Motor On Line
Notícias-

Novo Honda Insight Prototype redefine o segmento de veículos eletrificados
Reportagem: R. Leite / V. Costa / M. Dellabarba
Honda Brasil
Desenvolvido com a inovadora tecnologia híbrida da Honda, o nome Insight retorna à próxima fase da Iniciativa de Eletrificação da Honda.

O novo Honda Insight Prototype fará sua estreia no dia 15 de janeiro no Salão Internacional de Detroit 2018, dando aos consumidores o primeiro vislumbre do próximo modelo que irá compor a crescente linha de veículos eletrificados da Honda. O protótipo revelado em Detroit antecipa a versão final que será lançada nos Estados Unidos no final deste ano, modelo que será posicionado acima do Civic na linha de automóveis de passageiros da Honda. O Insight se destacará frente a outros modelos híbridos compactos com seu elegante design de sedan, cabine espaçosa de 5 passageiros e desempenho de condução refinado, juntamente com alta eficiência energética.

"O novo Honda Insight 2019 sinaliza a entrada em uma nova era de eletrificação com uma nova geração de produtos da Honda que oferecem aos clientes os benefícios da tecnologia avançada deste tipo de motorização sem os tradicionais senões em design, recursos premium ou espaço interno", disse Henio Arcangeli, Jr. vice-presidente sênior de vendas de automóveis e gerente geral da Honda Division, American Honda Motor Co., Inc. "O Honda Insight deverá receber avaliações de economia de combustível compatíveis com os melhores híbridos do segmento e estilo que terá atração universal, dentro e fora, e o melhor espaço para passageiros do segmento".

O Insight Prototype possui um design elegante, com carroceria baixa e larga, destacado pela grade "flying wing" da Honda e parte frontal marcante, faróis em LED de baixo perfil e lanternas traseiras que combinam com o caráter acentuado e dinâmico e com as linhas extensas do teto, com caimento similar ao de um cupê. Com a sua plataforma tendo um longo entre eixos, o Honda Insight 2019 oferecerá o maior espaço interno para passageiros da categoria e uma série de recursos premium, incluindo assentos de couro perfurado, tela sensível ao toque de oito polegadas e quadro de instrumentos digital de LCD com sete polegadas. Trará ainda funcionalidades mais intuitivas e semelhantes aos smartphones, incluindo aplicativos customizáveis e atalhos de tela inicial, juntamente com as atualizações do sistema Apple CarPlay e Android Auto e as atualizações do sistema de over-the-air ativadas por meio de Wi-Fi, que destacam o Insight frente aos concorrentes.

O Insight oferecerá motorização com a maior potência da categoria e receberá classificação de economia de combustível EPA superior a 21 km/l (50 milhas por galão), competitiva com outros automóveis híbridos do mercado. O Insight adotará a terceira geração do sistema híbrido de dois motores da Honda, com um propulsor de ciclo Atkinson de 1.5 litros altamente eficiente, uma poderosa unidade elétrica e uma bateria de íons de lítio. Na maioria das condições, a Insight opera apenas com tração elétrica, extraindo energia do motor à combustão (operando como gerador) ou bateria. As baterias híbridas localizadas sob os bancos traseiros fornecem espaço e a flexibilidade de assentos traseiros dobráveis em 60/40.

O Honda Insight 2019 incluirá a tecnologia Honda LaneWatch na versão EX e superiores e oferecerá o pacote Honda Sensing de tecnologias avançadas de segurança como equipamento de série, incluindo o Sistema de Frenagem e Mitigação de Colisão (Collision Mitigation Braking System - CMBS), Alerta de Saída de Faixa (Lane Departure Warning), Sistema de Mitigação de Saída de Pista (Road Departure Mitigation), Controle de Cruzeiro Adaptativo com Assistente de Condução em Baixa Velocidade (Adaptive Cruise Control - Low-Speed Follow) e o novo Sistema de Reconhecimento de Placas de Trânsito (Traffic Sign Recognition).

O Insight será fabricado na planta Honda da Greensburg, Indiana, ao lado do Civic e do CR-V usando peças fabricadas localmente e de origem global. Ele será lançado no fim de 2018 e irá se juntar à série Clarity (Clarity Fuel Cell, Clarity Electric e Clarity Plug-in Hybrid) e ao novo Honda Accord Hybrid 2018, que chega às concessionárias norte-americanas no início deste ano.

No Salão Internacional de Detroit de 2017, a Honda anunciou a Iniciativa de Eletrificação da Honda e a intenção de ter dois terços de suas vendas de veículos globais direcionadas à veículos eletrificados até 2030, incluindo híbridos, híbridos plug-in, elétricos e por célula de combustível.

Sobre o Insight

Introduzido em 1999, o Honda Insight original foi o primeiro veículo híbrido da América do Norte, utilizando uma carroceria aerodinâmica de alumínio leve e a motorização híbrida Integrated Motor Assist (IMA) da Honda. O Insight da segunda geração estreou em 2009 como o híbrido mais acessível no mercado, oferecendo mais versatilidade com design de um hatchback de cinco portas e cinco passageiros e sistema híbrido IMA mais avançado. O novo 2019 Insight traz uma abordagem totalmente nova, utilizando a terceira geração da tecnologia híbrida de dois motores da Honda e oferecendo o estilo, o espaço, os recursos premium e o desempenho desejado pelos compradores de carros convencionais.

Sobre a Honda no Brasil

Em 1971, a Honda iniciava no Brasil as vendas de suas primeiras motocicletas importadas. Cinco anos depois, era inaugurada a fábrica da Moto Honda da Amazônia, em Manaus, de onde saiu a primeira CG, até hoje o veículo mais vendido do Brasil. De lá para cá, a unidade produziu mais de 23 milhões de motos, além de quadriciclos e de motores estacionários que formam a linha de Produtos de Força da Honda no País, também composta por motobombas, roçadeiras, geradores, entre outros.

Para facilitar o acesso aos produtos da marca, em 1981 nasceu o Consórcio Honda, hoje a maior administradora de consórcios do mercado nacional, que faz parte da estrutura da Honda Serviços Financeiros, também composta pela Seguros Honda e o Banco Honda. Dando continuidade à trajetória de crescimento, em 1992 chegavam ao Brasil os primeiros automóveis Honda importados.

Em 1997, a Honda Automóveis do Brasil iniciava a produção do Civic, em Sumaré (SP), de onde já saíram mais de 1,7 milhão de veículos. Durante esses anos a empresa também inaugurou Centros Educacionais de Trânsito, de Treinamento Técnico, de Distribuição de Peças e de Pesquisa & Desenvolvimento. Estruturou uma rede de concessionárias hoje composta por aproximadamente 1300 endereços.

Em 2014, em uma iniciativa inédita no segmento, a Honda inaugurou seu primeiro parque eólico do mundo, na cidade de Xangri-Lá (RS). O empreendimento supre toda a demanda de energia elétrica da fábrica de Sumaré, reduzindo os impactos ambientais das operações da empresa.

Em 2015, a Honda Aircraft Company anunciou a expansão das vendas do HondaJet, o jato executivo mais avançado do mundo, para o Brasil. E a segunda planta de automóveis da marca foi construída na cidade de Itirapina (SP) porque muito mais está por vir.

Notícias

Página inicial