Motor On Line
Notícias-

Kart: Light teve belas brigas na sétima rodada da temporada
Reportagem: Flávio Quick / Fabíola Cadar
Foto: Flávio Quick
Quick Comunicação
Corridas em Interlagos foram válidas também pelo Campeonato Paulista e Seletiva Petrobras.

Em um dia de tempo fechado e temperaturas baixas, características marcantes da capital paulista, o Kartódromo Ayrton Senna, em Interlagos, recebeu as disputas da sétima rodada da Copa São Paulo Light de Kart 2016. Em um dia especial as corridas também foram válidas pela terceira e última rodada do Campeonato Paulista de Kart e como segunda prova classificatória da Seletiva de Kart Petrobras.

Pela primeira vez em sua história a programação do Light recebeu também nesta etapa a categoria Executive. Normalmente com suas competições realizadas em outro Campeonato, esta classe engrandeceu ainda mais as disputas do Light e recebeu, já em sua primeira apresentação, oito competidores. Com um cronograma diferenciado a pole-position ficou com Fábio Figueiredo e, na corrida, realizada em apenas uma etapa, o piloto que costumeiramente também disputa as provas da classe Super Sênior, do Light, abriu mais de oito segundos de vantagem e venceu. Na segunda posição chegou Cylmar Fortes e, em terceiro, Welson Jacometti.

A categoria Cadete trouxe à pista o maior grid do dia. Nada menos que 23 competidores compuseram o grid marcado pela grande competitividade entre todos. Apenas os dois primeiros do grid conseguiram baixar a marca de um minuto no tempo de volta e, com uma diferença de apenas 28 milésimos o catarinense Gabriel Gomez fez a pole-position. Em duas corridas extremamente disputas Gomez venceu a primeira com Fabrício Fardim em segundo e Vinícius Tessaro, em terceiro. Já na segunda corrida foi a vez de Tessaro vencer com Gomez em segundo e Lucas Staico, em terceiro. Pela soma dos resultados Gomez subiu ao mais alto do pódio com Tessaro em segundo e Fabrício Fardim, em terceiro.

Pela categoria Júnior Menor, que também teve um representativo grid, com 17 pilotos, a pole-position ficou com Gabriel Crepaldi. Porém, nas corrida, o dia foi completamente dominado por Gabriel Bortoletto que venceu as duas corridas. No pódio com o resultado da soma da etapa ficou em segundo Matheus Morgatto e, em terceiro, Nicholas Fabris.

Seguindo a programação do dia a classe Júnior tomou o traçado para suas atividades. Na primeira posição do grid apareceu o piloto Pedro Lopes, porém, que ficou com uma distância de apenas 40 milésimos para o terceiro colocado. Nas corridas, porém, com duas vitórias incontestáveis, a primeira posição do dia ficou com Victor Schoma. O campeão brasileiro Vinícius Ponce ficou com o segundo lugar e Felipe Baptista o terceiro.

Encerrando as corridas da manhã a classe Sprinter levou para a pista os seus 11 pilotos e a pole-position ficou com o carioca João Renato ao estabelecer o tempo de 51s861. Com a vitória na primeira corrida e a terceira posição, na segunda, Vitor Reggi subiu ao degrau mais alto do pódio. Ele foi seguido por Enzo Prando, em segundo e Pietro Guglielmi, em terceiro.

Passadas as cerimônias de premiação das classes da manhã os pilotos da categoria Graduado tomaram à pista para a tomada de tempos e, em seguida, as corridas. A expectativa estava muito grande, principalmente, em virtude das três vagas que seriam oferecidas para a Seletiva de Kart Petrobras. Com o tempo de 49s114 o gaúcho Pedro Goulart garantiu a pole-position com quase três décimos de vantagem para os demais. Na primeira corrida, com muita determinação, o piloto conseguiu abrir pouco a pouco uma considerável vantagem que lhe permitiu chegar ao fim das 18 voltas com quase 1,5 segundos de vantagem. Na segunda corrida, após a inversão dos cinco primeiros para o grid, Marcel Coletta foi o grande vencedor após se impor com um ritmo impressionante e acumular mais de dois segundos de vantagem para o segundo colocado. No pódio da rodada Coletta ficou com a primeira posição, Goulart o segundo posto e Arthur Leist o terceiro lugar. Os três confirmaram suas vagas para a final da Seletiva Petrobras.

Como tradicionalmente acontece as categorias Sênior "A" e "B" competiram no mesmo grid desta rodada. A pole-position geral ficou com Daniel Croce ao registar a marca de 52s326. Nas corridas, porém, pela categoria "A" brilhou a estrela de Danilo Ramalho que, com duas vitórias incontestes garantiu a posição no lugar mais alto do pódio seguido por Croce e Patrick Sango. Pela divisão "B" o nome do dia foi o de Marcelo Vaz que também venceu as duas corridas. Na segunda posição ficou Daniel Sanches e, em terceiro, Lucas Salles.

Com um rendimento impressionante o piloto Ricardo Thomazzi garantiu a pole-position da Super Sênior com o tempo de 52s441. Na primeira corrida, muito pressionado, ele conseguiu se assegurar na ponta e depois de uma boa briga recebeu a bandeirada na primeira posição seguido por Christiano Matheis e Jorge Borelli. Na segunda prova, com o grid invertido, foi a vez de Antônio Canedo vencer seguido por Borelli e Sérgio Verdi. Na soma dos resultados o ganhador do dia foi Jorge Borelli com Canedo em segundo e Verdi, em terceiro.

Fechando a programação de corridas a classe F4 reuniu 11 competidores e apresentou o piloto Luciano Tauê na pole-position após ter registrado o tempo de 56s213 na classificação. Tauê, com quase três segundos de vantagem, venceu a primeira corrida. Na segunda, porém, ele foi obrigado a abandonar e, com isso, André Salmoria levou a melhor vencendo a prova e o geral da rodada. Paulo Farias, com dois segundos lugares, ficou com o segundo lugar da rodada e Roberto Castro ficou com a terceira posição.

O Light retoma o seu calendário para a oitava rodada do ano no dia 22 de outubro, no Kartódromo Aldeia da Serra, em Barueri, região metropolitana.

Notícias

Página inicial