Motor On Line
Notícias-

Kart: trio mineiro conquista 1ªs vagas para a final da Seletiva Petrobras
Reportagem: Fernanda Gonçalves / Beatriz de Paula
Foto: Flávio Quick
FGCom
Correndo em casa, Gabriel Paturle, Matheus Tonussi e Gustavo Zwetkoff são os selecionados na Taça Minas Gerais.

Uma caravana mineira "invade" a final da Seletiva de Kart Petrobras 2016. Gabriel Paturle, Matheus Tonussi e Gustavo Zwetkoff foram os selecionados na primeira etapa classificatória, disputada neste sábado (dia 10), no kartódromo RBC Racing, em Vespasiano (MG), dentro da 1ª edição da Taça Minas Gerais.

Com histórias de determinação, os três competiram com o objetivo de serem finalistas da 18ª edição da Seletiva e conseguiram. Paturle, que já havia sido o mais rápido nos treinos livres de sexta-feira (9), venceu a bateria inicial e garantiu a primeira vaga. Matheus ficou com a vaga por ter sido o segundo melhor colocado, dentro dos critérios de idade para a Seletiva (15 a 18 anos), na segunda bateria (quinto no geral e segundo na categoria). E Gustavo classificou-se por ter sido o piloto a somar mais pontos nas duas provas, depois dos dois classificados (conquistou dois terceiros lugares na categoria).

"Larguei em quarto no geral, na primeira prova, logo subi para terceiro, vim pra segundo e, depois de quatro voltas, já estava na liderança. Ai foi só administrar. Foi até uma corrida tranquila", comentou Paturle, de 16 anos. "Estou muito feliz com esta oportunidade e por ser finalista da Seletiva de Kart Petrobras. Já havia tentado no ano passado e agora finalmente consegui", completou o piloto, que subiu nesta temporada para a categoria Graduados e conquistou a pole position no Brasileiro de Kart, em julho, em Paladino (PB).

Já Matheus, de 15 anos, corria de kart indoor e só começou a competir na temporada passada. Atualmente, o piloto está na categoria Novatos, mas pelo critério de idade pode concorrer à vaga da Seletiva. "Estou contente demais. Na primeira prova, larguei bem e o kart estava melhor. Na segunda, tivemos alguns probleminhas, mas mesmo assim deu para garantir a vaga. Vim correr a Taça Minas com este objetivo e agora é treinar bastante e me preparar para a final", comemorou.

Gustavo, que estava viajando com a família pelo Nordeste, desembarcou em Minas Gerais e foi direto para a tomada de tempos. "Quando soube que a Taça Minas valeira pela Seletiva de Kart Petrobras, voltei na hora. E estou muito feliz com esta oportunidade. Fui direto para a classificação, não deu tempo de acertar muito o kart, mas esta é uma pista que conheço bastante e o objetivo foi conquistado. Vai ser muito legal estar na final, com grandes pilotos do Brasil todo", finalizou o piloto de 16 anos.

Binho Carcasci, organizador da Seletiva nestas 18 edições, também avaliou de forma positiva a primeira etapa classificatória de 2016. "Começamos bem mais uma temporada, em um kartódromo que já recebeu a Seletiva em outras oportunidades e que conta com toda a infraestrutura para uma competição de alto nível e grandes disputas. Três das 12 vagas já estão definidas e agora só aumenta a expectativa para as próximas disputas. Estou feliz por ver um grupo de mineiros classificados para a final em novembro", concluiu.

Dentro de 15 dias, mais três finalistas serão conhecidos na etapa classificatória de Interlagos, em São Paulo, no dia 24, com a realização da Copa Petrobras Sorriso Campeão.

Na sequência, a Seletiva segue para duas cidades estreantes: Cascavel, no Paraná, palco da Copa do Brasil de Kart no dia 15 de outubro, e Teresina, no Piauí, que receberá a etapa final no dia 29 de outubro dentro da Copa Norte de Kart. A decisão da Seletiva, com 12 finalistas, está programada para o início de novembro, com local ainda a ser definido.

Os resultados da 1ª etapa classificatória na Taça Minas Gerais:

1ª Bateria
1. Gabriel Paturle 17 voltas em 10min49s02
2. Ednilson Lascasas a 2s450
3. Fernando Buzollo a 3s040
4. Luis Nicolau a 3s575
5. Flavio Costa a 4s542
6. Matheus Tonussi 5s086
7. Pablo Namorato a 12s798
8. Paulo Neto a 13s146
9. Luiz Henrique Pinheiro a 14s493
10. Leonardo Lanza a 15s271
11. João Vitor Matos a 15s812
12. Gustavo Zwetkoff a 20s813
13. Henrique Goulart a 25s028
14. Pedro Souza a 27s054

2ª Bateria
1. Luis Nicolau 18 voltas em 13min08s32
2. Fernando Buzollo a 0s972
3. Gabriel Paturle a 1s646
4. Ednilson Lascasas a 5s449
5. Matheus Tonussi a 6s616
6. Gustavo Zwetkoff a 7s073
7. Flavio Costa a 7s991
8. João Vitor Matos a 8s107
9. Henrique Goulart a 9s411
10. Mauro Newenschwander a 13s773
11. Leonardo Lanza a 16s226
12. Pedro Souza a 17s908
13. Paulo Neto a 48s201
14. Pablo Namorato a 5 voltas

Os pilotos já classificados:

Gabriel Paturle (MG)
Matheus Tonussi (MG)
Gustavo Zwetkoff (MG)

Confira o calendário da 18ª edição da Seletiva de Kart Petrobras: *

Fase Classificatória
10 de setembro - 1ª etapa (Taça Minas Gerais de Kart) - Vespasiano (MG)
24 de setembro - 2ª etapa - Copa Petrobras Sorriso Campeão (Copa São Paulo Light de Kart) - Interlagos (SP)
15 de outubro - 3ª etapa (Copa Brasil de Kart) - Cascavel (PR)
29 de outubro - 4ª etapa (Copa Norte de Kart) - Teresina (PI)

Final
Novembro - data e local a serem confirmados

* Sujeito a alterações

Seletiva de Kart Petrobras

Criada em 1999, com o patrocínio da Petrobras, a Seletiva tem, em média, aproximadamente 110 pilotos tentando a vaga na final. Em 17 anos, mais de 200 já estiveram na briga pelo título.

Considerada uma referência entre os kartistas do Brasil, a Seletiva de Kart Petrobras é reconhecida (desde 2001) como evento oficial da Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA) e da Comissão Nacional de Kart (CNK).

Além da maior premiação em dinheiro do kartismo nacional, a Seletiva de Kart Petrobras contempla três competidores com a participação em um programa de orientação de pilotos, que inclui um teste com simulador de F-1 na Europa, um teste com uma equipe do automobilismo de base europeu, com a orientação de um coaching, acompanhamento físico e psicológico, experiência com carros de turismo no Brasil, palestra sobre marketing e media training. A premiação total - somando todas as ações - chega a aproximadamente 300 mil reais. O campeão recebe 70 mil reais em dinheiro e o vice-campeão 6 mil.

Os finalistas disputam o título com chassis fornecidos pela fabricante Bravar.

Notícias

Página inicial