Motor On Line
Notícias-

Velocidade na Terra: final do Metropolitano foi sucesso em SJPinhais
Reportagem: Bispo Neto
Foto: Bispo Neto
MRT

A etapa final do Campeonato Metropolitano de Velocidade na Terra foi repleta de belas disputas no Autódromo de São José dos Pinhais, com a realização da 5.ª etapa, que contou com 75 participantes, com organização e promoção de Manoel Rodriguez e Leandro Stadler, da RS Motorsport Eventos. A etapa foi disputada em duas provas nas categorias Marcas "A" e "B", Turismo 1.600 "C" e Turismo 1600 "I", Turismo 5000 (Omega e Opala), Super Chev "A" e "B", Auto Cross "A" e "B" e Fusca Velocidade "A" e "Light", e patrocínio da Militec-1, Pelikano, Toyota Barigui, Gasoline Car Repairs, West Lake Pneus e Grameira Gabardo, com supervisão da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA).

Durante os Treinos Classificatórios, os cinco primeiros por categoria foram:

Auto Cross:
1.º) Alisson Marçal, 57s858;
2.º) Rafael Schuhli, 58s517;
3.º) Luiz Camargo, 58s622; e
4.º) Arthur Coletti, 1min07s625.

Super Chev "A":
1.º) Hamilton Morsch, 1min01s567;
2.º) Fábio Aramis, 1min02s251;
3.º) Pedro dos Santos, 1min02s640;
4.º) Rogério Torres, 1min02s734; e
5.º) Flávio Mendes, 1min03s466.

Super Chev "B":
1.º) Júnior Fagundes, 1min04s350;
2.º) Brendon Gabardo, 1min05s136;
3.º) Edson Pilatti, 1min05s195;
4.º) Vinícius Kavilhuka, 1min06s256; e
5.º) Dorival/Daniel do Valle, 1min07s726.

Marcas "A":
1.º) Leonardo Kovalski, 58s150;
2.º) Jean Gans, 1min 58s459;
3.º) Juca Lisboa, 59s949;
4.º) Stive Tokarski, 59s316; e
5.º) Nilton Silva, 1min03s413.

Marcas "B":
1.º) João Stabach, 59s634;
2.º) Ricardo Pamplona, 59s926.

Turismo 5000 (Omega):
1.º) Marcelo Tatsch, 57s782;
2.º) José Carlos Franzoi, 58s149;
3.º) Fábio dos Santos, 1min00s280;
4.º) Francesco Esposito Neto, 1min00s997; e
5.º) Flávio Mendes, 1min02s523.

Turismo 5000 (Opala):
1.º) João Rodrigo Chemin, 58s298;
2.º) Brendon Gabardo, 59s511;
3.º) Bernardo Kava, 1min01s914;
4.º) Márcio Chimentão, 1min04s645; e
5.º) Ricardo Smanioto, 1min10s122.

Turismo 1.600 "C":
1.º) Diego Lino, 59s898;
2.º) Thiri/Leandro Stadler, 1min04s462; e
3.º) Leandro dos Santos, 1min08s547.

Turismo 1600 "I":
1.º) Geovane Ciesielski, 1min00s659;
2.º) Antonio de Carvalho, 1min02s853; e
3.º) Jackson Carvalho, 1min05s283.

Fusca Velocidade "A":
1.º) Carlos Eduardo, 1min01s861;
2.º) Juliano dos Anjos, 1min02s291;
3.º) Ailson Júnior, 1min02s942;
4.º) Fabiano dos Anjos, 1min03s879; e
5.º) Gabriel dos Anjos, 1min04s046.

E na Fusca Velocidade "Light":
1.º) Alexandre Marzolla, 1min05s717;
2.º) Maycon Nishiba, 1min12s886;
3.º) Rafael Helgemberg, 1min19s446; e
4.º) Thiago Andolhe, sem tempo.

Auto Cross

A categoria Auto Cross contou com 5 participantes, realizando apenas uma prova por causa da chuva no domingo. A primeira corrida, Alisson Marçal largou na pole-position e mantendo a posição, seguido de perto por Rafael Schuhli, Luiz Camargo, Rogério Schuhli e Arthur Coletti. Ao fim de 10 voltas, a vitória foi de Alisson Marçal, na categoria Auto Cross, com o tempo de 12min28s302, seguido de Luiz Camargo, a 1s172, Rafael Schuhli, a 2s489, e, Arthur Coletti, a uma volta.

Resultado Final:

Super Fórmula:
1.º) Alisson Marçal, 41 pontos (Campeão);
2.º) Luiz Camargo, 30;
3.º) Rafael Shuhli, 24; e
4.º) Rogério Schuhli, 10; e
5.º) Arthur Coletti, 10.

Super Chev "A"

Reunindo 14 carros em seu grid, a categoria Super Chev "A" foi para a primeira corrida, com a promessa de bons pegas e muitas ultrapassagens. Mas também só foi realizada uma prova por causa da chuva. O pole position Hamilton Morch manteve a liderança da largada, seguido de perto nas primeiras voltas por Pedro dos Santos, Fábio Aramis, Rogério Torres, Celso Gabardo e Jackson Araújo. A "briga" pela liderança da prova foi muito boa entre Hamilton Morch e Celso Gabardo no fim da prova. Boa corrida de recuperação de Cleverson Petrich, que largou da última posição do grid e chegou em terceiro lugar. Após 12 voltas, a vitória na Super Chev "A" foi de Hamilton Morch, com o tempo total de 14min16s714, com Celso Gabardo em segundo, a 0s980, Cleverson Petrich em terceiro, a 2s355, Dário Ribeiro em quarto, a 4s467, e, Jackson Araújo em quinto, a 5s287.

Final:

Super Chev "A":
1.º) Hamilton Morch, 31 pontos (Campeão);
2.º) Brendon / Celso Gabardo, 23;
3.º) Cleverson Petrich, 18;
4.º) Dário Ribeiro, 15; e
5.º) Jackson Araújo, 12.

Super Chev "B"

Contando com 15 carros em seu grid, a categoria Super Chev "B" foi para a primeira corrida com os pilotos prometendo bons pegas pelas primeiras posições. O pole position Júnior Fagundes manteve a liderança da largada e passou a abrir vantagem para os demais, comprovando a sua boa fase na temporada 2019. Mas a "briga" foi boa entre Vinícius Kavilhuka, Brendon Gabardo e Edson Pilatti pela segunda posição. Depois de 13 voltas, a vitória na Super Chev "B" foi de Júnior Fagundes (Chaveirinho), com o tempo total de 13min42s394, tendo Celso Gabardo em segundo, a 12s452, Vinícius Kavilhuka em terceiro, a 13s054, Edson Pilatti em quarto, a 22s083, e, Dorival do Valle em quinto, a uma volta.

Júnior Fagundes (Chaveirinho) largou também na pole position da segunda corrida da Super Chev "B", e liderou até a quinta volta, quando passou a ter problemas com a caixa de direção e foi superado por Brendon Gabardo. Na disputa pela terceira posição, mais uma vez o "pega" foi bom entre Edson Pilatti, Vinícius Kavilhuka e Roberto Santos até a última volta. Ao fim de 12 voltas, a vitória na Super Chev "B" foi de Brendon Gabardo, com tempo total de 14min19s887, seguido de Júnio Fagundes, a 11s718, Edson Pilatti, a 12s550, Vinícius Kavilhuka, a 13s771, e, Roberto Santos, 15s770.

Final:

Super Chev "B":
1.º) Júnior Fagundes (Chaveirinho), 54 pontos (Campeão);
2.º) Celso / Brendon Zonta Gabardo, 53;
3.º) Edson Pilatti, 33;
4.º) Gabriel Ferreira / Vinícius Kavilhuka, 33; e
5.º) Roberto dos Santos, 21.

Marcas "A" e "B"

Os sete participantes das categorias Marcas "A" e "B" foram para a primeira bateria, com a promessa de belas disputas na principal categoria da Velocidade na Terra. O pole position Leonardo Kovalski manteve a liderança na largada e venceu de ponta a ponta, depois de boa disputa com Jean Gans pela primeira posição. Após 14 voltas, a vitória na Geral e na Marcas "A" foi de Leonardo Kovalski, com tempo de 15min26s840, com Jean Gans em segundo, a 1s621, Juca Lisboa em terceiro a 2s274 e Stive Tokarski em quarto, a 6s607. Na Marcas "B" a vitória foi de Ricardo Pamplona, com tempo de 15min34s913, seguido de João Stabach, a seis voltas.

Na segunda bateria das categorias Marcas, Leonardo Kovalski manteve mais uma vez a liderança na largada e travou mais uma bela disputa com Jean Gans pela vitória até a bandeirada final. Depois de 16 voltas, a vitória na Geral e na Marcas "A" foi novamente de Leonardo Kovalski, com tempo de 15min57s504, tendo Jean Gans em segundo, a 3s898, Stive Tokarski em terceiro, a 11s850, e, Nilton Silva em quarto, a 1min01s441. Na Marcas "B" a vitória foi novamente de Ricardo Pamplona, com o tempo de 16min30s853, seguido de João Stabach, a 2s185.

Final:

Marcas "A":
1.º) Leonardo Kovalski, 61 pontos;
2.º) Jean Gans, 46;
3.º) Stive Tokarski, 33;
4.º) Juca Lisboa, 18; e
5.º) Nilton Silva, 15.

Marcas "B":
1.º) Ricardo Pamplona, 61; e
2.º) João Stabach, 23.

Turismo 5000

Mais uma vez as categorias Turismo 5000 deram show na pista, com os Omegas (8) e Opalas (4), os mais rápidos de todas as categorias, fazendo duas belas corridas. A primeira corrida começou com o Omega de Marcelo Tatsch largando na frente, liderando de ponta a ponta, com uma pressão de José Carlos Franzoi no início da prova. O Opala de Bernardo Kava teve problemas e nem completou uma volta, não participando da segunda prova também. Ao fim de 13 voltas, a vitória foi de Marcelo Tatsch, na Geral e na categoria Omega, com o tempo de 15min22s924, seguido de José Carlos Franzoi, a 10s225, Fabiano Santos, a 10s627, Flávio Mendes, a 15s690, e Francesco Esposito Neto, a 22s269. Na categoria Opala a vitória foi de João Rodrigo Chemin, com tempo de 15min29s628, com Brendon Gabardo em segundo, a 3s505, Márcio Chimentão, a 7s910, e, José Meirelles, a duas voltas.

Na segunda corrida da Turismo 5000, Marcelo Tatsch manteve a ponta da largada da prova e liderou mais uma vez de ponta a ponta, sofrendo pressão de José Carlos Franzoi no início. O Omega de José Meirelles abandonou com quatro voltas. Depois de 16 voltas, a vitória foi de Marcelo Tatsch, na Geral e na categoria Omega, com o tempo de 15min49s456, tendo José Carlos Franzoi em segundo, a 3s931, Fabiano Santos em terceiro, a 39s874, Flávio Mendes em quarto, a 58s150, e, Tiago a duas voltas. Na categoria Opala nova vitória de João Rodrigo Chemin, com tempo de 15min42s818, seguido de Brendon Zonta Gabardo, a 46s730, Márcio Chimentão, a uma volta, e, e Ricardo Smanioto, a três voltas.

Final:

Omega:
1.º) Marcelo Tatsch, 61 pontos;
2.º) José Carlos Franzoi, 46;
3.º) Fabiano Santos, 36;
4.º) Flávio Mendes, 30; e
5.º) Márcio Chimentão, 24.

Opala:
1.º) João Rodrigo Chemin, 61;
2.º) Brendon Zonta Gabardo, 46;
3.º) Ricardo Smanioto, 18; e,
4.º) Bernardo Kava, 0.

Fusca Velocidade

As categorias Fusca Velocidade "A" e Light reuniram 15 participantes, também realizando duas belas corridas. A primeira corrida, com Carlos Eduardo largando na pole-position, mas perdendo a posição na primeira volta para Juliano dos Anjos, seguidos de perto por Ailson Júnior, Fabiano dos Anjos e Gabriel dos Anjos. Nickolas Lima abandonou na quarta volta, Maycon Nishiba e Thiago Andolhe com seis voltas. Ao fim de 13 voltas, a vitória foi de Juliano dos Anjos, na Geral e na categoria Fusca Velocidade "A", com o tempo de 14min04s536, seguido de Carlos Eduardo, a 1s706, Ailson Júnior, a 9s136, Fabiano dos Anjos, a 9s742, e, Emanuel Pauzer, a 25s130. Na Fusca Velocidade Light vitória foi de Alexandre Marzolla, com tempo de 14min49s200, com Rafael Helgemberg em segundo, a uma volta, e, Marcos de Melo em terceiro, a uma volta.

Na segunda corrida da Fusca Velocidade "A" e Light, Juliano dos Anjos manteve a liderança na largada, mas foi superado por Carlos Eduardo e brigaram até a bandeirada final pela vitória. Depois de 9 voltas, a vitória foi de Carlos Eduardo, na Geral e na Fusca Velocidade "A", com o tempo de 11min56s067, tendo Juliano dos Anjos em segundo, a 2s168, Emanuel Pauzer em terceiro, a 8s430, Edson Abrão em quarto, a 10s911, e, Juliano Tozetto em quinto, a 11s653. Na categoria Fusca Velocidade Light nova vitória de Alexandre Marzolla, com 9 voltas no tempo de 12min18s810, seguido de Marcos de Melo, a uma volta, e, Rafael Helgemberg, a uma volta.

Final:

Fusca Velocidade "A":
1.º) Carlos Eduardo, 54 pontos;
2.º) Juliano dos Anjos, 53;
3.º) Emanuel Pauzer, 30;
4.º) Edinho Abrão, 21; e
5.º) Juliano Tozetto, 21.

Fusca Velocidade Light:
1.º) Alexandre Marzolla, 61 pontos;
2.º) Marcos de Melo, 41;
3.º) Rafael Helgemberg, 41;
4.º) Maycon Nishiba, 0; e
5.º) Thiago Andolhe, 0.

Turismo 1600 "C" e "I"

E a primeira prova das categorias Turismo 1600 "C" e "I", com sete participantes, também teve apenas uma bateria realizada por causa da chuva na tarde de domingo. O pole position Diego Lino manteve a liderança na largada, seguido de perto por Geovane Ciesielski, que o ultrapassou na terceira volta. A disputa entre Geovane e Diego se estendeu até o início da 11.ª volta, quando o carro de Diego teve problemas técnicos e o piloto a abandonar a corrida. Ao fim de 15 voltas, a vitória na Geral e na categoria Turismo 1600 "I" foi de Geovane Ciesielski, com tempo total de 15min20s671, vindo em segundo Antonio de Carvalho, a 16s109, Denizard dos Santos, a 46s769 e, em quarto Jackson de Carvalho, a uma volta. E na Turismo 1600 "C", a vitória foi de Leandro dos Santos, com o tempo de 16min03s601, com Diego Lino em segundo, a cinco voltas.

Final:

Turismo 1600 "C":
1.º) Leandro dos Santos, 30 pontos;
2.º) Diego Lino, 1; e,
3.º) Thiri/Leandro Stadler, 0.

Turismo 1600 "I":
1.º) Geovane Ciesielski, 31;
2.º) Antonio de Carvalho, 23;
3.º) Denizard dos Santos, 18; e,
4.º) Jackson de Carvalho, 15.

O próximo evento da RS Motorsport será o 2.º Festival de Velocidade na Terra 2020, com data a ser confirmada pelos organizadores Manoel / Leandro e pela FPrA.

Notícias

Página inicial