Motor On Line
Notícias-

Stock Car: Zonta começa etapa de Goiânia como terminou a do Velo Città na frente
Reportagem: Luis Ferrari
Foto: José Mario Dias
Paranaense da Shell lidera primeiro dia de treinos livres; Átila Abreu volta ao carro #51 e se sente confortável e sem dores.

Em grande fase, Ricardo Zonta começou o fim de semana de Goiânia no mesmo lugar onde terminou o do Velo Città: na liderança. Maior pontuador da última etapa na pista, o paranaense da equipe Shell V-Power foi o mais rápido no primeiro dia de treinos livres para a terceira etapa da Stock Car, nesta sexta-feira.

O dia também marcou o retorno de Átila Abreu ao carro #51. Recuperado de uma fissura na vértebra após um acidente no Velopark, o sorocabano cumpriu normalmente a programação estabelecida pela equipe. Gaetano di Mauro foi o décimo no primeiro treino, enquanto Galid Osman obteve um 14º e um 23º lugares.

Com sol forte no primeiro treino, Gaetano di Mauro e Ricardo Zonta entraram na pista logo no primeiro grupo, e ocuparam a sexta e sétima colocações. Depois que o segundo grupo foi à pista, os dois caíram para décimo e 12º, enquanto Galid Osman terminou a sessão em 14º, três posições à frente de Átila Abreu.

No treino da tarde, Zonta mais uma vez demonstrou velocidade. Vencedor na pista de uma das provas em Goiânia no ano passado, Ricardo foi o mais rápido de seu grupo. Depois, com os dois grupos tendo treinado, o paranaense se manteve na primeira posição, com Gaetano em 18º, Átila em 22º e Galid em 23º.

A programação do fim de semana continua neste sábado, com o terceiro treino livre às 9h30 e a classificação às 13h30, com transmissão ao vivo pelo GloboEsporte.com. Domingo, as duas corridas serão exibidas ao vivo pelo SporTV2 às 13h e 14h05, com a segunda prova tendo grid invertido entre os dez primeiros da anterior.

Átila Abreu e Galid Osman estão elegíveis para o prêmio do Fan Push, um disparo adicional do botão de ultrapassagem na segunda corrida. A votação segue no site oficial (www.stockcar.com.br) até o começo da primeira prova deste domingo.

O que eles disseram:

"Trabalhamos bastante no acerto do carro, tanto para a corrida como para a classificação. Foi um dia bastante proveitoso, buscamos algumas direções diferentes para acertar o carro e ver como está o asfalto de Goiânia, que perdeu um pouco de aderência em relação à penúltima etapa do campeonato do ano passado. Terminar o dia com o tempo que viramos nos deixa bastante otimista, entramos no fim de semana com o pé direito para seguir no quali e na corrida."

Ricardo Zonta, piloto da Shell V-Power no carro #10

"Foi uma sexta-feira positiva, eu me senti muito bem no carro, sem dor, o que era uma preocupação. Fiquei um mês e meio sem fazer nenhum exercício físico tentando me recuperar. Fiquei confortável e não senti dor nenhuma. Quanto ao carro, podemos melhorar, houve problemas elétricos e perdi velocidade na reta. Vamos ter de analisar se não é relacionado aos problemas elétricos ou no motor. Evoluímos o carro, mas perdemos muito tempo nas retas, aí você começa a tentar achar em outras coisas. Foi positivo, e o Zonta liderou o dia, temos uma boa base de referência positiva. Vamos tentar resolver os problemas para entrar bem na tomada."

Átila Abreu, piloto da Shell V-Power no carro #51

"Estamos evoluindo bastante durante o fim de semana. É uma pista nova para mim com este carro, a cada saída que demos viemos melhorando. Não dá para ver pelos tempos, já que alguns pilotos andaram com pneus mais gastos e outros, menos, mas acredito que estamos num caminho positivo para a classificação."

Gaetano di Mauro, piloto da Shell Helix Ultra no carro #11

"Foi uma sexta-feira de bastante evolução, usei um jogo de pneu o dia todo. Estou bem confiante, está sendo nosso melhor fim de semana no ano, com o carro muito competitivo. Estou com boas expectativas para amanhã"

Galid Osman, piloto da Shell Helix Ultra no carro #28

Tempos dos treinos desta sexta-feira em Goiânia:

1º R.Zonta - 1m24s158
2º F.Lapenna - 1m24s335
3º V.Brito - 1m24s344
4º M.Wilson - 1m24s383
5º D.Serra - 1m24s520
6º D.Nunes - 1m24s597
7º B.Figueiredo - 1m24s664
8º R.Maurício - 1m24s682
9º M.Coletta - 1m24s691
10º L.Foresti - 1m24s693

Sobre a Raízen:

A Raízen, licenciada da marca Shell no Brasil, se destaca como uma das empresas de energia mais competitivas do mundo e uma das maiores em faturamento no Brasil, atuando em todas as etapas do processo: cultivo da cana, produção de açúcar, etanol e energia, comercialização, logística interna e de exportação, distribuição e varejo de combustíveis. A companhia conta com cerca de 30 mil funcionários, que trabalham todos os dias para gerar soluções sustentáveis que contribuam para o desenvolvimento do país, como a produção de bioeletricidade e etanol de segunda geração a partir dos coprodutos da cana-de-açúcar. Com 26 unidades produtoras, a Raízen produz cerca de 2,0 bilhões de litros de etanol por ano, 4,2 milhões de toneladas de açúcar e tem capacidade para gerar cerca de 940 MW de energia elétrica a partir do bagaço da cana-de-açúcar. A empresa também está presente em 66 bases de abastecimento em aeroportos, 67 terminais de distribuição de combustível e comercializa aproximadamente 25 bilhões de litros de combustíveis para os segmentos de transporte, indústria e varejo. Conta com uma rede formada por mais de 6.000 postos de serviço com a marca Shell, responsáveis pela comercialização de combustíveis e mais de 950 lojas de conveniência Shell Select. Além disso, a companhia mantém a Fundação Raízen, que busca estar próxima da comunidade, oferecendo qualificação profissional, educação e cidadania. Criada há mais de 14 anos, a Fundação Raízen possui seis núcleos no interior do estado de São Paulo e um em Goiás e já beneficiou mais de 13 mil alunos e mais de 4 milhões de pessoas com ações realizadas desde 2012.

Notícias

Página inicial