Motor On Line
Notícias-

Acidente prejudica Fittipaldi e Barbosa mas dupla mantém vice liderança
Reportagem: Fernanda Gonçalves
Foto: José Mário Dias
FGCom
Brasileiro Christian Fittipaldi leva toque ainda na primeira parte da prova, bate e acidente danifica bastante o #5 Mustang Sampling Cadillac DPi-V.R em Long Beach.

Não foi o final de semana esperado para a equipe Action Express Racing no exigente traçado de rua de Long Beach, na Califórnia (EUA), palco da terceira etapa do IMSA WeatherTech Sportscar Championship, realizada neste sábado (dia 8).

Christian Fittipaldi, que largou em segundo com o #5 Mustang Sampling Cadillac DPi-V.R, levou um toque ainda na primeira parte da prova de 1h40 de duração, rodou, bateu e danificou bastante a traseira do carro. O brasileiro ainda conseguiu chegar aos boxes, o time trabalhou forte e João Barbosa voltou pra pista para terminar na sétima colocação entre os Protótipos.

No outro carro da Action Express Racing, Dane Cameron escapou com o #31 Whelen Cadillac DPi-V.R e bateu forte. Felizmente, o piloto não sofreu nada grave. Cameron e o companheiro Eric Curran terminaram em oitavo na categoria.

A vitória ficou com os irmãos Jordan e Ricky Taylor, que estão na liderança da temporada 2017, com 105 pontos. Apesar dos problemas, Fittipaldi e Barbosa mantiveram a vice-liderança, com 89 pontos.

"Não foi um dia muito bom para nós. Levei uma batida de um carro de GT, que acabou com as nossas chances de lutar por um melhor resultado", contou Fittipaldi. "Fiz a ultrapassagem no meio da reta, voltei pra linha normal e, na freada pra próxima curva, não sei se ele freou mais tarde, e acabou batendo atrás de mim. Eu rodei, bati e estragou bastante o carro", continuou Fittipaldi, que é bicampeão da categoria (2014 - 15) e atual vice-campeão.

"Tive de entrar no box após a batida, para uma parada de ‘emergência’, mas naquele momento ele estava fechado e ainda acabamos levando um ‘time penalty’ de 60 segundos. Mas, mesmo sem isso, a corrida já estava comprometida. Agora é arrumar tudo e trabalhar para a próxima etapa em Austin. Sem dúvida, foi um dia muito difícil para a equipe, há muito tempo não tínhamos um final de semana tão ruim assim", lamentou o brasileiro que subiu ao pódio nas etapas anteriores em Daytona e Sebring.

A quarta etapa da temporada será realizada em Austin, no Texas, no dia 6 de maio.

Confira o resultado em Long Beach (Top-8 / Protótipos):

1 R. Taylor / J. Taylor (Konica Minolta Cadillac DPi-V.R Cadillac DPi) 63 voltas em 1h40min37s481
2 S. Sharp / R. Dalziel (Tequila Patron ESM Nissan DPi) a 6s349
3 T. Nunez / J. Bomarito (Mazda Motorsports Mazda DPi) a 15s735
4 S. Simpson / M. Goikhberg (JDC-Miller Motorsports ORECA LMP2) a 18s176
5 T. Kimber-Smith / W. Owen (PR1/Mathiasen Motorsports Ligier LMP2) a 1min05s741
6 T. Long / J. Miller (Mazda Motorsports Mazda DPi) a uma volta
7 J. Barbosa / C. Fittipaldi (Mustang Sampling Racing Cadillac DPi) a duas voltas
8 D. Cameron / E. Curran (Whelen Engineering Racing Cadillac DPi) Não completou

Notícias

Página inicial