Motor On Line
Notícias-

Giulio Borlenghi chega em 6º após prova de superação no CBTurismo
Reportagem: Rodrigo França
Foto: Fabio Oliveira
RF1
Giulio Borlenghi largou na pole para a corrida 2 do CBTurismo em Goiânia, mas um problema de câmbio ainda no warmup tirou suas chances de lutar pelo pódio.

Pole position da corrida 2 do Brasileiro de Turismo em Goiânia, Giulio Borlenghi tinha tudo para conseguir um lugar no pódio neste domingo no Autódromo Ayrton Senna, mas a perda da segunda marcha ainda nas voltas de aquecimento tiraram a chance do piloto de 20 anos lutar pelas primeiras posições. Mesmo assim, Borlenghi fez uma corrida de superação e conseguiu terminar na sexta posição após ter caído para décimo antes do pit-stop.

"A expectativa de largar na pole e fazer uma boa corrida era grande. Nós tínhamos um carro para lutar pelo pódio e chances reais de lutar pela vitória, mas o problema no câmbio durante o warmup acabou nos complicando. Somente uma das oito curvas aqui em Goiânia nós não fazemos de segunda marcha. Com isso, a estratégia na sequência foi sempre priorizar as saídas de curva e não entrar em disputas por posições para não perder tempo. Eu fiz a minha corrida e aproveitei alguns problemas dos adversários para fazer essa boa recuperação", diz Borlenghi.

Na temporada passada, Borlenghi disputou as últimas três etapas do campeonato e se destacou com um quarto lugar em Curvelo (MG). Para a temporada 2017, ele entrou para o time da Full Time, que faz a sua estreia no Brasileiro de Turismo. Antes desse final de semana, o competidor de Santos nunca havia pilotado no circuito de Goiânia e somente havia feito testes no simulador.

Chefe de equipe da Full Time na categoria, Miguel Ferreira elogiou o trabalho de Borlenghi, principalmente pelo fato do piloto ter mostrado inteligência ao conduzir sua corrida com o problema no câmbio.

"Nós sabemos que 50 ou 60% do circuito é feito em segunda marcha, então realmente foi uma prova de superação do Giulio. Esse resultado para ele foi excelente, principalmente pelas adversidades que ele precisou lidar durante a corrida. Ele nos avisou que estava sem a segunda marcha ainda nas voltas de box aberto e o pior momento para isso acontecer é justamente na largada, já que eles largam em segunda marcha. Para uma equipe estreante como a nossa, os resultados de ontem e hoje foram maravilhosos", diz Miguel.

A próxima etapa do Brasileiro de Turismo acontece no Velopark (RS) nos dias 22 e 23 de abril. A rodada dupla marcará a estreia de Borlenghi também neste circuito.

Resultado:

1) 17 Pietro Rimbano - 1:32.369 -
2) 120 Vitor Baptista - 1:32.170 0.798
3) 11 Gaetano di Mauro - 1:32.294 2.794
4) 72 Fabio Fogaça - 1:32.406 11.560
5) 77 Raphael Reis - 1:32.788 14.680
6) 7 Giulio Borlenghi - 1:32.853 32.979
7) 19 Mateus Muniz - 1:33.091 42.869
8) 8 Dudu Taurisano - 1:32.757 1:27.569
9) 117 Gustavo Myasava - 1:32.556 1 Lp.
10) 86 Gustavo Frigotto - 1:32.489 1 Lp.
11) 46 Tuca Antoniazzi - 1:35.299 1 Lp.
12) 35 Gabriel Robe - 1:32.172 6 Lp.
13) 23 Marco Cozzi - 1:32.480 8 Lp.
14) 177 Luca Milani - 1:32.568 12 Lp.
15) 99 Edson Coelho - 1:32.849 14 Lp.

Notícias

Página inicial