Motor On Line
Notícias-

Stock Car: Zonta salva um top 10 em Buenos Aires e Ú 5║ no campeonato
Reportagem: Luis Ferrari
Foto: JosÚ Mario Dias
Piloto da Shell-RCM teve de pagar drive through na primeira corrida.

A etapa de Buenos Aires da Stock Car pintava como mais um capítulo na escalada de Ricardo Zonta na briga pelo título da temporada 2023 da maior categoria do automobilismo brasileiro. Só que uma punição na primeira corrida do dia, por uma queima de largada, estragou o resultado na abertura dos trabalhos. E o paranaense teve de brigar para limitar os danos na segunda prova. Conseguiu, com um décimo lugar, que o deixou em quinto na tabela, com 205 pontos.

Largando na nona posição, o piloto que conta com o apoio da Shell V-Power conseguiu ganhar duas posições na primeira parte da corrida e subir para sétimo durante a entrada do carro de segurança causada pela rodada do uruguaio Santi Urrutia. Foi quando ele recebeu o aviso de que teria de cumprir um drive through por queima de largada. A partir daí, a prova ficou completamente comprometida, já que ele teria de pagar a punição e ainda fazer o pit stop obrigatório.

Com isso, Zonta terminou em 29º a primeira prova, mesma posição em que largou na segunda. O paranaense, então, empreendeu uma boa corrida de recuperação. Ganhou várias posições antes da janela de pit stops obrigatórios, e deixou para fazer a parada no fim dela. Com isso, no retorno à pista, subiu para o décimo lugar. Posição assegurada pela última entrada do carro de segurança, causada pelo acidente entre Bruno Baptista e Cesar Ramos a poucos minutos do fim da prova. Foram 19 posições ganhas em 30 minutos e um top 10 salvo após um dia complicado em Buenos Aires.

Com isso, Zonta agora é o quinto colocado no campeonato, com 205 pontos, 43 atrás do líder Gabriel Casagrande. A próxima etapa da categoria está marcada para o fim de semana de 28 e 29 de outubro, no Velocitta, em Mogi Guaçu, interior de São Paulo. Na primeira passagem da Stock Car pela pista neste ano, o paranaense tem boas lembranças: fez uma pole position e venceu a primeira corrida do domingo.

O que ele disse:

"Não entendi direito o que aconteceu na punição, mas regras são regras. Cumpri o drive through na primeira corrida, não marquei pontos e tive de lutar para limitar os danos na segunda prova do dia. Apostei na estratégia, deixei para fazer o pit stop mais para o fim da janela e ainda consegui salvar uma décima posição. Não perdemos muitas posições no campeonato e agora vamos para o Velocitta, onde fiz pole e venci corrida neste ano. Vamos lutar por um bom resultado lá para seguir na briga. "

Ricardo Zonta

Stock Car – Classificação (top10):

1. Gabriel Casagrande 248 pontos
2. Rubens Barrichello 227
3. Thiago Camilo 216
4. Rafael Suzuki 207
5. Ricardo Zonta 205
6. Felipe Fraga 202
7. Gianluca Petecof 201
8. Daniel Serra 191
9. Guilherme Salas 184
10. Cesar Ramos 168

Sobre a Raízen

Com o propósito de redefinir o futuro da energia a partir de um amplo portfólio de soluções renováveis, a Raízen possui um modelo de atuação único e irreplicável, sendo protagonista em todos os setores em que atua e liderando a transição energética do País. Ao promover impacto positivo a todos os seus stakeholders, a empresa tem como compromisso produzir hoje a energia do futuro, por meio do crescimento sustentável lucrativo do negócio, orientada por metas factíveis, sólidas e alinhadas ao seu propósito.

Por meio de tecnologias avançadas e proprietárias, a Raízen tem ampliado seu portfólio de renováveis, como o etanol de segunda geração (E2G), o biogás, biometano e a bioeletricidade de fontes 100% limpas. Desde sua formação, a Raízen já evitou 30 milhões de toneladas de CO2 e tem como objetivo ampliar o potencial de descarbonização por meio de seus produtos para mais de 10 milhões de toneladas de CO2 evitados por ano. Ainda, a empresa tem como um de seus objetivos, ser o melhor parceiro na descarbonização, por isso, assumiu a meta de ter 80% do EBITDA de negócios e fontes renováveis até 2030.

Com um time de cerca de 40 mil funcionários, opera 35 parques de bioenergia, com capacidade instalada para moagem de 105 milhões de toneladas de cana com cerca de 1,3 milhão de hectares de áreas agrícolas cultivadas com tecnologia de ponta e colheita totalmente mecanizada. Na safra 21´22, produziu 3,5 bilhões de litros de etanol, 6,2 milhões de toneladas de açúcar e 2,9 TWh de bioenergia produzida a partir da biomassa da cana.

Por meio de uma rede de mais de 8 mil postos revendedores que estampam a marca Shell no Brasil, na Argentina e no Paraguai, atende milhões de consumidores diariamente em suas jornadas, oferecendo desde os exclusivos combustíveis da família Shell V-Power até praticidade e benefícios na hora do pagamento com o aplicativo Shell Box. Pelo Grupo Nós (Joint venture com a FEMSA Comercio), atua no varejo de conveniência e proximidade com mais de 1.400 lojas Shell Select e com os mercados OXXO. Na safra 21´22 comercializou 34 bilhões de litros de combustíveis por meio de sua infraestrutura que conta com mais de 70 terminais de distribuição pelo país, com presença em 19 portos e 70 bases de abastecimento em aeroportos.

Está entre as maiores empresas do Brasil. Na safra 21’22, a Raízen apresentou uma receita líquida de R$ 196 bilhões, gerando emprego e renda, dinamizando a economia e promovendo impacto social positivo por meio de inúmeras ações, com destaque para a Fundação Raízen, instituição sem fins lucrativos que há 20 anos atua na educação de crianças e jovens em situação de vulnerabilidade social.Projeto Time KGV - Stock Car – Ano 2, aprovado na Lei Federal de Incentivo ao Esporte e registrado junto ao Ministério da Cidadania (Secretária Especial do Esporte) sob o número de processo 71000.052566/2021-06

Notícias

Página inicial