Motor On Line
Notícias-

Kart: Papareli equaliza motores para a grande final da Seletiva Petrobras
Reportagem: Fernanda Gonçalves / Beatriz de Paula
Foto: Divulgação
FGCom
Piloto paulista testa os propulsores Biland que serão utilizados pelos finalistas da 18ª edição da Seletiva de Kart Petrobras no final deste mês.

A cada dia aumenta a expectativa dos 12 finalistas da 18ª edição da Seletiva de Kart Petrobras. Nesta segunda-feira (dia 14), nem a garoa atrapalhou os preparativos para a decisão e o atual campeão Vinícius Papareli realizou os testes com os motores Biland no kartódromo da Granja Viana, em Cotia (SP), que será o palco da grande final nos dias 29 e 30.

O objetivo do teste é garantir a maior igualdade possível na disputa. Como, pelo regulamento não pode mais concorrer ao prêmio, Papareli aceitou o convite dos organizadores e cumpriu a missão de equalizar os motores que serão usados na decisão.

"Fiquei muito honrado com o convite e, claro que deu vontade de disputar a Seletiva de novo. Deu tudo certo nos testes e me diverti bastante também. Os motores estão bem equilibrados, o que é muito importante para a final, garantindo que a disputa seja igual para todos", comentou Papareli.

Binho Carcasci, idealizador e organizador da Seletiva de Kart Petrobras desde 1999, também ressaltou a relevância deste teste. "Pra nós, hoje começou a final da Seletiva. Este teste dos motores feito na Granja é muito importante pra garantir o equilíbrio na disputa e deu tudo certo. Conseguimos testar e equiparar todos os propulsores, já usando um chassis Bravar, o mesmo utilizado na final", revelou.

"Tenho certeza de que, mais uma vez, vamos dispor de equipamentos iguais para os pilotos, e os resultados virão realmente do talento individual e do conhecimento técnico de cada um", completou Carcasci.

Os pilotos que estarão na briga pelo título da Seletiva 2016 são: os mineiros Gabriel Paturle, Matheus Tonussi e Gustavo Zwetkoff, os gaúchos Pedro Goulart, Arthur Leist e Bruno Bertoncello, os paulistas Marcel Coletta, Victor Schoma, Luiz Filipe Matheus e Gabriel Sereia, o brasiliense Lucas Okada e o paranaense João Victor Zanetti.

Com idade entre 15 e 18 anos, eles foram selecionados ao longo da temporada dentro os principais campeonatos regionais e nacionais do Brasil. Os finalistas concorrerão a maior premiação da modalidade no país. Além do prêmio de 70 mil reais para o campeão e 6 mil para o vice-campeão, três vencedores participarão de um programa de orientação que inclui um teste com simulador de F-1 na Europa, um teste com uma equipe do automobilismo de base europeu, com a orientação de um coaching, acompanhamento físico e psicológico, palestra sobre marketing e media training.

Criada em 1999, a Seletiva de Kart Petrobras é um dos principais eventos de apoio ao kartismo nacional, com um dos patrocínios mais duradouros da história do esporte a motor no país.

Os pilotos classificados:

Gabriel Paturle (MG), 16 anos
Matheus Tonussi (MG), 15 anos
Gustavo Zwetkoff (MG), 16 anos
Pedro Goulart (RS), 16 anos
Marcel Coletta (SP), 15 anos
Arthur Leist (RS), 15 anos
Gabriel Sereia (SP), 17 anos *
Bruno Bertoncello (RS), 18 anos *
Lucas Okada (DF), 16 anos
Victor Schoma (SP), 15 anos
João Victor Zanetti (PR), 16 anos
Luiz Filipe Matheus (SP), 17 anos *

* Já foram finalistas da Seletiva em outras edições. Os demais são estreantes

Seletiva de Kart Petrobras

Criada em 1999, com o patrocínio da Petrobras, a Seletiva tem, em média, aproximadamente 110 pilotos tentando a vaga na final. Em 17 anos, mais de 200 já estiveram na briga pelo título.

Considerada uma referência entre os kartistas do Brasil, a Seletiva de Kart Petrobras é reconhecida (desde 2001) como evento oficial da Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA) e da Comissão Nacional de Kart (CNK).

Além da maior premiação em dinheiro do kartismo nacional, a Seletiva de Kart Petrobras contempla três competidores com a participação em um programa de orientação de pilotos, que inclui um teste com simulador de F-1 na Europa, um teste com uma equipe do automobilismo de base europeu, com a orientação de um coaching, acompanhamento físico e psicológico, palestra sobre marketing e media training. A premiação total - somando todas as ações - chega a aproximadamente 300 mil reais. O campeão recebe 70 mil reais em dinheiro e o vice-campeão 6 mil.

Os finalistas disputam o título com chassis fornecidos pela fabricante Bravar.

Notícias

Página inicial