Motor On Line
Notícias-

Motocross: Team Rinaldi é campeão brasileiro e vice latino-americano
Reportagem: Mundo Press
Foto: Maurício Arruda
Roman Jelen conquista título nacional da MX3 por antecipação em GO; No México, Maiara Basso faz bonito e vai ao pódio da competição latino-americana.

O fim de semana foi motivo de muita comemoração para o Team Rinaldi no motocross. A gaúcha Maiara Basso estreou em grande estilo e foi vice-campeã do Latino-Americano Feminino, realizado neste domingo (6) em Tangancícuaro, México. No Campeonato Brasileiro da modalidade, o esloveno Roman Jelen confirmou o título da classe MX3 com uma rodada de antecipação, neste sábado (5), em Trindade (GO). Os competidores utilizaram pneus Rinaldi SR 39, RMX 35 e HE 40.

O Latino-Americano Feminino teve como palco a pista “La Quebradora”. Atual campeã brasileira entre as mulheres, Maiara precisou de rápida adaptação para chegar ao pódio. “A pista era bem diferente, tinha chão duro e colocaram pó de brita em toda extensão. Foi como andar na areia. Eu não me soltei nos primeiros treinos, foi difícil me encontrar na moto e chegar ao acerto ideal da suspensão, mas no final o resultado foi ótimo”, relatou.

A brasileira disputou duas baterias de 15 minutos. “Larguei mal as duas vezes. A largada foi no concreto e nunca tinha vivido algo parecido, o que dificultou bastante. Comecei em 12º na primeira bateria e consegui buscar o terceiro lugar. Na segunda corrida, larguei em décimo e venci. Faltaram alguns detalhes para levar o título, mas foi uma experiência incrível. Estou muito feliz por correr no Latino, sem dúvidas foi um ótimo aprendizado”, finalizou.

As disputas envolveram 22 competidoras, representantes de Honduras, Panamá, Costa Rica, Argentina, Uruguai, Guatemala, Peru, Colômbia, Chile, Venezuela e Equador, além das anfitriãs mexicanas.

Brasileiro de Motocross

Em solo goiano, a quinta e penúltima etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross foi motivo de mais orgulho para o Team Rinaldi. O esloveno Roman Jelen venceu a bateria da MX3 e confirmou o título inédito. “É uma grande satisfação estar no Brasil e continuar respirando o motocross, me divertindo na pista. Foi um ótimo campeonato e, depois de vários títulos na Europa, essa taça é especial por representar a minha primeira conquista no Brasil”, afirmou o veterano.

O piloto representa a equipe Honda Ipiranga IMS Rinaldi, que ainda foi ao pódio com o paulista Caio Lopes, quinto colocado na soma das baterias da MX2. A equipe contou com a presença do holandês Nick Kouwenberg na classe MX1, porém o campeão europeu de 2015 não teve sorte. “Ele teve problemas nas duas corridas e não terminou. Claro que a ideia era ter brigado pela vitória da etapa, mas a presença do Kouwenberg foi importante pelo contato com a equipe e os pilotos”, observou Wellington Valadares, chefe da Honda Ipiranga IMS Rinaldi.

O Team Rinaldi fechou a participação na etapa goiana com mais um pódio, do jovem gaúcho Gabriel Andrigo, quarto colocado da classe Júnior. A Rinaldi é patrocinadora oficial do Brasileiro de Motocross, cuja etapa final está marcada para os dias 3 e 4 de dezembro em Cornélio Procópio, Paraná.

Sobre a Rinaldi

A Rinaldi iniciou as atividades em 1969 com 60 colaboradores e 15 mil m² de área fabril para produção de materiais de recauchutagem em Bento Gonçalves (RS). A empresa ampliou a produção com as câmaras de ar para as linhas automotiva, transporte e industrial na década de 80, além de introduzir a fabricação de pneus e câmaras de ar para as linhas de motocicletas, agrícola, industrial (não motorizada) e charretes.

A busca pela excelência refletiu em credibilidade no mercado e fortes parcerias. Muito mais que em espaço físico, com área fabril de 35 mil m², a Rinaldi cresceu na geração de empregos diretos, atualmente com 700 colaboradores, e conquistou reconhecimento no mercado.

A fábrica conta com a Certificação da Gestão de Qualidade ISO 9001:2008 e com o aval do INMETRO nos seus produtos da linha de motocicletas. Na área ambiental, a empresa possui o Certificado de Destruição Térmica, por destinar 100% dos seus resíduos sólidos a uma cimenteira para geração de energia. Para conhecer os produtos da Rinaldi, acesse o site oficial.

Notícias

Página inicial