Motor On Line
Notícias-

Rally: equipe Bianchini passa ilesa pela primeira etapa do Sertões
Reportagem: Mércia Suzuki
Foto: Victor Eleutério
MSuzuki Comunicação
Fabrício Bianchini/Caio Santos fecham em 2º na Protótipos T1. Nas motos/Production Aberta Fernando Zotelli (3º), Richard Fliter (4º) e Marcos Colvero (10º).

A Bianchini Rally abriu o Rally dos Sertões com resultado positivo, com todos os competidores completando a exigente e sinuosa primeira etapa (domingo), cheia de abismos, subidas e descidas de serra, erosões e muita poeira. Nos carros a dupla Fabrício Bianchini e Caio Santos (#334) se deu muito bem e terminaram em segundo na Protótipos T1, categoria onde a competitividade e intensa. A dupla completou o trecho de 111 quilômetros em 1h57m16s, tempo este o 12º da geral.

"Foi divertidíssimo, estou feliz da vida, o carro foi sensacional e andei meio conservador neste primeiro dia. Não tivemos imprevistos e o Caio navegou bem e estamos afinando nosso entrosando cada vez mais", afirma diz Bianchini, em sua 14ª participação, mas estreando como piloto de carros, após 11 anos na motos. O navegador Santos disputa pela primeira vez o Rally dos Sertões, mas mais experiente o piloto sabe que um prova como essa se faz com estratégia, pois a prova somente acaba no final do sétimo dia (em Palmas), quando colocarem o carro no Parque de Apoio, antes disso tudo pode acontecer.

Sobre o segundo dia de disputa, a organização alertou que poder ser a Especial mais dura de todos os tempos. "Nesta segunda o dia promete ser dureza, com travessias de rios e cheio de dificuldades, então temos de ir usar a cabeça e ter uma tocada constante, mas consciente, porque tem muito rali pela frente", completa Gaúcho, como é conhecido no meio off-road.

Motos e quadris

Nas motocicletas os pilotos da Bianchini Rally se mostraram guerreiros, ao superar as adversidades do primeiro dia, que já deu uma pequena amostra de como será a 24ª edição. Os três competem pela Production Aberta. Fernando Zotelli (#43) terminou em 7º na geral, com 1h47m27s e 3º na categoria. Richard Fliter (#7) conquistou a 11ª posição na geral e veio logo atrás do companheiro de equipe - 4º na categoria com 1h47m27s. Já Marcos Colvero (#15) vinha num bom ritmo na Especial mas teve um imprevisto e completou em 10º na categoria (35º geral) - 2h08m15s.

"Antes da metade da prova levei um tombo e me tirou um pouco a concentração. Por ter danificado um pouco o equipamento não pude ter o mesmo desempenho, mas voltei para a prova e completei o dia. Nas próximas etapas é fazer uma prova de recuperação, mas o rali começou agora e tem muito chão ainda", diz o gaúcho de Porto Alegre, que passa bem e nada sofreu na queda.

O uruguaio Javier Fernandes (#111) completou em 9º lugar nos quadriciclos com o tempo de 2h18m50s e vai tocando o rali dentro do seu ritmo, com a convicção de completar todo o percurso. O piloto vem ao Brasil pela quinta vez para disputar o Rally dos Sertões e tem no currículos três passagens pelo Rally Dakar, sendo as duas últimas edições também a bordo de um quadriciclo, a primeira experiência foi mas motos.

Nesta segunda-feira, a largada será em Padre Bernardo (GO) e chegada em Cavalcante (GO) com um total de 418 quilômetros em meio a estradas de fazendas bem estreitas, sinuosas e com muitas lombas, pedras e lajes, além de travessias de rios.

A Bianchini Rally pratica a compensação e a neutralização de carbono, por meio da Iniciativa Verde, que concedeu pelo oitavo ano consecutivo o selo Carbon Free. É a única equipe com o selo no grid do Rally dos Sertões.

A Bianchini Rally, equipe com sede em Barueri/SP, conta com o patrocínio da McDonald Pelz, QT Engenharia, Madeira Energy, Nova Vida e Melnick Even, Iper e Ducatti.

Resultado Etapa 1 (4/9) - Categoria Protótipos T1 (cinco primeiros)

1) Michel Terpins / Maykel Justo - 1h47m51s.2
2) Fabricio Bianchini / Jose R. dos Santos -- 1h57m16s.3
3) Jorge Wagenfuhr Jr. / Joel Kravtchenko -- 1h58m6s.3
4) Luis Nacif / Filipe B. de Oliveira -- 1h58m16s.7
5) Pedro Prado / Joaquim Bicudo -- 2h01m02s.4

Programação do 24º Rally dos Sertões

Segunda-feira, dia 05/09 - Etapa 2
Padre Bernardo (GO) - Cavalcante (GO)
Deslocamento inicial: 41,79 km
Trecho especial: 117,12 km
Deslocamento final: 203,58 km
Total do dia: 362,86 km

Terça-feira, dia 06/09 - Etapa 3
Cavalcante (GO) - Posse (GO)
Deslocamento inicial: 23,02 km
Trecho especial: 174,92 km
Deslocamento final: 370,22 km
Total do dia: 568,17 km

Quarta-feira, dia 07/09 - Etapa 4
Posse (GO) - Luís Eduardo Magalhães (BA)
Deslocamento inicial: 22,35 km
Trecho especial: 123,47 km
Deslocamento final: 282m18 km
Total do dia: 453,65 km

Quinta-feira, dia 08/09 - Etapa 5
Luís Eduardo Magalhães (BA) - Mateiros (TO)
Deslocamento inicial: 35,84 km
Trecho especial: 187,85 km
Deslocamento final: 186,50 km
Total do dia: 410,19 km

Sexta-feira, dia 09/09 - Etapa 6
Mateiros (TO) - Ponte Alta (TO)
Deslocamento inicial: 00 km
Trecho especial: 128,16 km
Deslocamento final: 190,93 km
Total do dia: 321,95 km

Sábado, dia 10/09 - Etapa 7
Ponte Alta (TO) - Palmas (TO)
Deslocamento inicial: 6,02 km
Trecho especial: 84,69 km
Deslocamento final: 190,93 km
Total do dia: 212,14 km

Total da prova do regularidade: 2.691 km
Total de trechos navegados: 928,29 km

Notícias

Página inicial