Motor On Line
Notícias-

Porsche Cup Império coroa campeões de sprint na preliminar do GP Brasil de F1
Reportagem: Luis Ferrari
Foto: Luca Bassani
Saiba tudo sobre a etapa final que acontece neste fim de semana em Interlagos.

Pelo 14º ano consecutivo os carros da Porsche Império Cup farão as corridas preliminares do GP Brasil de F1, o principal evento do esporte a motor no País. E, se na categoria rainha o título foi definido por antecipação, no campeonato dos carros de corrida mais produzidos no planeta todos os quatro campeões de sprint serão definidos na etapa final, em Interlagos.

Com a chegada dos novos carros com motor 4.0, o ingresso de jovens talentosos e a organização da Carrera Cup e da GT3 Cup, a temporada 2018 marcou o ano mais profissional da história da Porsche Cup.

Depois de cinco etapas de sprint, os campeonatos chegam a Interlagos para sua jornada final.

Na divisão principal, a Carrera Cup 4.0, foram seis vencedores diferentes em 10 provas. O líder do campeonato é o carro #8 da RCHLO, pilotado por Werner Neugebauer, vencedor de três corridas de sprint (além de outras duas de endurance). Mas, com a aplicação dos dois descartes previstos em regulamento após o fim do campeonato, no momento, a liderança é de Lico Kaesemodel, piloto do carro #63 da Shell Racing. Campeão há dois anos, Kaesemodel triunfou duas vezes em Interlagos na atual temporada.

Mas eles não são os únicos com chances de título.

Refletindo a altíssima competitividade da principal divisão dos carros de corrida mais produzidos no planeta, nada menos que seis competidores podem sair com o título em São Paulo. Além de Kaesemodel e Neugebauer, estão no páreo o pentacampeão Miguel Paludo, o bicampeão Constantino Jr, o atual campeão da antiga classe Challenge Marçal Müller e Pedro Queirolo.

A Carrera Cup 3.8 registrou em 2018 as disputas mais intensas do calendário.

A categoria contou com os três pilotos vencedores da edição pioneira do Porsche Junior Program, programa de desenvolvimento de pilotos que premiou com subsídios Vitor Baptista, Marcus Vario e Marcel Coletta. A presença do trio de jovens na divisão estimulou a entrada de outros competidores da mesma faixa etária (16 a 24 anos de idade). Todos eles de olho no título e na bolsa para disputar a temporada seguinte na classe 4.0 e habilitados para o shootout da Porsche -a fase global do programa que pode premiar o vencedor com um contrato como piloto de fábrica da marca de Stuttgart.

Assim, a Shell inscreveu Gaetano di Mauro, que se juntou a Enzo Elias, Pedro Aguiar, Bruno Baptista e Murilo Coletta na divisão.

Campeão da Eurofórmula Open e ex-piloto da World Series, Vitor Baptista venceu quatro vezes no ano e lidera na pontuação sem descartes. Mas Di Mauro, quarto colocado no Mundial de Kart na classe KZ2 neste ano, está rigorosamente empatado com ele em pontos quando desconsiderados os dois piores resultados de cada um.

Na GT3 Cup 4.0 quem aparece na frente é Sylvio de Barros, catapultado por um início de temporada avassalador com o carro #5. Adalberto Baptista reagiu na segunda metade do ano e é seu desafiante pelo título com a máquina #10.

Já na classe de entrada, a GT3 Cup 3.8, Paulo Totaro levou o campeonato na liderança até a penúltima etapa, quando amargou duas corridas sem pontos e viu Chico Horta assumir a dianteira com o Porsche #77 que corre com o mascote da banda Iron Maiden no capô -o carro foi usado pelo vocalista do grupo em ação promocional e trouxe sorte para o piloto que resolveu manter o monstro em seu layout.

A jornada em Interlagos terá os carros 4.0 e 3.8 acelerando em sessões separadas. Dentro de cada corrida haverá premiação e pontuação específicas para a Carrera Cup e a GT3 Cup.

Como acontece sempre em eventos suporte do GP Brasil de F1, as atividades têm início nesta sexta-feira, com os carros indo para a pista diretamente para o treino classificatório. No sábado acontecem duas corridas: a 4.0 larga às 10h30, e a 3.8, às 16h25. No domingo é a 3.8 que abre o dia, com a corrida começando às 9h30; uma hora mais tarde os carros 4.0 partem para a última prova de 25 minutos mais uma volta da temporada. Todas as provas terão transmissão ao vivo pelos canais Sportv.

Cronograma

Sexta-feira, 9 de novembro
13h – 13h30 – Treino qualificatório 4.0
17h – 17h30 – Treino qualificatório 3.8

Sábado, 10 de novembro
10h30 – 11h – Corrida 1 – 4.0
16h25 – 17h – Corrida 1 – 3.8

Domingo, 11 de novembro
9h30 – 10h05 – Corrida 2 – 3.8
10h30 – 11h05 – Corrida 2 – 4.0

Notícias

Página inicial