Motor On Line
Notícias-

Rally: Varela e Gugelmin preparados para brigar pela 2ª vitória no Sertões
Reportagem: João Alberto Otazú
Foto: Sanderson Pereira
Mastermídia
Reinaldo Varela e Gustavo Gugelmin vão aproveitar a experiência de líderes do campeonato brasileiro e de campeões mundiais de Rally Cross Country para tentar outro sucesso.

Atuais campeões do Rally dos Sertões, o piloto paulista Reinaldo Varela e o navegador catarinense Gustavo Gugelmin (Divino Fogão / Blindarte / Temp Clean / Tecmin / Ibis / Itamotors) vão defender o título da principal prova de off-road do Brasil e uma das principais do mundo, que vai começar no sábado (03/9) em Goiânia (GO), passando por Padre Bernardo (GO), Cavalcante (GO), Posse (GO), Luís Eduardo Magalhães (BA), Mateiros (TO) e Ponte Alta (TO), para terminar no dia 10 de setembro em Palmas (TO), após percorrer 3.212 quilômetros.

"Vamos tentar segurar o cinturão. A expectativa é boa, estamos bem preparados fisicamente e psicologicamente. Vamos pra frente", avisa Varela, bicampeão Mundial de Rally Cross Country (2000 e 2013), e com sete vitórias no Rally dos Sertões por categoria (98, 99, 2000, 2007, 2008, 2012 e 2015) e duas vezes (2000 e 2015) na classificação Geral. "Estamos indo para defender o título. Eu e o Reinaldo novamente estamos bem preparados e mais afinados. Estamos com um otimismo muito bom. Claro que vamos sempre pra vencer, e o meu sonho é ser campeão novamente, um título que te dá muito reconhecimento, destaque na mídia, além da realização pessoal. No ano passado fomos agraciados pela nossa competência, dedicação e esforço. Vamos com a mesma vontade, garra e preparação para dificultar pra todo mundo", emenda Gugelmin.

O Divino Fogão Rally Team vai participar novamente com uma picape Hilux 2015, com chassi tubular, motor V8 de 350 hp de potência e câmbio sequencial, montada em Portugal pela South Racing, uma equipe bem experiente, com mecânicos de confiança e que já estiveram no Rally dos Sertões do ano passado. "É um modelo que a gente já veste a quatro anos, que conhecemos bem, sabemos dos seus limites e até onde podemos chegar. Isto conta muito a favor", explica o navegador. "É um carro bem competitivo, dá pra ser campeão", completa o piloto que vai fazer a sua 18ª participação na prova. Para Reinaldo, mesmo assim as coisas não serão fáceis. "A concorrência novamente será grande, principalmente entre os protótipos que estão dentro do regulamento T1 da FIA, a mais rápida do evento". "Outras duplas muito fortes estão com carros bem aprimorados e por isto será difícil. A cada ano as equipes estão se aprimorando mais e com mais experiência", complementa Gugelmin. A estrutura do time é composta por um caminhão, um motor-home, dois trailers para 10 pessoas cada um, três camionetes, e dois carros de apoio.

Líderes isolados do Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country, Reinaldo Varela e Gustavo Gugelmin vão aproveitar o excelente pacote técnico que usarão e o entrosamento que tem há vários anos para repetirem o sucesso do ano passado, na edição em que haverá o recorde de 74% de Especiais, com 2.357,17 quilômetros de trechos cronometrados nos sete dias da competição. "Este ano o Rally dos Sertões volta a ser muito difícil, bem extremo no deserto do Jalapão, bem no estilo Rally Dakar. Vamos encontrar Especiais com 300 km e 500 km, dois dias seguidos dando mil quilômetros, vai ser duríssimo, tanto para testar os carros nacionais como os importados", avalia o navegador Gustavo Gugelmin.

A principal prova de rali do Brasil terá seu início com o Prólogo no sábado, entre 10 e 14 horas, na Cidade Alpha Goiás, com a primeira disputa envolvendo as 53 duplas de carros, 31 de UTVs e os 49 pilotos de motos e 14 de quadriciclo. A partir das 18h30 todos os 147 veículos subirão a rampa da Largada Promocional no Autódromo Internacional de Goiânia, com acesso livre ao público.

Confira a programação e roteiro do Rally dos Sertões 2016:

Sábado (03/09)
10h às 14h - Prólogo na Cidade Alpha Goiás (Senador Canedo)

04/09 - Etapa 1
Goiânia (GO) - Padre Bernardo (GO)
Deslocamento inicial: 248,43 km
Trecho especial: 111,79 km
Deslocamento final: 4,32 km
Total do dia: 364,54 quilômetros

05/09 - Etapa 2
Padre Bernardo (GO) - Cavalcante (GO)
Deslocamento inicial: 34,27 km
Trecho especial: 374,84 km
Deslocamento final: 9,19 km
Total do dia: 418,3 quilômetros

06/09 - Etapa 3
Cavalcante (GO) - Posse (GO)
Deslocamento inicial: 22,95 km
Trecho especial: 376,41 km
Deslocamento final: 244,12 km
Total do dia: 643,48 km

07/09 - Etapa 4
Posse (GO) - Luís Eduardo Magalhães (BA)
Deslocamento inicial: 14,62 km
Trecho especial: 361,94 km
Deslocamento final: 183,59 km
Total do dia: 560,15 km

08/09 - Etapa 5
Luís Eduardo Magalhães (BA) - Mateiros (TO)
Deslocamento inicial: 35,47 km
Trecho especial: 425,67 km
Deslocamento final: 00 km
Total do dia: 461,14 km

09/09 - Etapa 6
Mateiros (TO) - Ponte Alta (TO)
Deslocamento inicial: 00 km
Trecho especial: 514,98 km
Deslocamento final: 5,97 km
Total do dia: 520,95 km

10/09 - Etapa 7
Ponte Alta (TO) - Palmas (TO)
Deslocamento inicial: 4,61 km
Trecho especial: 191,54 km
Deslocamento final: 47,46 km
Total do dia: 243,61 km

Reinaldo Varela e Gustavo Gugelmin correm na Divino Fogão Rally Team com apoio de Blindarte / Temp Clean / Tecmin / Itamotors / Ibis.

Notícias

Página inicial