Motor On Line
Notícias-

Endurance: Senna prevê muito trabalho antes de Daytona
Reportagem: Márcio Fonseca
MF2
Carros da United Autosports ficaram devendo em performance nos testes coletivos.

Bruno Senna admitiu que os Ligier JSP217-Gibson da United Autosports não conseguiram acompanhar o ritmo dos Cadillac nos treinos livres preparatórios às 24 Horas de Daytona, mas disse que não há motivos para desespero com vistas à tradicional prova de resistência do final do mês que abrirá a temporada do Weathertech Championship. "Nosso carro é muito novo e está apenas no início do desenvolvimento. Passou por diversas mudanças e esta foi praticamente a primeira vez que entrou na pista", justificou o atual campeão mundial de endurance da classe LMP2 depois de dividir o cockpit com o escocês Paul di Resta, o suíço Hugo de Sadeleer e o norte-americano Will Owen.

As equipes testaram de sexta a domingo no traçado da Flórida que receberá a corrida dos próximos dias 27 e 28. Os Cadillac dominaram todas as sessões, enquanto os Ligier da United Autosport encontraram dificuldades e não conseguiram se colocar entre os 10 mais rápidos que disputaram a simulação de classificação que serviu somente para definir a ordem de cada equipe nos boxes do autódromo. "Tivemos alguns problemas técnicos e não tivemos tempo de resolvê-los. Mas a equipe é boa e, a partir de agora, poderá trabalhar com base em todas os dados recolhidos nestes dias", lembrou Senna. "Chegaremos para a prova com mais informações que nos permitam brigar mais de perto com os Cadillac e os Acura, que também andaram bem. Mas temos de trabalhar bastante", acrescentou.

Senna elogiou os novos companheiros. Di Resta, 31 anos, é o mais rodado do trio. Fez três anos completos na Fórmula 1 pela Force India de 2011 a 2013 e substituiu Felipe Massa no GP da Hungria do ano passado, quando ficou como piloto reserva da Williams. Com apenas 20, Hugo de Sadeleer veio da European Le Mans Series, enquanto Will Owen, dois anos mais velho, saiu da mesma série. "É uma garotada inteligente e que acelera", disse. O ensaio geral do fim de semana colocou em confronto 20 protótipos e grande número de nomes conhecidos do público, como Fernando Alonso, que correrá em Daytona pela primeira vez no outro carro da United Autosports, Juan Pablo Montoya, Lance Stroll, Felipe Nasr, Christian Fittipaldi, Hélio Castroneves e vários outros. "O nível está bastante elevado. Não será fácil", concluiu.

Notícias

Página inicial