Motor On Line
Notícias-

Motocross: Nova Alvorada do Sul MS é palco da quarta etapa do Brasileiro
Reportagem: Ângela Monteiro / André Carvalho
Foto: Gaspar Nóbrega
Mundo Press
Honda Racing está na liderança das categorias MX2 e Elite MX e quer assumir a ponta da tabela da MX1; Equipe acelera com os pilotos Jetro Salazar, Hector Assunção, Gustavo Pessoa e Lucas Dunka.

Liderar as principais categorias do Campeonato Brasileiro de Motocross. Esse é o objetivo da equipe Honda Racing para a quarta etapa da competição, que será disputada nos dias 9 e 10 de junho no motódromo Pedro Stradiotti, em Nova Alvorada do Sul (MS), com entrada franca para os fãs do esporte. Atual líder das classes MX2, com Gustavo Pessoa, e Elite MX, com Jetro Salazar, a equipe vermelha busca fechar o final de semana na ponta, também, da categoria MX1.

A Elite MX reúne os pilotos mais velozes da competição e ainda soma pontos para as classes MX1 e MX2. O líder Jetro Salazar está “em ponto de bala” para aumentar a sua vantagem e, de quebra, conquistar o desempenho que pode o levar para a primeira colocação da MX1. O equatoriano ocupa o segundo lugar na tabela da MX1, a apenas três pontos de Carlos Campano, da Espanha.

“Além da Elite, o meu foco é ser campeão da MX1. O título da categoria é muito importante e fica marcado na história”, afirmou o piloto. Ele foi campeão brasileiro da MX1 em 2016 e possui no currículo outros títulos de destaque, como os de campeão equatoriano, peruano e latino-americano de motocross. “Os quatro primeiros da MX1 estão bem próximos na tabela de classificação, então eu preciso forçar um pouco para assumir a liderança da classe”, completou Salazar, que compete com uma Honda CRF 450R.

Também na disputa pelo título nacional da MX1, em quarto lugar a oito pontos do líder, está o paulista Hector Assunção. “A MX1 está bem disputada. Acredito que o resultado de uma bateria pode acabar mudando tudo, o que me deixa bastante motivado. Quero colocar o Brasil no topo, já que eu sou o único brasileiro entre os quatro que estão na frente na disputa”, lembrou o piloto.

Líder e atual campeão da MX2, o paulista Gustavo Pessoa vem de um período de treinamento forte para seguir “voando” na competição. “Procurei melhorar minha largada e meu ritmo de prova nessas últimas semanas. Estou bastante focado, espero conseguir ser competitivo e brigar por mais uma vitória no campeonato”, disse o paulista, pronto para pilotar a motocicleta Honda CRF 250R.

O catarinense Lucas Dunka completa a equipe na quarta etapa do Brasileiro, piloto que passou a integrar a equipe vermelha após passar por um acirrado processo seletivo no HTT (Honda Talent Test). “Meu objetivo é sempre vencer, mas se isso não for possível, pretendo somar o máximo possível de pontos para garantir uma boa colocação no final do campeonato”, afirmou. O jovem talento está em quarto lugar na briga pelo título da MX2.

Realizada em Nova Alvorada do Sul após um hiato de seis anos, a quarta etapa do Brasileiro de Motocross será disputada em uma pista com 1,3 km de comprimento, oito metros de largura, 14 curvas e 24 obstáculos, entre kings, duplos, triplos, costelas e mesas. A equipe Honda Racing de Motocross conta com o patrocínio de Honda, Alpinestars, Bell, D.I.D e Mobil.

Campeonato Brasileiro de Motocross - 4ª etapa
​Base do evento: ​Motódromo Pedro Stradiotti, em Nova Alvorada do Sul (MS)​​

Entrada gratuita

Programação*

Sábado - 9/6
Treinos Livres
Das 8h30 às 8h50 - MX3
Das 8h55 às 9h25 - MX2 / MX2Jr
Das 9h30 às 10h - MX1
Das 10h05 às 10h20 - MX4 / MX5
Das 10h25 às 10h40 - 230cc
Das 10h45 às 11h05 - MXJr
Treinos Cronometrados
Das 12h10 às 12h30 – MX3
Das 12h35 às 13h05 – MX2/MX2Jr
Das 13h10 às 13h40 – MX1
Das 13h45 às 14h00 – MX4 / MX5
Das 14h05 às 14h20 - 230cc
Provas
15h15 - MX3 (20 minutos + duas voltas)
16h - 230cc (15 minutos + duas voltas)
16h20 - Pódio das categorias MX3 e 230cc

Domingo - 10/6
Warm up
Das 8h45 às 9h05 – MX2 / MX2Jr
Das 9h15 às 9h35 – MX1
Das 9h45 às 10h – MX4 / MX5
Das 10h10 às 10h25 – MXJr
Provas*
11h40 - MX2 / MX2Jr (30 minutos + duas voltas)
12h40 - MX1 (30 minutos + duas voltas)
13h35 - MX4/MX5 (15 minutos + duas voltas)
14h05 - MXJr (20 minutos + duas voltas)
14h35 - Pódio das categorias MX2Jr, MXJr, MX4 e MX5
15h - Elite MX (pilotos mais bem classificados da MX1 e da MX2 - 30 minutos + duas voltas)
15h50 - Pódio das categorias Elite MX, MX1 e MX2.

* A programação é fornecida pela organização do evento e está sujeita a alterações.​

Notícias

Página inicial