Motor On Line
Notícias-

Stock Car: Átila Abreu estreia na Corrida do Milhão com a Shell Racing
Reportagem: RF1
Foto: Rafael Gagliano
Piloto sorocabano venceu a última corrida da Stock Car em Interlagos, realizada em dezembro de 2015, e agora tenta repetir a façanha na Corrida do Milhão.

A Stock Car volta neste final de semana ao palco que mais vezes recebeu a categoria na história: o autódromo de Interlagos, onde a última prova da categoria foi vencida por Átila Abreu em dezembro do ano passado. A corrida deste ano, no entanto, tem um importante atrativo: será a edição de 2016 da Corrida do Milhão, que marcará a estreia do sorocabano com a Shell Racing na tradicional prova que premia o vencedor com R$ 1 milhão.

"Vencer em Interlagos é bastante especial e no ano passado tive essa sensação na última corrida antes de entrar para o time da Shell Racing. Naquela ocasião, larguei na primeira fila e espero repetir o desempenho nos treinos para termos chances de lutar pelas primeiras posições. Como será realizado um pit stop para cada piloto, acredito que não teremos muito o que pensar em estratégia e sim com relação à nossa performance, que precisa ser boa neste final de semana", diz Átila, que em 2015 coroou sua vitória ainda fazendo a volta mais rápida da corrida.

A Corrida do Milhão deste ano terá 45 minutos de duração mais uma volta e será uma oportunidade para Átila retornar ao topo da tabela, onde o piloto da Shell Racing permaneceu durante toda a primeira metade do campeonato. Atualmente, Átila tem 85 pontos e vai buscar os 30 pontos que são concedidos ao vencedor da prova para voltar ao top-5 na tabela.

Para Rodolpho Mattheis, chefe da equipe, a Shell Racing tem um bom ajuste do carro em Interlagos para disputar a vitória da Corrida do Milhão com seus dois pilotos: o time fez a pole position na última prova disputada em São Paulo.

"No ano passado nós conseguimos largar na pole e só não conseguimos lutar pela vitória até o final por causa de um problema simples na luz de freio. O Átila venceu e isso mostra que nossos dois pilotos também tem ótimo retrospecto na pista, já que o Ricardo (Zonta) venceu a Corrida do Milhão na última vez que esta prova foi realizada em São Paulo", analisa Rodolpho.

Os treinos oficiais para a Corrida do Milhão iniciam na sexta-feira, a partir das 13h55. O segundo treino livre ocorre no sábado pela manhã às 8h25 e o classificatório será ao meio-dia, com transmissão ao vivo do Sportv. A corrida será às 10h da manhã do domingo e terá transmissão da TV Globo.

Programação completa:

Sexta-feira, 9 de setembro
10h35 - 10h45 - Shakedown Stock Car
13h55 - 14h55 - 1o Treino (Grupo 1) Stock Car
15h00 - 16h00 - 1o Treino (Grupo 2) Stock Car

Sábado, 10 de setembro
08h25 - 09h05 - 2o Treino (Grupo 1) Stock Car
09h10 - 09h50 - 2o Treino (Grupo 2) Stock Car
12h00 - 13h00 - Classificação Stock Car

Domingo, 11 de setembro
10h00 - Largada CORRIDA DO MILHÃO

Classificação do campeonato após seis etapas (top-10):

1-) Felipe Fraga, 133 pontos
2-) Marcos Gomes, 112
3-) Max Wilson, 110
4-) Daniel Serra, 101
5-) Cacá Bueno, 100
6-) Valdeno Brito, 100
7-) Rubens Barrichello, 99
8-) Diego Nunes, 90
9-) Ricardo Zonta, 88
10-) Átila Abreu, 85

Campeonato por equipes (top-5):

1- Cimed Racing 245 pontos
2- Red Bull Racing 201
3- Eurofarma RC 191
4- Shell Racing 173
5- Full Time Sports 172

Sobre a Raízen:

A Raízen se destaca como uma das empresas de energia mais competitivas do mundo e uma das maiores em faturamento no Brasil, atuando em todas as etapas do processo: cultivo da cana, produção de açúcar, etanol e energia, comercialização, logística interna e de exportação, distribuição e varejo de combustíveis. A companhia conta com cerca de 30 mil funcionários, que trabalham todos os dias para gerar soluções sustentáveis que contribuam para o desenvolvimento do país, como a produção de bioeletricidade e etanol de segunda geração a partir dos coprodutos da cana-de-açúcar. Com 24 unidades produtoras, a Raízen produz cerca de 2 bilhões de litros de etanol por ano, 4,5 milhões de toneladas de açúcar e tem capacidade para gerar cerca de 940 MW de energia elétrica a partir do bagaço da cana-de-açúcar. A empresa também está presente em 64 aeroportos, possui 63 terminais de distribuição e comercializa aproximadamente 25 bilhões de litros de combustíveis para os segmentos de transporte, indústria e varejo. Conta com uma rede formada por mais de 5.800 postos de serviço com a marca Shell, responsáveis pela comercialização de combustíveis e mais de 950 lojas de conveniência Shell Select. Além disso, a companhia mantém a Fundação Raízen, que busca estar próxima da comunidade, oferecendo qualificação profissional, educação e cidadania. Criada há mais de 14 anos, possui seis núcleos no interior do estado de São Paulo e um em Goiás e já beneficiou mais de 13 mil alunos e mais de 4 milhões de pessoas com ações realizadas desde 2012.

Notícias

Página inicial