Motor On Line
Notícias-

F-4 Sul-americana: três pilotos mantêm chances matemáticas de título
Reportagem: Ricardo Montesano
Foto: Divulgação
Mediaone
Os uruguaios Facundo Garese e Juan Manuel Casella, além da brasileira Bruna Tomaselli, disputam o terceiro título da história da categoria.

A etapa de Rivera, realizada no início do mês de outubro, definiu os três pilotos que ainda têm chances matemáticas de conquistar o título da F4 Sul-americana. Os uruguaios Facundo Garese e Juan Manuel Casella, além da brasileira Bruna Tomaselli, são os pilotos que permanecem na briga pelo troféu de campeão. As etapas de Mercedes, dias 5 e 6 de novembro, e de El Pinar, dias 3 e 4 de dezembro, marcam o fim da temporada 2016.

Na classificação do campeonato, Garese tem 286 pontos contra 260 de Casella, o maior vencedor do ano com nove vitórias. Tomaselli aparece mais atrás, com 143 pontos, mas ainda mantém as chances por conta da pontuação dobrada na etapa final, que distribuirá 50 pontos por cada vitória em vez dos tradicionais 25. Desta forma, 156 pontos estão em jogo, considerando as unidades válidas pela pole e pelas voltas mais rápidas.

"Considero o campeonato totalmente aberto, tendo em vista que apenas 26 pontos me separam do Juan (Casella). Ele é um piloto extremamente competitivo e preciso manter o foco para continuar disputando as primeiras posições. Espero estar sempre à frente dele nas próximas corridas. O objetivo é buscar sempre a vitória", explica Garese, detentor de cinco triunfos no ano.

Para Casella, a pontuação dobrada na etapa final deixará tudo indefinido até a última corrida, em dezembro. O piloto é o atual vice-campeão da F4 Sul-americana e não quer deixar o título escapar. "Preciso somar mais pontos do que ele na próxima etapa, em Mercedes, um circuito que gosto bastante e sou muito rápido. Quero chegar para a última etapa do ano em uma posição que dependa apenas de meus resultados para ser campeão", diz o uruguaio.

A catarinense Bruna Tomaselli tem como melhor resultado um segundo lugar conquistado na última etapa, em Rivera. A piloto precisa vencer todas as corridas e contar com tropeços de seus adversários para garantir o terceiro título consecutivo ao Brasil. "Sei que as minhas chances são pequenas, mas não vou desistir. Se não der, vou brigar pelo terceiro lugar, que é um ótimo resultado por se tratar de um campeonato sul-americano", afirma Tomaselli.

Além do título da temporada, os pilotos disputam também a Copa Piaggio, minitorneio que entregará uma moto Piaggio ZIP 50 ao competidor que somar mais pontos nas três últimas etapas do ano. Quem comanda a classificação é o uruguaio Nicolas Collazo com 42 pontos. Garese é o segundo colocado e possui 28, à frente de Tomaselli e Casella, que têm 26 e 25 pontos, respectivamente. Facundo Ferra completa os cinco primeiros com 22.

Classificação do campeonato após oito etapas:

1) Facundo Garese (URU) - 286 pontos
2) Juan Manuel Casella (URU) - 260 pontos
3) Bruna Tomaselli (BRA) - 143 pontos
4) Facundo Ferra (URU) - 98 pontos
5) Pablo Falchi (URU) - 89 pontos
6) Sami Mendaña (ARG) - 80 pontos
7) Baltazar Leguizamón (ARG) - 72 pontos
8) Agustín Cejas (URU) - 68 pontos
9) Nicolás Martínez (URU) - 58 pontos
10) Nicolas Collazo (URU) - 42 pontos
11) Hernán Bueno (ARG) - 41 pontos
12) Diego Guggiari (URU) - 38 pontos
13) Andrés De Araujo (URU) - 37 pontos
14) Leandro Guedes (BRA) - 34 pontos
15) Federico Moreira (URU) - 31 pontos
16) Lorenzo Mauriziano (CHI) - 27 pontos
17) Victor Fernando Mora (CRC) - 26 pontos
18) Marcello Bresciani (URU) - 25 pontos
19) Andrés Jakos (ARG) - 24 pontos
20) Juan Vieira (BRA) - 24 pontos
21) Santiago Aguiar (URU) - 23 pontos
22) Gianfranco Collino (ARG) - 18 pontos
23) Richard Vargas (CRC) - 16 pontos
24) Mateo Maffioly (ARG) - 16 pontos
25) Leonardo Esmerode (URU) - 15 pontos
26) Nicolás Dezzuto (ARG) - 14 pontos
27) Sebastian Cabarcos (URU) - 4 pontos

Classificação da Copa Piaggio:

1) Nicolas Collazo (URU) - 42 pontos
2) Facundo Garese (URU) - 28 pontos
3) Bruna Tomaselli (BRA) - 26 pontos
4) Juan Manuel Casella (URU) - 25 pontos
5) Facundo Ferra (URU) - 22 pontos
6) Agustín Cejas (URU) - 22 pontos
7) Nicolas Martinez (URU) - 16 pontos
8) Pablo Falchi (URU) - 12 pontos
9) Leandro Guedes (BRA) - 7 pontos
10) Sebastian Cabarcos (URU) - 4 pontos

Notícias

Página inicial