Motor On Line
Notícias-

Kart: está cancelada a Copa das Federações
Reportagem: Flávio Quick / Fabiola Cadar
Quick Comunicação
Competição remanescente do calendário 2016 não reuniu um número mínimo de pilotos.

Nesta quinta-feira, dia 09 de março, a Confederação Brasileira de Automobilismo - CBA, através da Comissão Nacional de Kart - CNK, cancelou a realização da VI Copa de Kart das Federações.

A competição, que fazia parte do calendário do kartismo nacional de 2016, já havia sido adiada no início de dezembro do ano passado, sob a alegação de baixo número de inscritos e coincidência de datas com outras competições, pelo então presidente da CNK, Rubens Gatti.

Cumprindo seu papel de promover as competições em âmbito nacional e, também, honrar os compromissos assumidos com promotores locais e a Federação de Automobilismo do Distrito Federal a CBA remarcou a realização da prova para o Kartódromo Ayrton Senna, no distrito do Guará - DF, entre os dias 15 e 18 de março.

Diante do quadro de um Campeonato que pertencia ao calendário do ano anterior a entidade trabalhou muito para viabilizar a competição. A CBA refez todo o cronograma do evento, reduziu os custos de inscrição, reduziu o número de dias de atividades e, até mesmo, ofereceu transporte gratuito partindo de Minas Gerais e São Paulo.

Infelizmente nenhuma dessas ações foi suficiente para reunir um número mínimo de competidores que pudesse viabilizar a realização do Campeonato tanto do ponto de vista desportivo, como, financeiro.

Assim, de forma a não gerar um prejuízo para as poucas equipes e pilotos que demonstraram interesse em participar da competição, a CBA cancelou nesta manhã a realização da VI Copa de Kart das Federações.

Os pilotos que já haviam feito inscrições em suas federações locais poderão, de imediato, entrar em contato e buscar o ressarcimento dos valores já depositados. No caso dos competidores que se inscreveram através do site da CBA a entidade orienta a enviar um e-mail para secretario@cba.org.br e solicitar o reembolso do valor da inscrição, já informando uma conta bancária para o respectivo depósito.

"Estamos há exatamente uma semana do início das atividades previstas para a Copa das Federações e não haviam confirmadas nem mesmo 20 inscrições. Nos vimos em uma situação extremamente delicada sob pena de algum competidor chegar à Brasília e ter de retornar à sua cidade por falta de pilotos no grid. Fizemos tudo o que podíamos incentivar a participação, mas, infelizmente, não nos restou outra alternativa senão a de cancelar a prova. Seria irresponsabilidade de nossa parte tanto do ponto desportivo como financeiro realizar esta competição com um número tão baixo de pilotos confirmados", comentou Cleyton Pinteiro, presidente da CBA.

Notícias

Página inicial