Motor On Line
Notícias-

No CBTurismo calor infernal / freio esquentou / pedal afundou... Não deu
Reportagem: Bruno Vicaria
Foto: Fábio Davini
Problema com sistema acaba com corrida de Pietro Rimbano, que disputava a liderança da prova do Brasileiro de Turismo em Curvelo, a poucas voltas do fim.

Não tem muito o que falar da rodada dupla de Curvelo para Pietro Rimbano. Foram duas corridas para esquecer pelo Campeonato Brasileiro de Turismo, que disputou no Circuito dos Cristais sua penúltima etapa em 2016.

Depois de largar em quinto e ser sétimo na primeira prova com problemas de equilíbrio, o piloto estreante acertou os problemas do carro #17 da Cimed Racing e fez uma corrida impecável até acabar o freio de seu carro.

E acabou da pior forma possível: na disputa pela ponta e envolvendo outros carros. Ao tentar a manobra sobre Edson Coelho na sequência das curvas 1 e 2, Pietro freou mais tarde e se passageiro no carro, que não parou e acertou Dennis Dirani, que liderava. Coelho herdou a ponta e venceu, disparando na tabela e complicando um pouco as chances de título de Pietro, agora 37 pontos atrás com 40 ainda em jogo.

"Foi uma pena o que aconteceu, o pedal afundou e não consegui frear. Aí rolou o acidente. Fiquei triste com isso, pois estávamos com um foguete e com chances claras de brigar pela vitória. Ainda deu para salvar 18 pontos no fim de semana e não vamos desistir até a bandeirada final em Interlagos", completa o paulista.

A grande final, uma corrida de pontos dobrados, acontece no dia 11 de dezembro em Interlagos (SP).

Pietro Rimbano tem o apoio de Grupo Cimed, Voxx Suplementos, Lavitan Vitaminas e Olympikus.

Notícias

Página inicial