Motor On Line
Notícias-

Rally: Ideia Fixa da Bahia ao Sertão 40 graus do Tocantins
Reportagem: Silvana Grezzana Santos
Foto: Tânia M.M.Carvalho
Sig Comunicação
Calor intenso, emoção a flor da pele.

Seguindo estrada afora, no rumo da aventura, firme e fortes, sempre em frente, lá se vai o Dobló Adventure da Fiat e sua carga maravilhosa e as responsáveis pelo Projeto Ideia Fixa, Tânia Mara e Ana Paula. Em Luís Eduardo Magalhães, na Bahia, o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), recebeu a visita do projeto e sua turma para uma manhã diferenciada, que reuniu alunos de diversas escolas da região. Mais uma vez muitas histórias curiosas e engraçadas foram apresentadas em forma de teatro. Risos, gargalhadas e descontração, além é, claro da alegria causada pelos kits recebidos.

Entre os presentes, a Dra. Alexsandra Vieira Bender da Cruz, esposa do Prefeito Humberto Santa Cruz. Alexsandra agradeceu a presença do Ideia Fixa no bairro escolhido, bem como pelas mensagens relevantes que foram apresentadas às crianças.

Em Novo Jardim - TO

Fora do carro, calor de 35 graus sufocante. Algumas crianças brincavam sob a sombra de uma árvore. No quintal, em meio ao lixo - coisa natural - por estas bandas os carinhas suja de terra com pouca roupa, inventam brincadeiras com cachorros e gatos magricelas, seus companheiros.

Como pode? Como eles aguentam o calor? "Descemos do carro e oferecemos presentes. Mães olhando de longe, começam a chamar as crianças. E imaginam que o contato seja perigoso. Conversamos, presenteamos, alegramos e seguimos pela estrada, com um que, de indignação!", completou, Tânia Mara.

E estas Almas senhor?

Dizem que alma é a "criatura que respira", segundo a bíblia "um ser vivente". Assim, a alma é a criatura inteira, não algo dentro do corpo que sobrevive à morte. Pergunto: como sobrevivem estes seres, habitantes destas regiões, cheias de agruras, dores, sequidão e adversidades? Falta água, falta o pão, falta dignidade. Sobram doenças, sobra indiferença, sobra a falta de respeito. E elas, são apenas pequenas almas, que, com muito pouco se alegram, se contentam e sobrevivem!

Notícias

Página inicial