28 de agosto às 13h, e, o Sportv 3, no dia 25 de setembro às 14h30.

Além do primeiro campeonato de endurance da categoria –compreendido pela prova em Interlagos, outra de 300 km em Goiânia e a final, de 500 km novamente em São Paulo–, a temporada terá ainda um campeão das provas de sprint e um campeão “overall”, definido pela somatória dos pontos das 9 etapas do calendário.

O campeão overall da classe Cup recebe como prêmio a participação numa das corridas preliminares das 24 Horas de Le Mans em 2017, na qual largam 40 Porsches. Já o campeão da Challenge ganha como prêmio uma etapa na Cup na temporada seguinte.

Porsche GT3 Cup Challenge – Endurance 1 – Grid:

1° 0 CUP C.Dahruj / C.Bueno 1:37.421
2° 5 CUP N.Piquet / P.Piquet 1:37.502
3° 16 CUP M.Hahn / A.Khodair 1:37.629
4° 4 CUP B.Leite / B.Valerio 1:37.717 11
5° 6 CUP R.Zonta / A.Hellmeister 1:37.840
6° 7 CUP M.Paludo / B.Gresse 1:37.857
7° 34 CUP M.Billi / R.Mauricio 1:37.948
8° 2 CUP M.Basso / N.Figueiredo 1:38.136
9° 00 CUP R.Rosset / L.Foresti 1:38.142
10° 90 CUP JPMauro / Casagrande 1:38.243
11° 77 CUP D.Schneider / R.Baptista 1:38.255
12° 1 CUP P.Queirolo / M.Visconde 1:38.320
13° 52 CUP C.Lunardi / B.Posses 1:38.365
14° 3 CUP S.Jimenez / R.Baptista 1:38.458
15° 12 CUP D.Giustiozzi / G.Mazzacane 1:38.553
16° 44 CUP P.Pomelli / D.Nunes 1:38.838
17° 88 CUP E.Azevedo / S.Barros 1:38.852
18° 81 CUP G.Farah / M.Franco 1:39.244
19° 50 CHA R.Alcaraz / W.Freire 1:41.112
20° 12 CHA C.Hahn / R.Guerra 1:41.147
21° 56 CHA O.Mesquita / C.Piquet 1:41.341
22° 21 CHA E.Khouri / M.Cozzi 1:41.456
23° 91 CHA L.Arruda / M.Vario 1:41.954
24° 89 CHA D.Paludo / C.Ambrósio 1:42.025
25° 19 CHA R.Melo / T.Filho 1:42.123
26° 27 CHA L.Elias / M.Muller 1:42.708
27° 69 CHA S.Maggi / M.Zanella 1:43.564
28° 25 CHA M.Salla / G.Reischl 1:43.670
29° 38 CHA R.Samed / M.Mauro 1:44.617

Declarações dos pilotos

"Uma bela estreia. Que não é bem estreia porque corri duas corridas na Europa de Porsche, mas em 2007 na Alemanha e na Hungria no mundial de Porsche antes da F1. Tive uma experiência com o carro e quão gostoso é de guiar e quão rápido é. Umas velocidades mínimas impressionantes, às vezes até mais rápido que a Stock em mínima velocidade de contorno. Uma tração absurda... E a dificuldade do que é parar esse carro. O freio é muito bom, às vezes o pneu não aguenta. Eu me bati um pouco nos treinos e me bati um pouco na classificação inclusive. Na primeira não fui tão bem mas na segunda achei uma volta boa, consegui frear no lugar certo e deslizar o suficiente. É um carro que da pra andar de lado, é uma delicia. Estou muito feliz, não só pela pole, mas de fazer parte desse evento. Tinha uma inveja de que os profissionais não participavam, só ex-profissionais ou pilotos amadores. E é uma organização tremenda, queria fazer parte. Agora tem um formato em que podemos fazer parte e estou muito feliz de estar aqui"

Cacá Bueno

"Acho que foi bom. A gente estava usando uns pneus muito velhos no treino então estava um pouco angustiado porque estava com o tempo um pouco alto e com o pneu ruim né... Na primeira classificação fui um pouco cauteloso nas freadas pra não estragar o pneu e na segunda acho que consegui o pontinho certo nas freadas. Sempre tem um pouco ali e aqui mas acho que a volta foi muito boa. Fico feliz por poder estar andando no mesmo nível e velocidade que outros pilotos da Cup e Stock"

Pedro Piquet

"O tempo caiu bastante no comparativo com o ano passado, tem um nível de pilotos alto agora e acho isso positivo. Nosso último treino foi muito ruim, temos de descobrir o que é pois desconfio até de pneu porque o carro estava totalmente difícil de guiar. Na tomada estava confiante pra pole, principalmente depois da primeira classificatória, porque eu achei que o carro tinha melhorado bastante. Então na classificatória 2, fui atrapalhado um pouco no trânsito e quase não consigo dar nenhuma volta. Aí consegui abrir faltando um minuto e fiz uma volta cautelosa porque sabia que tinha que fechar aquela volta senão ia largar atrás. Então positivo para uma prova de endurance mas gostaria de dar mais voltas sem pessoas atrapalhando porque acho que ia ser apertada a briga pela pole, mas Caca esta de parabéns, foi uma ótima volta. O que importa é consistência em uma prova de endurance, e o Marcelo está muito bem, muito melhor que ano passado. Temos uma chance boa de levar essa"

Allam Khodair

"O objetivo principal com certeza é ganhar o campeonato se possível e ganhar o prêmio, é o principal. Esse campeonato é novo, com formato e estratégias novas, dividindo o carro com outro piloto. Estou aprendendo este estilo de corrida que é uma coisa que nunca fiz na vida e acho que essa primeira prova vai ser importante para aprender bastante"

Miguel Paludo

"Foi uma surpresa boa. Conversei com o (Constantino) Júnior ontem as 20h da noite, ele me disse que não poderia vir e me consultou se eu viria. Falei “adoraria”, mesmo um pouco fora de forma porque são quase oito meses sem acelerar e nesse grid só tem fera. Foi legal o dia, apesar de ter escapado num treino livre. Faz diferença estar no ritmo de campeonato e andando direto. Mas foi legal. O Lucas fez um belo trabalho e colocou o carro em um lugar bom no grid. Temos um ritmo bom de corrida e amanhã vamos concentrar para não cometer erros e fazer uma corrida limpa. Tenho que destacar a atitude do Júnior, que demonstra todo o espírito da categoria. Fiquei muito feliz quando ele me chamou, depois de tantas curvas que dividimos na pista. Mas sempre tivemos um relacionamento ótimo, mostra a confiança que ele tem e vice-versa. Foi engraçado sentar no carro que eu sempre vi de fora como concorrente, no lugar dele. Fiquei muito honrado. Agora nós temos que fazer uma corrida em dupla. Gostaria muito de correr com ele uma de dupla um dia"

Ricardo Rosset

"Foi uma classificação bem disputada, muita gente, muito rápido, todos muito próximos. Então acho que para uma corrida longa vale pouco a classificação em comparação com a Sprint. Agora a expectativa é muito grande né, é diferente para nós da categoria com abastecimento, stint, pensar em estratégia. Não estamos muito acostumados mas tem tudo para ser um grande sucesso como já está sendo. Está muito legal o clima no autódromo, está muito bacana. E pensar no prêmio das duas juntas seria super especial. Quem ganhar e conseguir correr na Le Mans, seria uma corrida memorável pra quem ganhar. Realmente seria uma conquista muito especial"

Ricardo Baptista

"Foi bem legal o dia. A primeira impressão foi muito positiva, me adaptei bem ao carro. Na classificação acho que erramos um pouco na estratégia. Dividimos um treino cada um, mas se tivesse ele feito os dois talvez daria para brigar mais à frente porque ele carrega menos peso que eu. Foi produtivo e acho que vamos nos divertir bastante na corrida, com o carro em condições de brigar pelo pódio"

Ricardo Zonta

"O carro não tem o que falar. Fantástico. O primeiro momento que eu sentei nele eu já me vesti nele, muito tranquilo de guiar, sem tomar susto, nada. Mas a gente estava andando nos treinos sem o balanço de peso, e estava até confortável. 5 minutos antes da tomada vieram com o equilíbrio de peso com 55kg no carro e eu nem mexi no carro, deixei do jeito que tava. Na primeira tomada faltou um “pelinho” pra chegar no Renan Guerra, mas foi mais adaptação com o carro, porque piorou de freada. A gente conversou aqui e ele falou “você quer fazer a pole?” e eu falei “eu quero”, “então espeta outro jogo de pneu e vai”"

William Freire

"Começamos bem, parabéns pro William que fez a classificação. Um piloto que não conhecia o carro na verdade já chegou detonando. Nosso objetivo amanhã é manter uma média boa e aí temos grandes chances de subir no pódio"

Ramon Alcaraz

"No primeiro treino conseguimos ficar em primeiro, mas estava muito perto, ainda não tinha nada resolvido. Só que eu acho que precipitei um pouco. Na segunda volta fiz o mergulho e a junção e senti que o carro grudou, resolvi já fazer uma freada no S e senti que bloqueei um pouco a dianteira esquerda. O pneu ficou um pouco quadrado, aí senti um pouco no apoio de curva pra direita, o pneu esquerdo vibrava, e aí saí um pouquinho de frente. Aí já não tinha mais condição de virar de novo o mesmo tempo, ia ser difícil. Foi muito perto, volta foi muita certa, perfeita. Mas acho que pra corrida o Christian está equilibrado, está virando próximo. Então acho que a estratégia não tem jeito, acredito que vamos ter que intercalar um com o outro mas a expectativa é boa"

Renan Guerra

"Numa corrida de longa duração a posição de largada não é tão fundamental, mas fico contente com o terceiro lugar e estamos empolgados para a corrida de amanhã com o Otávio. Ele é sempre muito rápido e ainda me deu carta branca para eu fazer os acertos, então fiquei com o trabalho de buscar o setup e estou confiante que na corrida vai vir ainda mais rápido"

Cristiano Piquet

"Eu acho que nossa dupla é muito forte. Eu tenho visto o tempo das duplas e o Eloi conseguiu andar na frente dos adversários que precisava. Ele só não andou na frente de dois porque ele foi atrapalhado na volta 3 que era a volta rápida dele. Na verdade, o pneu dele esquentou na 2, então a volta boa dele foi a 3 e a 4 e os caras estavam uma volta na frente. Ele perdeu a volta 4 no trânsito. Ai saímos no Q2, na segunda volta eu vi que o pneu deu o grip. Abri a volta rápida dando tudo e peguei trânsito. Abri a 3 peguei trânsito. Na 4ª já não tinha o mesmo grip: não freava igual e não tracionada igual. Fiz o que dava. Nossa realidade eram uns 3 ou 4 décimos abaixo, então viria disputando no décimo com os primeiros"

Marco Cozzi

Notícias

Página inicial